Siga-nos nas redes sociais

Curiosidades

Vazam e-mails ofensivos do primeiro showrunner de The Walking Dead contra o AMC

Publicado há

em

A história de Hollywood é repleta de surtos legendários – pense na recusa de David O. Russell contra Lily Tomlin no set de “I Heart Huckabees” em 2004, ou a birra de Christian Bale em “Terminator Salvation” em 2009. Agora, Frank Darabont juntou-se a essa lista infame, cujos e-mails espetacularmente abusivos enviados aos executivos e equipes da AMC durante a produção da primeira temporada de The Walking Dead surgiram em meio a sua ação judicial em torno de 280 milhões de dólares contra a rede de televisão.

Darabont, que co-criou o sucesso da TV a cabo, foi demitido como showrunner da série no início da segunda temporada. Ele e sua equipe estão processando a AMC, afirmando que a rede o excluiu de dezenas de milhões de dólares em lucros, negociando um acordo de licenciamento amigável consigo mesmo. Em sua defesa, a AMC liberou uma série de e-mails chocantes enviados pelo escritor-diretor de durante a produção – massivas injuriosas destinadas a reforçar seu caso de que Darabont foi justificadamente demitido. Lendo os e-mails, é fácil entender o porquê. No que é indiscutivelmente o mais nivelado dos e-mails, enviado em 21 de julho de 2010, Darabont, 58 anos, dizia um executivo criativo da AMC, a quem ele considera “um aliado” para “parar de invocar a ‘sala dos roteiristas'” em suas trocas de e-mails.

“Não há sala de roteiristas… Eu sou a sala dos roteiristas.”

As falhas do time de escritores e da equipe do show – e em particular os operadores de câmeras – são um tema repetido em seus discursos retóricos. No mesmo e-mail, ele descreve um par de escritores como “malditos idiotas preguiçosos” e “enganadores super pagos”. Depois de receber o que ele sentiu ser um roteiro lamentável de alguns escritores, Darabont diz ao executivo:

“Se fosse comigo, eu não teria apenas demitido [eles], eu teria caçado e matado os filhos da puta com um tijolo, depois ia e queimava suas casas. Eu disse aos cuzões pelo menos uma dúzia de vezes. Por que eles não escutam quando EU DIGO a forma de fazer? Entra em um ouvido e sai no outro… É como se eles intencionalmente me dissessem para ir me fuder.”

A retórica fica ainda mais acalorada um ano depois em uma série de e-mails para a equipe abaixo da linha do show, um ano depois, quando a data de entrega se aproxima rapidamente e Darabont está frenético, sentindo que a filmagem é inutilizável. No primeiro e-mail, datado de 13 de junho de 2011, Darabont está furioso com o que ele considera ser uma dependência excessiva da filmagem portátil.

“Você DEVE acalmar a câmera operando”, começa. “Isso está se tornando muito mais instável do que eu quero. Quando eu disse, por favor limite o computador de mão, não era uma sugestão aleatória… E os operadores DEVEM ser ditos para MANTER A PORRA DA MÃO!”

Ele continua perguntando se o operador da câmera teve “uma crise epiléptica” e considera que sua filmagem é “uma merda completamente demente e inutilizável”.

“Diga a esses operadores que se eles não conseguem fornecer imagens que funcionem, precisamos substituí-los por pessoas que podem. Por que diabos nós estamos pagando? Ray Charles poderia fazer melhor”, escreve Darabont.

Ele continua a se queixar sobre detectar o “mesmo grupo de equipe idiota” visível no fundo das cenas “tendo um idiota de circo” e fica “chateado” por um personagem que caiu do quadro enquanto caía por uma inclinação.

“A câmera perde ele COMPLETAMENTE… ainda ouço o operador dizer ‘wow, isso foi fantástico’… Sério? Você perdeu o fodido do ator, seu idiota cego!”

O e-mail termina em um parágrafo em letras maiúsculas:

“VOCÊ PRECISA PRESTAR ATENÇÃO NA PORRA DO ROTEIRO! EU MESMO ESCOLHO A PORRA DAS MINHAS VÍRGULAS POR UMA RAZÃO! POR QUE ESTOU TRABALHANDO PARA CARALHO SE VOCÊ ESTÁ FILMANDO TUDO DE UMA FORMA QUE NÃO FUNCIONA?”

No dia seguinte, Darabont envia ao grupo outro e-mail.

“Eu estou em um absoluto estado de raiva fervente agora,” ele começa. “Eu nunca fui de gritar, mas estou agora… Vocês me tornaram um babaca raivoso. Muito obrigado, seus fudidos.”

A fonte de sua ira esta vez são os diretores do show, quem ele sente que não estão seguindo a direção do roteiro e que é “melhor acordar logo e prestar a porra da atenção. Ou vou começar a matar pessoas e atirar os corpos para fora da porta”. Comentando sobre um momento chave em seu roteiro –

“ÂNGULO FOCA NO RICK, fervendo de fúria” – Darabont pergunta: “O que isso sugere? Um momento importante? Para mim sim. É por isso que eu escrevi essa porra assim, dessa maneira. Eu não jogo merda aleatória na página. Então, por que é filmado como merda aleatória?”

Ele continua a exigir que os diretores responsáveis pela cena “entediante para caralho” sejam substituídos. “Ele é um idiota. Ele precisa ir embora e levar seu cachorrinho cego com ele. Porque até o cachorro dele é cego.”

“Fodam-se todos por me darem dores de peito por causa da incomum e maldita incompetência”, ele finaliza seu e-mail, antes de avisar que qualquer diretor que falhar em filmar as cenas como ele as escreveu, será “espancado no local”.

Em seu depoimento jurado, Darabont defende os e-mails, dizendo que eles foram redigidos no calor do momento de uma produção profundamente conturbada e que suas reclamações eram bem fundadas.

“Cada um desses e-mail deve ser considerado no contexto,” ele diz. “Eles foram enviados durante um período intenso e estressante de dois anos de trabalho, durante o qual eu estava lutando como uma mãe leoa para proteger esse show do perigo – não apenas por mim, mas ironicamente também pela AMC. Cada um desses e-mails foi enviado porque um ‘profissional’ demonstrou que a preguiça, indiferença ou incompetência ameaçou afundar o navio”. Darabont continua, “Meu tom foi o resultado do stress e da magnitude extraordinária da crise. A linguagem e hipérbole dos meus e-mails são duros, mas as circunstâncias também eram.”

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo, irá retornar com a oitava temporada em Outubro de 2017 na AMC e na FOX Brasil. O trailer da temporada, bem como a data oficial de lançamento, será divulgada durante a Comic Con de San Diego em Julho.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.


Fonte: Hollywood Reporter

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA