Siga-nos nas redes sociais

4ª Temporada

[ALERTA DE SPOILER] David Morrissey fala sobre a volta do Governador e o que vem a seguir

Publicado há

 

em

ATENÇÃO: Esta matéria contém spoilers do quinto episódio da quarta temporada, “Internment” (Internamento).

O episódio de ontem a noite de The Walking Dead foi brutal. O vírus tomou conta e começou a matar pessoas, que em seguida voltaram como zumbis e começaram a matar mais pessoas. Nós quase perdemos Glenn e Sasha. Mas sem duvidas, o momento que todo mundo está comentando foi a última cena, que revelou a tão esperada volta do Governador. Vimos o vilão de Woodbury olhando à distancia para a prisão. Mas o que significa isso? Onde ele esteve? E o que vem a seguir? O Entertainment Weekly conversou com o homem por trás do tapa-olho, o ator David Morrissey, para obter algumas respostas.

ENTERTAINMENT WEEKLY: Bem, senhor, o Governador espionando a prisão foi uma reentrada muito ameaçadora como vimos hoje. Esse cara simplesmente não pode deixar isso pra lá, não é?

DAVID MORRISSEY: Ele está a procura de segurança e a principal característica é que ela é um lugar para ficar. É uma alternativa no nosso mundo zumbi. A prisão é um lugar de proteção, mas não é um lugar de encarceramento, é por isso que ele está olhando pra ela.

EW: Então não é uma vingança pessoal?

MORRISSEY: Gostaria de sugerir que ele está olhando para o prédio, não para as pessoas que estão nele. Embora as pessoas que estão nele sejam inconvenientes, porque eles estão conseguindo segurança. É mais sobre a construção que sobre as pessoas.

EW: Então, eu sei que agora nós iremos, finalmente, descobrir o que o Governador tem feito desde que o vimos matando seu próprio povo e desaparecendo com seus dois soldados. E eu sei que vai envolver flashbacks mostrando o que aconteceu com ele, depois disso. O que mais você pode nos dizer sobre o que está pra vir?

MORRISSEY: O que você vê no final desse episódio é que ele está em forma, ele parece bem e saudável – então ele está pronto para o confronto, independente de como seja. Então, nossas perguntas despertaram no episódio 5 e serão respondidas no episódio 6. Vamos ver um pouco mais de onde ele esteve nesses últimos meses. Eu acho que é justo dizer que o final da 3ª temporada o deixou num espaço muito difícil. Ele tinha transformado todo o seu povo e ele não fez isso com nenhum prazer. Ele não é alguém que estava fazendo isso de maneira premeditada. Ele sai de si com uma raiva muito espontânea. É como se uma névoa vermelha tivesse descido sob ele e acho que o que vamos ver nos próximos episódios é alguém que está chegando a um acordo com a pessoa que vimos no final da 3ª temporada – se ele se abraça com essa pessoa ou se ele luta contra ela. Isso é o que vamos ver. Ele mudou. Ele está definitivamente mudado. É justo que se diga isso. E o que vamos ver é a que essa mudança tem o levado.

The-Walking-Dead-4-Temporada-Episodio-6-Live-Bait-001

EW: Na temporada passada, quando fomos apresentados ao Governador, o vimos em um ponto inferior em termos de evolução, comparado com os quadrinhos. Então vimos que ele se desenvolve ao longo da temporada. Onde essa evolução está agora?

MORRISSEY: Ele ainda é o homem que conhecemos. Não é como se pudesse apagar o passado ou mudar de caráter totalmente. Ele é um homem que está consciente de si mesmo agora. Eu acho que o Governador, no inicio da 3ª temporada, foi um homem que estava construindo um futuro. Ele tinha um futuro para Woodbury. Ele tinha planos para Woodburry. E esses planos se quebraram. E, certamente, o futuro de sua filha e de qualquer tipo de experimento para a cura que ele e Milton estavam explorando – foram jogados pela janela. Nós deixamos ele com si mesmo e com dois capangas – ele perdeu tudo. Então, ele ainda é um homem que perdeu tudo. E eu acho que o que vemos chegando é a forma de como ele lida com essa perda. Ele é um homem perigoso ainda e ele sabe o quão perigoso ele é. Ele sabe do que é capaz e isso é uma coisa muito perigosa. E como eu disse, é sobre se ele abraça o homem perigoso que é ou se luta contra ele. Essa é a pergunta: Qual personagem ele é feliz em ser? Qual personagem ele está tentando ser? Podemos vê no final do episodio 5 que ele está do lado de fora e olhando para a prisão e não sabemos se ele está vindo em paz ou para entrar em guerra. Nós não sabemos ainda. Portanto, teremos que esperar parar revelar os próximos episódios. Ele pode ter tido uma reviravolta, mas não sabemos. Ele é um homem que reconhece suas próprias capacidades, e é justo que siga isso.

EW: Há sempre uma pergunta: Será que um vilão percebe ou até mesmo pensa em si mesmo como um vilão? E parece que você está dizendo é que ele está realmente fazendo um balanço da sua própria situação e tentando entender em que ele se tornou.

MORRISSEY: Eu acho que ele é inteligente o suficiente para saber que há algo errado com ele. Eu não acho que ele está totalmente satisfeito com as atitudes que ele demonstrou. Nunca estava em seus planos matar o próprio povo. E a perda da filha fez algo terrível para seu cérebro. Essa é a luta que ele terá daqui pra frente. Eu acho que, uma vez que alguém tenha cometido um ato assim ou feito algo do tipo, eles reconhecem suas capacidades e eles podem manter o controle de si mesmos. Porque eles realmente sabem agora – é aquele clichê de “você não gostaria de me ver com raiva” – que há um sentimento de saber onde sua raiva pode leva-lo. E essa é a sua batalha, e certamente será sua batalha na 4ª temporada.

EW: Eu sei que você usou “A Ascensão do Governador”, de Robert Kirkman, para obter ajuda com a história de fundo, no ano passado. Com mais dois livros do Governador agora, isso será algo que iremos explorar mais? Essa será a sua ferramenta para essa temporada?

MORRISSEY: Toda a escrita de Kirkman é uma ferramenta, pois ele escreve muito bem. Eu recomendo vivamente que todos possam ler tudo o que existe desses romances porque eu acho eles brilhantes. Eu pessoalmente gosto da escrita de Robert nesses três romances mais do que as histórias em quadrinhos. Mas esse é meu gênero: eu gosto de romances mais do que HQ’s. Então, eu recebo um monte desses romances. Se iremos usar isso nessa temporada, você vai ter que esperar para ver, mas eu sempre recebo um monte de escrituras de Robert sobre o Governador. Como eu disse, se vamos usar ou não nessa temporada, você vai ter que esperar para ver, mas eles são tão ricos em características que, sim, eu irei usa-los.

O que você achou do retorno do Governador? Ele poderia ter mudado de alguma maneira? Você acredita que ele seja o culpado pelos ratos na cerca ou que ele tenha um espião na prisão? Deixe todos os seus pensamentos nos comentários abaixo.


Fonte: Entertainment Weekly
Tradução: @LuanaSieb / Staff Walking Dead Brasil

Publicidade
Comentários

EM ALTA