Siga-nos nas redes sociais

Destaque

Rick Grimes vai morrer em The Walking Dead?

Edição 191 da HQ de The Walking Dead pode ter iniciado o fim de Rick Grimes.

Publicado há

em

Os quadrinhos de The Walking Dead acaba de publicar uma edição muito forte, a edição #191. Parece ser o ponto culminante de cada tópico narrativo que está ocorrendo na comunidade Commonwealth e uma vitrine do crescimento no novo mundo através da maioria de sua narrativa. Em seguida, as suas últimas páginas, é de um suspense absolutamente incompreensível.

Atenção! Este post contém SPOILERS dos quadrinhos! Você foi avisado!

Através de um discurso brilhante e esquivando-se da batalha, Rick Grimes mostra o quão longe ele chegou no apocalipse. O que antes era um enredo que teria terminado em sequências de sangue derramado e ação tornou-se um discurso convincente do melhor líder do mundo pós-apocalíptico. Rick foi tão longe a ponto de contradizer um momento icônico do início dos quadrinhos, tomando a frente de seu povo e dos habitantes de Império para dizer: “Nós não somos os mortos-vivos!”

E então, Robert Kirkman foi em frente e fez o que Robert Kirkman sempre faz: colocou um suspense chocante nas últimas páginas de uma edição. Frequentemente, estes cliffhangers pagam de formas recompensadoras na edição seguinte. Às vezes, eles acabam sendo o oposto do que eles parecem ser. E desta vez, parece ser um momento que poderia realmente matar The Walking Dead.

Nas páginas finais da edição # 191, Sebastian, filho da governadora Pamela Milton, atira em Rick Grimes no coração.

“O que você fez?” Rick Grimes pergunta a Sebastian enquanto ele sangra na cama. É como se ele estivesse falando diretamente com Kirkman, o cérebro por trás deste rolo compressor de uma série de quadrinhos que gerou um show de sucesso na AMC. Mas, realmente… O que ele fez? Se Rick Grimes está morrendo, para onde vai The Walking Dead?

Últimas páginas da edição 191:

LEIA TAMBÉM:
Criador de The Walking Dead revela que Rick não sobreviverá até o fim
5 vezes em que o Rick foi um pouco duro em The Walking Dead

Presumindo que Rick Grimes morra nas próximas edições de The Walking Dead, mais precisamente na próxima (Edição 192), que marca o fim de mais um Compendium (e os fãs sabem que isso é sempre marcado por grandes mortes/acontecimentos, vide Governador, Lori, Judith e Hershel na edição 48 e o massacre nas estacas na edição 144) a série terá que depender muito de Michonne, Carl, Maggie e Negan. O último nome desse bando nem sequer é prometido para voltar a qualquer momento, embora uma capa próxima parece indicar que ele pode estar de volta neste verão. Rick Grimes se torna um mártir agora? Os personagens vão ver ainda outro salto no tempo, removendo-os das ameaças dos zumbis do mundo pós-apocalíptico e deixando-os em uma história política de crescimento contra o conflito entre humanos?

Talvez a história seja interessante se, sem Rick, as comunidades se desintegrarem completamente, o que essencialmente as coloca de volta à estaca zero. Este poderia ser um pivô interessante para a série, que parecia estar caminhando em uma direção de estabilidade, mas, sem o homem em que a história foi centrada, é difícil imaginar uma razão significativa para permanecer totalmente investido.

Lembrando que, a série de TV de The Walking Dead perdeu Rick Grimes durante a 9ª temporada e acabou se tornando melhor. Depois que Andrew Lincoln optou por sair da série, o programa abriu sua narrativa para outros personagens brilharem. Como resultado, um vilão convincente foi confrontado com uma série de personagens principais finalmente desenvolvidos e, apesar de não ter ajudado nas avaliações do show no mesmo dia, melhorou a qualidade da narrativa em comparação com as duas temporadas anteriores.

Em última análise, os quadrinhos de The Walking Dead está agora sem Andrea – um personagem que foi um destaque absoluto até que ela se tornou uma vítima da guerra dos Sussurradores – e parece estar sem sua peça central em breve. Este será um momento decisivo para a série de zumbis de Kirkman, que está se aproximando da sua 200ª edição, mas não virá sem um sentimento de raiva por sua saída. Este personagem se tornou um ícone dos quadrinhos, e ele parece ter sido expulso por um aborrecimento pouco desenvolvido de outro personagem. É uma ótima maneira de criar um salto, mas ao mesmo tempo uma ótima maneira de fazer com que leitores fiéis de mais de 10 anos se sintam desrespeitados.

A edição #191 carrega uma questão forte de momentos brilhantes que contrastam significativamente com o passado. Na verdade, é um prazer ler, mas não há dúvida de que este será um ponto de virada para a popular série de quadrinhos, que esperamos que valha a pena no futuro.

Você acha que Rick Grimes vai morrer? O que pensa sobre isso? Deixe tudo nos comentários!

Publicidade
Comentários

EM ALTA