Siga-nos nas redes sociais

Rumor

Lauren Cohan provavelmente nunca voltará como Maggie em The Walking Dead em tempo integral

Mesmo que a nova série de Lauren Cohan não seja renovada, dificilmente a atriz retornará como personagem principal em The Walking Dead.

Publicado há

em

Lauren Cohan, que saiu de The Walking Dead depois de sete anos e que agora está interpretando um papel principal na comédia de ação Whiskey Cavalier, provavelmente não voltará ao nosso mundo pós apocalíptico favorito em tempo integral.

Cohan está prevista para voltar para a décima temporada, embora como convidada, e parece que a atriz de 37 anos não vai voltar à sua posição permanente na série mesmo que Whiskey não tenha uma segunda temporada. Quando apareceu na turnê de imprensa da Television Critics Association, Cohan disse que optou por seu novo show porque ela “chegou a um território que era divertido.”

“Eu estava tipo, eu fiz esse show por um longo tempo”, disse Cohan ao explicar por que ela deixou The Walking Dead. “Foi muito tempo para interpretar um personagem, e às vezes quando você fica quieto e ouve sua voz interior, é hora de realizar várias tarefas.”

Embora Cohan tenha apresentado o filme de terror O Boneco do Mal e aparecido ao lado de Mark Wahlberg em Mile 22 dirigido por Peter Berg, ela está pela primeira vez como personagem principal de sua própria série com o co-líder Scott Foley em Whiskey Cavalier.

LEIA TAMBÉM:
Lauren Cohan relembra cena desconfortável em The Walking Dead que a fez vomitar

Mesmo com seu futuro no ar – o site de rastreamento de audiência TV By the Numbers diz que o destino de Whiskey é um “jogo entre renovação e cancelamento”, após o site no início deste mês informar que a nova série estava “perigosamente perto do território provável de cancelamento” – o possível cancelamento de Whiskey não deve ser interpretado como uma indicação de que Cohan vai voltar para The Walking Dead como uma atriz regular, especialmente com a sua próxima temporada que já está à muito tempo em obras.

“Espero que funcione. Nós atravessaremos essa ponte [quando chegarmos nela],” disse Angela Kang, a showrunner de The Walking Dead, ao Comic Book em outubro, que trabalhou em torno dos compromissos do Cohan com o Whiskey.

“Lauren e eu tivemos conversas, e ela está animada para voltar, mesmo que não seja por uma temporada completa. Podemos trabalhar com isso.”

Kang disse que não é nada mais do que “problemas de agendamento”, explicando: “Vamos descobrir a história. Ela é ótima. Nós temos um ótimo relacionamento, e ela ainda ama o show. Às vezes nossos atores precisam abrir um pouco suas asas. Nós entendemos isso.”

LEIA TAMBÉM:
Lauren Cohan pode ter revelado o retorno de Maggie para The Walking Dead

Cohan confirmou em novembro que ela havia se engajado em uma “conversa criativa de história sobre o que poderia acontecer com a personagem”, porém mais recentemente, ao responder uma questão sobre um possível spinoff de Maggie, Cohan disse que as respostas sobre o futuro de The Walking Dead são “muito ambíguas”.

“É cedo”, disse Cohan na turnê de imprensa da Television Critics Association em fevereiro. “Nós apenas temos que – eu, tanto quanto qualquer um – ver o que acontece.”

Os fãs devem esperar uma resolução para a história de Maggie de uma forma ou de outra – a líder de Hilltop foi descartada quando foi revelado que ela partiu silenciosamente da colônia agrícola para ajudar a benfeitora Georgie (Jayne Atkinson) com uma comunidade distante e desconhecida, mas o mandato de Cohan como membro do elenco em tempo integral em The Walking Dead terminou no episódio 9×5, “What Comes After”.

Em novembro, uma declaração conjunta escrita por Kang e o diretor de conteúdo Scott Gimple, contou que o atual episódio final de Cohan “não é o fim da história de Maggie”, e que seus produtores esperam tê-la de volta, finalizando que construíram uma história para servir a isso.

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA