Siga-nos nas redes sociais

6ª Temporada

The Walking Dead 6ª Temporada: Perguntas e Respostas com Lauren Cohan (Maggie Greene)

Publicado há

em

Atenção! Este conteúdo contém SPOILERS do décimo primeiro episódio, S06E11 – “Knots Untie” (Desatando Nós), da sexta temporada de The Walking Dead. Caso ainda não tenha assistido, não continue. Você foi avisado!

Lauren Cohan, intérprete de Maggie Greene em The Walking Dead, fala sobre a construção de uma vida durante o apocalipse e o que Hilltop significa para o grupo.

P: Glenn e Maggie parecem estar tentando construir algo, apesar do mundo ao seu redor. Isso é possível durante um apocalipse zumbi?

Lauren Cohan: Eu tenho esperanças constantemente, e Maggie também. Eu acho que, neste ponto, eles já passaram por tantas coisas e, para honrar as pessoas que eles perderam, eles devem lutar para sobreviver e para preservar o que sobrou. De outra maneira, estas perdas seriam em vão, se não viverem para procriar, ter uma vida e construir um futuro. Há sempre uma possibilidade de vida e de bondade. Eu acho que ela está definitivamente focada em construir esta vida, apesar das dificuldades.

P: Falando em construir algo… Michonne e Rick estão juntos, assim como Tara e Denise estão apaixonadas. Há tanto amor no apocalipse? O que você acha disso?

Lauren Cohan: Sim, e estamos muito felizes por haver mais romance. Em momentos assim, de vida ou morte, você lembra das pessoas na sua vida e isso pode acabar em sexo (risos). Você encara a sua própria mortalidade, e é do instinto humano sobreviver, e eu acho que todos estão encarando a sua mortalidade neste momento. Faz com que você se apegue ao amor e à vida.

P: Como a morte de Deanna afetou Maggie? O que você acha de Rick falar que Deanna estava certa sobre ela?

Lauren Cohan: Durante a vida de Maggie, ela sempre teve pessoas legais em quem se espelhar – Hershel sendo o principal. Deanna é capaz de ensinar a Maggie outro aspecto da liderança e da vida adulta. A amizade com Deanna, e tê-la como mentora foi importante para Maggie, e para todo o grupo. Rick realmente está feliz por Deanna trazer à tona estas habilidades em Maggie, mostrando a ele a sua capacidade, tornando-a ainda mais confiável.

P: Maggie fala a Spencer que ele ainda tem uma família, apesar de ter perdido a sua, e ela parece também querer que Enid se sinta incluída. O que isso diz a respeito de sua natureza?

Lauren Cohan: Conhecemos Maggie como sendo alguém de família. Ela perdeu a sua, mas com o grupo não há tempo a perder. Sabemos que os laços de sangue são os mais fortes, e o grupo tem sorte o suficiente para estender este laço a todos, ainda que não parentes. Maggie acredita muito nisso. Às vezes é difícil amar e repreender as pessoas, como Enid, e dizer “você é melhor do que isso”. Isso é amor, e é o que importa.

P: No episódio 11, Maggie é quem senta para negociar um acordo em Hilltop com Gregory. Você se sentiu orgulhosa por se advogar para si e para o grupo?

Lauren Cohan: Sim! Ela está tão focada em criar um lar seguro para si, sua família e seu bebê. Ela não está fazendo bobagem. Eu usaria uma palavra mais forte, mas ela não está fazendo bobagem. (Risos) É uma oportunidade e ela se amaldiçoará se a deixar escapar.

P: Você acha que o grupo descobrir que o mundo é muito maior é algo bom ou ruim?

Lauren Cohan: Eu acho que é algo bom. A chave para sobreviver é negociar, fazer trocas e expandir. Isso é o que Hilltop oferece.

P: Como é interpretar Maggie ao fazer sua primeira ultrassonografia? Com Judith tudo está indo bem, isso dá esperanças a Maggie e Glenn?

Lauren Cohan: Steven (Yeun) e eu estamos juntos por toda esta jornada e você não tem como não se emocionar interpretando isso. É o início de uma vida. Foi uma boa cena de se filmar. Aquele sentimento de família.

P: Em relação à gravidez de Maggie, Abraham pergunta a Glenn “Quando você estava molhando o biscoito, pensou em engravidá-la?” Você estava no set? Como fez para não rir?

Lauren Cohan: É difícil ficar sério com Michael Cudlitz e suas falas. Ele me mata! Fizemos esta tomada na van, eu estava dormindo, mas dá para ver que Maggie ouve e sorri, mas não o deixa saber que ela ouviu. Eu amo Abraham!

P: Maggie certamente percorreu um longo caminho desde seus dias de menina da fazenda. Você já olhou para trás e viu o quanto ela mudou? Sente falta da velha Maggie?

Lauren Cohan: Eu acho que ela foi bem atrevida com Glenn no começo. Eu lembro dela quebrando um ovo na cabeça dele e o destratando por 11 minutos de sua vida, que jamais voltarão atrás. Nesta temporada, porém, eu acho que houve um ressurgimento dessa garota atrevida, e tem sido legal, porque ela encontrou um novo estágio em sua força.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.


Fonte: AMC

Publicidade
Comentários

EM ALTA