Siga-nos nas redes sociais

Destaque

The Walking Dead precisa contar “acerto de contas de Negan”, antes do fim

Enquanto The Walking Dead está chegando ao fim, ainda há mais uma história envolvendo Negan que seria a conclusão perfeita para a série.

Publicado há

 

em

Negan sujo de sangue na 11ª temporada de The Walking Dead.

The Walking Dead já exibiu duas partes da sua temporada final. E enquanto muitos aguardam pela estreia de The Walking Dead, 11ª temporada parte 3, os fãs andam especulando sobre o que a série precisa contar – antes do seu adeus final.

Em meio a novos derivados, continuações e expansões do universo de The Walking Dead, uma uma dessas especulações sobre o desfecho da série original diz respeito a uma história envolvendo Negan.

Na verdade, um “acerto de contas”, que os fãs querem ver nos últimos episódios.

Negan virou um favorito dos fãs

Desde que Negan surgiu nas páginas dos quadrinhos The Walking Dead, ele se tornou um favorito dos fãs. Tudo isso, por causa de sua natureza brutal e charme vilão.

Embora a história de Negan tenha chegado a uma conclusão surpreendentemente pacífica com a edição final da série, ainda há espaço para mais uma história a ser contada. Uma que elevaria a saga de Negan, não importa o resultado.

Como Negan surgiu pode se conectar a história que fãs querem no final

Negan fez sua primeira aparição explosiva em The Walking Dead #100 por Robert Kirkman, Charlie Adlard e Cliff Rathburn. Na edição, a gangue de Negan embosca Rick e sua equipe, os mantém sob a mira de uma arma. E então, os forçam a se alinharem de joelhos lado a lado. Dessa forma, Negan finalmente se revela. Carregando consigo uma energia de alegria sinistra junto com sua arma ainda mais sinistra de escolha: um taco de beisebol envolto em arame farpado que ele chamou de Lucille.

Em um esforço para afirmar seu domínio e punir Rick por ser responsável pela morte de alguns de seus homens no passado, Negan seleciona aleatoriamente alguém da equipe de Rick para matar na frente do resto por meio do jogo infantil “uni duni tê”. Após a terrível sequência de roer as unhas, Negan finalmente chega ao seu alvo: Glenn.

Momentos depois, portanto, Negan bate brutalmente na cabeça de Glenn com Lucille, e ficou muito feliz em fazê-lo.

Negan no final de The Walking Dead

Em The Walking Dead #193 de Robert Kirkman, Charlie Adlard e Cliff Rathburn, a série chega a uma conclusão impressionante. Mas essa conclusão ocorre após um salto de 25 anos para o futuro.

Nesse futuro, os Walkers não são mais um problema no mundo e são tratados como nada mais do que entretenimento mórbido. Hershel, o filho de Glenn que nunca teve a chance de conhecer seu falecido pai, é um artista itinerante que gira em torno de uma pequena horda de Walkers em sua carruagem.

No entanto, um desses Walkers escapa e é morto por um adulto Carl, que rastreia o carrinho de Hershel e mata todos os mortos-vivos. Como os Walkers eram propriedade de Hershel, Carl se encontra em apuros, legalmente falando. Mas após realizarem uma análise mais profunda, ele é inocentado de todas as acusações.

Hershel está furioso com esse resultado, mas essa raiva é um pouco mal direcionada. Hershel também está amargo porque o pai de Carl, Rick, é considerado o salvador da humanidade, enquanto seu próprio pai foi esquecido. Enquanto ele desconta sua raiva em Carl, é Negan quem deveria estar recebendo a ira de Hershel – e neste momento, Negan ainda está vivo.

O acerto de contas

O futuro de Negan está isolado, pois ele vive longe da sociedade. Ele faz uma breve aparição nesta edição final colocando flores no túmulo de sua falecida esposa. Tudo isso, depois de se recusar a ver Carl no início da edição. Provavelmente devido à vergonha persistente que sente por seus crimes passados.

No entanto, embora sua estreia tenha sido violentamente vilã, Negan foi bem sucedido em se redimir ao longo da série. Embora pareça que ele possa ter um teste final de expiação, um ligado ao seu primeiro assassinato no painel.

Hershel é um homem que cresceu sem pai. E por causa dessa ausência misturada com a superproteção de sua mãe, ele se tornou uma pessoa mimada e privilegiada que está com raiva do mundo. Hershel merece a chance de enfrentar o homem que roubou seu pai dele, e Negan precisa enfrentar as consequências de seu pior crime.

Esse conflito seria um último teste interessante para Negan, pois provaria se ele deixou ou não sua vida de brutalidade para trás. Se Hershel se voltasse para ele de maneira violenta, Negan iria revidar e matar o jovem assim como fez com seu pai. Ou ele aceitaria as consequências?

De qualquer forma, Hershel confrontando o assassino de seu pai traria um círculo completo na jornada narrativa de Negan, e é uma ótima história que The Walking Dead precisa contar no final.

Publicidade
Comentários