Siga-nos nas redes sociais

11ª Temporada

The Walking Dead S11E06: Quem são as criaturas assustadoras?

Angela Kang, a showrunner de The Walking Dead, falou um pouco sobre os Ferals após a exibição do episódio “On the Inside”.

Publicado há

 

em

Um dos selvagens que aparece no episódio 6 da 11ª temporada de The Walking Dead.

The Walking Dead apresentou os “Ferals” (Selvagens), as criaturas assustadoras e rastejadoras que perseguiam Connie (Lauren Ridloff) e Virgil (Kevin Carroll) no episódio 6 – “On the Inside” da 11ª temporada. E, não, eles não são zumbis.

Fugindo de walkers após o colapso da caverna onde ela desapareceu durante a Guerra dos Sussurradores na 10ª temporada, Connie teme que eles estejam sendo observados enquanto se escondem dentro de casa aparentemente abandonada.

Enquanto eles exploram a casa – que possui quadros de pessoas com os olhos arranhados – para saber se estão seguros, Connie acaba descobrindo que eles não estão sozinhos ao encarar um olhar sinistro por um buraco na parede.

Separada de Virgil, Connie percebe através das vibrações dos passos dos selvagens que eles estão a perseguindo. Uma criatura curvada, grunhindo e rosnando de fome persegue Connie, que acaba encontrando um porão cheio de ossos de suas vítimas anteriores.

Querendo criar uma “boa história de terror de uma casa mal-assombrada à moda antiga” para o retorno icônico de Connie, os Ferals são um exemplo extremo de pessoas “que foram longe demais” neste mundo do apocalipse zumbi.

LEIA TAMBÉM:
“On the Inside” é um dos melhores episódios de The Walking Dead
Quem morreu no 6º Episódio da 11ª Temporada de The Walking Dead?

A história dos Ferals em The Walking Dead

“Nós já encontramos canibais, já falamos sobre as pessoas que a Maggie encontrou enquanto estava na estrada, vimos os Sussurradores… Sempre falamos sobre essas pessoas que ficaram completamente selvagens e que tipo de desespero seria necessário para chegar até esse ponto.”, contou a showrunner Angela Kang. “Greg Nicotero (diretor do episódio) e o grupo da KNB tomaram todas as decisões para que essas criaturas fossem únicas e diferentes dos zumbis e tivessem sua própria aparência aterrorizante.”

O corredor com retratos desfigurados conta um pouco da história passada dos Ferals, os rastreadores canibais que observam, perseguem e guiam suas vítimas para a casa assombrada.

“Achamos isso assustador, o que é muito divertido. Mas as fotos que estão na parede são de parentes ou até mesmo de algumas dessas pessoas que se tornaram selvagens e estão morando naquela casa”, contou Kang. “E conforme eles foram ficando cada vez mais selvagens, eles começaram a destruir os vestígios de sua humanidade.”

The Walking Dead já explorou o canibalismo em temporadas anteriores, como vimos no Terminus ou com as crianças cuidadas pela amiga de Michonne, Jocelyn – mas a natureza selvagem deste grupo é única. Até mesmo os Sussurradores, que abandonaram quase todas as normas da sociedade civilizada, ainda interagiam e falavam uns com os outros como pessoas. Os Ferals são de longe as pessoas mais animalescas apresentadas em The Walking Dead até agora.

Publicidade
Comentários

EM ALTA