Siga-nos nas redes sociais

7ª Temporada

REVIEW THE WALKING DEAD S07E09 – “Rock in the Road”: Em frente e enfrente

Publicado há

em

Atenção! Este conteúdo contém SPOILERS dos quadrinhos originais e do nono episódio, S07E09 – “Rock in the Road” (Rocha na Estrada), da sétima temporada de The Walking Dead. Caso ainda não tenha assistido ou lido, não continue. Você foi avisado!

A estreia da mid-season e primeiríssimo episódio do ano chegou com tudo e mostrando a que veio essa segunda parte da 7ª temporada! Depois de uma construção extremamente necessária nos oito primeiros episódios da temporada, todos os ciclos foram fechados, abrindo caminho para à guerra. Diferentemente da construção da primeira metade da temporada, onde cada episódio focava em determinada comunidade/personagem, o episódio “Rock in the Road” mostrou um pouco de cada comunidade, juntando praticamente todo o elenco principal novamente.

O episódio se inicia com Padre Gabriel de guarda nos muros de Alexandria e lendo sua Bíblia, quando então, inesperadamente, ele abandona sua posição e vai até à dispensa da comunidade. Juro que quando ouvi um barulho de tudo caindo pensei que o misterioso ‘stalker’ da cena pós-créditos do mid-season finale havia atacado o melhor padre do apocalipse, mas não, o barulho era do próprio Gabriel pegando TODOS os suprimentos e armas de Alexandria, e em seguida, os colocou em um carro e simplesmente vazou. Meteu o pé. Sumiu. Desapareceu. Ninguém sabe o que aconteceu com o bendito Padre. É difícil de acreditar que Gabriel tenha apenas ido embora; se fosse uma 5ª temporada da vida, okay, super plausível, talvez no início da 6ª temporada, até dava pra engolir, mas agora? Depois de reafirmar diversas vezes em como ele acredita no Rick e como ele tem certeza de que Alexandria vai vencer no final? Difícil de acreditar. Mas é claro que todas essas crenças foram antes de ver Spencer e Olivia serem assassinados em sua frente, então ele pode realmente ter mudado de ideia e resolveu ir embora. Ou talvez ido esconder os suprimentos da comunidade? Tentar realizar uma troca com os Salvadores? Ou ainda alguma interação da qual ainda não sabemos que aconteceu entre Gabriel e o misterioso ‘stalker’, e aquela seria uma espécie de oferenda em troca da ajuda do grupo dele? São muitas as opções a se considerar, mas a mais importante das questões é: quando saberemos o que aconteceu com Gabriel?

Retomando os acontecimentos em Hilltop, onde deixamos a nossa gangue que acabou de se reunir novamente, ouvimos o esperado, que Gregory simplesmente não tem o mínimo interesse em ajudar Alexandria, muito menos se envolver na luta contra os Salvadores. Mas a coisa linda da vida foi quando Rick e companhia ouvem dos moradores que eles querem ajudar a combater os Salvadores, depois de Enid ter feito um lobby esperto espalhando a covardia de Gregory pela comunidade. Infelizmente, apesar da boa vontade, os números ainda não são suficientes para combater os Salvadores. Pausa para o Daryl querendo explodir todo mundo no Santuário, sem sequer dar a mínima para quem está lá por não ter escolha – ele está no modo matança e foda-se o resto, uma mudança drástica do Daryl que vimos no início da 6ª temporada, mas também, quem pode culpá-lo? Entendendo que mesmo com os voluntários de Hilltop os números ainda não são suficientes, Jesus fala sobre o Reino e o Rei Ezekiel para Rick, e que eles deveriam visita-lo. Pausa para a cara do Rick perguntando “Rei?”.

De Hilltop, a tropa vai até o Reino, e chegando lá encontram Morgan, sobre o encontro a única coisa que acho válida mencionar foi Morgan dizendo à Rick e Daryl que Carol se foi; por que não contar que ela está vivendo perto dali? E afinal, por que ele não voltou à Alexandria? Não que a gente se importe com isso, afinal, que personagem mais descartável, confesso que esperava mais quando ele voltou à série na 5ª temporada. Pela forma como Ezekiel recebeu Jesus, parece que as comunidades dos dois possuem um histórico de trocas já faz um tempo, e pelo visto, as coisas funcionam muito bem entre eles, o que não impediu Ezekiel de ficar puto por Jesus ter falado com Rick sobre a ameaça dos Salvadores. Pausa para falarmos da cara de todo mundo ao ver a Shiva; a gente entende, ficamos do mesmo jeito! Sobre toda a interação com o Rick, já esperava que Ezekiel não iria se meter na história, mas confesso que o que mais me deixou confusa foi que ele pareceu dar mais ouvidos ao Morgan do que ao Richard, afinal tive a impressão de que ele era seu braço direito. Talvez ele tenha ignorado o que Richard falou justamente por saber como ele quer atacar os Salvadores, mas ainda assim, achei estranho, ele acabou de conhecer o Morgan, que por sua vez, foi babaca como sempre. Ele realmente acha que depois de matar quatro pessoas a sangue frio, Negan vai querer negociar? Ou ele é muito ingênuo ou é muito estúpido. Precisamos falar sobre como todas as vezes que Rick conta alguma coisa de sua família é tiro-porrada-e-bomba. Lembra a história sobre seu avô? “Descanse em paz. Agora levante e vá para a guerra.” A história que sua mãe o contava também não fica atrás. Que família essa Grimes, não?

