Siga-nos nas redes sociais

HQ

The Walking Dead Deluxe 3 – Cutting Room Floor: Roteiro e Comentários

Confira curiosidades do roteiro original e comentários de Robert Kirkman sobre a 3ª edição da HQ lançados na The Walking Dead Deluxe 3.

Publicado há

 

em

A The Walking Dead Deluxe 3 foi lançada em 18 de Novembro de 2020 nos EUA. Com a decisão de publicar novamente todas as edições dos quadrinhos de The Walking Dead, dessa vez em cores e chamados de “Deluxe”, foi anunciado que os roteiros originais escritos a mão por Robert Kirkman seriam liberados junto.

Além desses roteiros, o próprio Kirkman estará comentando os principais tópicos e o porquê dessas decisões, criando o conteúdo extra chamado de “Cutting Room Floor“.

O texto de chamada da edição 3 conta: “Depois de se reunir com sua família, Rick é recebido no acampamento por seus companheiros sobreviventes: Andrea, Dale e… Shane.”

Além da Cutting Room Floor, um dos outros conteúdos extras e super especiais que tem na The Walking Dead Deluxe é o “Letter Hacks“, onde o Kirkman e sua equipe respondem aos questionamentos dos fãs.

Abaixo você confere o Cutting Room Floor da The Walking Dead 3.

COMENTÁRIOS DO ROTEIRO – THE WALKING DEAD DELUXE 3

Bom, eu vou mergulhar direto na discussão causadora de vergonha alheia sobre a lavagem de roupas. Eu precisava de uma página inteira das personagens mulheres falando sobre lavar roupa enquanto os homens caçam? Provavelmente, não. Em minha defesa, eu sabia que, se a saga passasse da sexta edição, eu levaria as personagens femininas para direções bem interessantes conforme a saga avançava.

Então, começar essas direções aqui, me daria muito espaço para fazê-las crescerem e evoluírem ao longo do caminho. De qualquer forma, eu tinha 23 anos quando comecei a escrever essa HQ, então esse não é o último motivo de vergonha (para mim, pelo menos) que escrevi nessa saga.

Eu teria lidado com as coisas de forma diferente se tivesse escrito isso hoje. Talvez, eu teria feito Allen ou Jim ajudar com a lavagem das roupas.

Mais ou menos, essa edição segue o roteiro fielmente. Eu tinha, originalmente, programado essa edição para 24 páginas mas consegui reduzir a cena do Carl e Sophia de duas páginas para apenas uma. Assim como, reduzi também a cena de caça para uma página só.

Nesse estágio do roteiro, eu não tinha a ideia de que a cabeça ficaria viva mesmo depois de ser decapitada por Dale. Provavelmente, eu percebi que a cabeça ficaria viva por causa da minha tentativa de canonizar as “Regras Romero” nessa saga, e adicionar algumas coisas.

Também, originalmente, Shane e Rick iriam trazer o cervo de volta para o acampamento e iriam comê-lo, mesmo depois de o zumbi ter “sujado” a carne. Percebi que isso era meio nojento demais, e decidi não colocar.

OBSERVAÇÕES DAS PÁGINAS

Página 2: “Introduções. Mostrar todo mundo. Homem gordo. Homem velho.” – Sim, os personagens sempre começam em lugares bem originais como “homem gordo” e “homem velho”.

Página 4: “Se atualizando fora da tenda. Tirando a mão” – A curiosidade é que eu não tinha planejado para Rick pegar sua aliança de volta nessa edição, e nem acho que esse momento estava no roteiro. Tony sugeriu para mim como uma pergunta quando ele estava desenhando a página de Rick e Lori na frente da tenda. Percebendo que sim, Rick deveria pegar sua aliança de volta em algum momento, e esse era o único momento para isso, eu falei para o Tony adicionar um quadro nessa página e eu encaixaria no diálogo. Provavelmente, eu devia ter dado mais espaço a esse momento. É meio estranho que foi dado mais tempo para ele tirando a mão do que para ele recebendo a aliança, ah… arrependimentos.

Página 5: “Você está tremendo.” / “Não tive tempo de estar assustado” – Na época, pensei que era uma fala bem legal e assustadora. Eu SEMPRE fui um fã do filme Predador… igual a todo mundo… e eu não sei porquê não pensei que a semelhança com a famosa fala de Jesse Ventura “Eu não tenho tempo para sangrar”, faria a minha parecer um pouco boba. Arrependimentos.

Páginas 10: “Lori vai lavar roupas. Fala para o Carl ficar no acampamento” – Isso é histórico. Definitivamente, a primeira vez que um personagem manda Carl ficar em algum lugar (e não dá muito certo).

Página 16: “Caçando e acha zumbi comendo servo” – Me dê um desconto, eu escrevi “cervo” corretamente DUAS VEZES depois dessa gafe.

Página 24: “Corre para Lori e Carl: Nós estamos bem!” – Quando escrevi isso para a última página da edição, eu sabia que seria contrastado com Shane olhando para eles de longe, mostrando que as coisas NÃO estão nada bem. Então, às vezes, você vai ver coisas como essa que não estão no roteiro porque nem me importei em escrevê-las, já que sabia que não esqueceria. Agora que estou um pouco… mais velho… eu não arrisco tanto com meus roteiros atuais porque já teve momentos no passado que eu estava escrevendo a edição final e dizia para mim mesmo: “O que você queria aqui?! O que é essa cena? O que isso significa?”

No final do roteiro, você pode ver um resumo dos personagens introduzidos nessa edição. Foi quando eu finalmente parei e resolvi dar nomes às pessoas. Até cita um pouco da história de Jim em: “Fugiu de Atlanta, é louco”. Jim era um personagem muito especial para mim e eu tinha grandes planos para ele. Mas vou entrar nesse assunto mais para frente.

Publicidade
Comentários