Siga-nos nas redes sociais

4ª Temporada

The Walking Dead 4ª Temporada: 5 coisas que aprendemos com o episódio 15 – “Us”

Publicado há

em

ATENÇÃO: Esta matéria contém spoilers do décimo quinto episódio da quarta temporada, “Us” (Nós).

Com o final da temporada chegando no próximo domingo, o penúltimo episódio de The Walking Dead foi obrigado a responder muitas de nossas questões – e respondeu, numa maneira espetacularmente justa.

O episódio, originalmente previsto para ser dirigido pelo escritor de “Homem de Aço” e criador de “Da Vinci’s Demons” David S. Goyer, eventualmente teve que ser dirigido pelo guru dos efeitos especiais Greg Nicotero devido a conflitos de calendário.

O que ele fez com o episódio foi trazer junto dois dos nossos grupos tão separados, aliviando um pouco da tensão em volta do show sobre se eles se encontrariam de novo. Aquele grupo unido então moveu para o fim da linha, onde eles encontraram o que parecia ser uma casa idílica.

Com certeza as coisas realmente não serão dessa maneira, mas vamos focar no que nós de fato aprendemos com esse episódio:

O novo grupo de Daryl não são Os Caçadores

joe-grupo-daryl

Eles são caçadores de animais, não de pessoas. E vamos ser realistas: eles não são muito espertos.

Os caçadores, enquanto ridicularmente superestimam as suas habilidades contra alguém tão capaz quanto Rick Grimes e seu grupo de sobreviventes, foram relativamente espertos e parte da razão deles se darem bem na caça e comendo pessoas é que eles conseguiram atrair as pessoas para situações, ou capturaram-as quando estavam mais vulneráveis.

O grupo de Daryl parece contar com músculos (e seu próprio código moral) para fazer seu caminho pelo mundo, e enquanto seria duro colocar canibalismo dentre eles, isso não parece ser a fonte primária de nutrição deles… ou, vocês sabem, algo que eles sejam particularmente focados.

Eles também não possuem Beth

carrro-beth

Joe foi bem aberto com Daryl, então não há razão para imaginar que há um carro lá fora em algum lugar, abduzindo pessoas em nome deles e então escondendo a informação do seu novo membro.

Havia uma especulação, quando a garagem dos trilhos foi vista nos trailers, que de fato um carro em particular no fundo de algumas cenas parecia com aquele que capturou Beth… mas é difícil de falar. Na cena acima, o carro parece azul, enquanto o na garagem era branco. Também, vimos aquele carro na garagem de frente, não de costas. Poderia ser o mesmo? Claro… mas isso sugere muito menos conexão com Joe e seu grupo.

Terminus é um lugar de verdade

terminus

…Agora, se é terrível como Robert Kirkman sugeriu, é uma coisa totalmente diferente.

Até agora, isso não pareceu ser terrível. Com um exuberante jardim, tanques de propano e uma churrasqueira, as coisas parecem bem prometedoras. A maior preocupação que as pessoas tem (especialmente com aquela frase “nós faremos a vocês um prato,” ao invés de “vocês gostariam de comer alguma coisa?”) é que essa história poderia ser uma mistura com a história da HQ “Sob a Mira dos Caçadores” e a carne naquele grill poderia ser humana.

Se esse é o caso, a próxima questão é se Beth estará no cardápio. Nós não a vimos desde seu sequestro, e enquanto alguns estavam pensando que a cruz na janela do carro poderia implicar em Gabriel recrutando a garota ferida e simplesmente deixou Daryl pra trás sem nenhuma malícia (apenas covardia), muitos outros assumiram o tempo todo que ela estava sendo pega pelos Caçadores.

Eugene não está realmente interessado em ir para Washington

dr-eugene-mullet

Se o arco do seu personagem é o mesmo da HQ, há uma boa razão para Eugene estar mais interessado em ficar com o grupo maior e encontrar abrigo do que ir para Washington, D.C. pra salvar o mundo. Isso porque é pura mentira.

Se isso vai acontecer no show não podemos saber com certeza ainda (apesar de estarmos apostando que sim), mas uma coisa é certa: Ele não está com nenhuma pressa pra voltar a aprender se a doença é ou não a mesma coisa que matou os dinossauros.

Sim, os saqueadores estão atrás de Rick

rick-grimes-cacado

Nós por muito tempo suspeitamos que o fato de Tony ter visto bem Rick Grimes acabaria deixando a vida de Rick e seu grupo em perigo, se eles tropeçassem com o novo grupo de Daryl. Agora, nós sabemos que não só é verdade, mas que eles têm procurado Rick o tempo todo.

Na visão deles dos eventos, ele atacou o grupo todo quando deixou Lou morrer no chão do banheiro e se transformar em zumbi – e isso é parcialmente verdade. O que também é verdade é que eles não fizeram nada a ele para provocar o ataque, ao menos diretamente, mas eles eram uma óbvia ameaça a Rick… o que Joe omite, não sabe, ou não se importa.

O que você achou do penúltimo episódio da quarta temporada? Deixe todos os seus pensamentos e expectativas para o season finale, que será lançado no próximo domingo na AMC e na terça-feira na FOX.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.


Fonte: Comic Book
Tradução: @airotn / Staff Walking Dead Brasil

Publicidade
Comentários

EM ALTA