O encontro entre Benjamin e Carol na floresta serviu apenas para mostrar como Carol já foi melhor. Digo e repito, estou odiando o que fizeram com a personagem, mas vamos esperar que o futuro nos conceda uma surpresa, porque sinto saudades da Carol explode-queima-tudo. Confesso que pensei que a conversa entre Benjamin e Ezekiel faria com que o Rei considerasse ajudar Rick, mas pelo visto, de nada adiantou, já que o líder do Reino diz que não vai poder ajudá-los, pois não pode mais arriscar ninguém, oferecendo apenas asilo à Daryl, que por sua vez o pergunta por quanto tempo ele acha que os Salvadores vão cumprir sua parte do acordo e não entrar no Reino. Pausa para a Rosita sendo escrota com a Sasha sem motivo. Desnecessário. Uma das maiores verdades foi o que Richard fala para Rick: toda vez que eles dão suprimentos aos Salvadores, eles estão fortalecendo eles, tornando cada vez mais difícil de derrota-los. Pausa para a despedida de Daryl e Rick. O bromance não tem limites!

No caminho de volta à Alexandria, o grupo encontra um bloqueio na estrada, mais que isso, o bloqueio está cheio de explosivos, o que com certeza deve ser o mecanismo criado pelo Fat Joey citado no início do episódio S07E07 para afastar a horda que ia em direção ao Santuário. É claro que nossos sobreviventes não poderiam deixar todos aqueles explosivos ali, já que com a falta de armas eles não tem quase nada para enfrentar os Salvadores. Daí Rosita, mostrando a que veio, desarma os explosivos, possibilitando que todos consigam retirar todos os explosivos e leva-los para casa. Sabemos que Rosita aprendeu muita coisa com muita gente, inclusive com Eugene, será que com ele preso a Rosita vai tentar aplicar os conhecimentos que adquiriu para fabricar munição para Alexandria? Seria sonhar demais?

Quando estão retirando os explosivos, Jesus ouve no rádio que Negan descobriu da fuga de Daryl e os Salvadores estão a caminho de Alexandria, enquanto isso a horda se aproxima e Rick fala para deixa-los no mesmo caminho, pois ele quer usar a horda depois, uma referência direta aos acontecimentos dos quadrinhos na edição 111, quando Rick usa uma horda como distração para prender os Salvadores dentro do Santuário e atacá-los. A cena do casal dono da série matando os walkers no maior estilo kamikaze foi maravilhosa demais! Michonne falando para Rick que eles são os que sobrevivem foi uma das coisas mais lindas e também nos remete diretamente a uma espécie de ‘lema’ que o Rick tem com a Andrea na HQ, onde eles sempre dizem um ao outro que “eles são os que não morrem”.

Chegando em Alexandria, o pobre Grimes não consegue nem respirar, os Salvadores já estão à porta, literalmente, buscando por Daryl. Rick faz a melhor cara de pôquer e diz que não está sabendo de nada, o que leva aos Salvadores fazendo uma busca na comunidade daquele jeitinho especial que só eles sabem. Obviamente eles não encontram Daryl e vão embora. Rick então questiona o que aconteceu com a dispensa que está vazia e todos chegam a conclusão de que Gabriel levou tudo, mas Rick se recusa a acreditar que ele simplesmente foi embora e ao achar um bilhete na Bíblia de Gabriel, eles o seguem até onde Rick e Aaron acharam os suprimentos no episódio S07E08. Chegando lá, Rick e os demais são surpreendidos por um grupo desconhecido – e bem esquisito, diga-se de passagem. O episódio termina com um risonho Rick Grimes.

UFA! Quanta coisa aconteceu em apenas um episódio! Que inclusive nos deixou com mais perguntas do que respostas. Para onde foi o Padre Gabriel? Será que ele fugiu ou foi capturado por esse novo grupo? E que grupo misterioso é esse? Será que existe alguma relação entre eles e o stalker do final do episódio da mid-season finale? Nossa, é muita coisa pra se especular! Então vem cá, cola com a gente e me conta todas as tuas teorias loucas nos comentários!

PS¹: Sou a única imaginando a cara do Daryl quando ele ver o coral do Reino?
PS²: Gente, quem tá cuidando da Judith?
PS³: SHIVA, meu-deus-do-céu <3

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo, vai ao ar nas madrugadas de domingo para segunda-feira no AMC Internacional, às 00h, e no FOX Action (canal do pacote premium FOX+) e FOX Brasil, às 00h30. Confira todas as notícias sobre a sétima temporada.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA