Siga-nos nas redes sociais

4ª Temporada

Robert Kirkman fala sobre novo(s) formato(s), ligação entre diferentes enredos e a grande luta de Daryl

Publicado há

em

The Walking Dead retorna amanhã (09 de fevereiro), com a segunda metade da temporada com o grupo agora dividido. Na sequência do ataque mortal do Governador à prisão, Rick e companhia foram forçados a deixar seu porto seguro e estão, de acordo com Robert Kirkman, de volta à estaca zero.

Separado do resto do grupo e cambaleando, Rick é forçado a lidar com um filho zangado após a morte de Hershel e a perda – em potencial – de sua irmãzinha, Judith. Daryl seguiu com a jovem Beth, e terá que se encontrar novamente agora que não é mais o rei do castelo. Além disso, ele também tem que lidar com o fato de que Rick baniu sua amiga mais próxima, Carol, que também é motivo de discórdia para Tyreese.

Michonne está só e irá encarar os demônios que a atormentaram na primeira parte da temporada, quando ela aceitou fazer parte da comunidade. Enquanto isso, três peças chave de Kirkman serão apresentadas: Abraham, Rosita e Eugene. Eles mudarão o formato da série.

O primeiro episódio só mostrará Rick e Carl, e também Michonne, uma vez que a série planeja expor ao máximo quem são esses personagens, como a morte de Hershel os afeta e como eles lidarão com o fato de estarem de volta à estrada após perderem seu lar na prisão. O Hollywood Reporter conversou com Robert Kirkman para saber mais e mais.

Rick está realmente mal e Carl está furioso com ele após Hershel – e talvez Judith – terem morrido. Como podemos esperar que o relacionamento deles evolua nessa segunda parte?

Robert Kirkman: O primeiro episódio de volta é uma panela de pressão que vai evoluir a relação deles para algo maior, e tudo está contido nesse primeiro episódio. Depois dele, vocês verão Carl e Rick em lugares completamente diferentes, e essa progressão continuará ao longo da segunda parte da temporada. No fim dela, vocês ainda verão outra transformação entre eles. Há coisas acontecendo entre esses dois personagens, e enquanto estaremos focados em todos os outros personagens na evolução da série, vocês verão muitas mudanças em Rick e especialmente em Carl.

glenn-the-walking-dead-parte-2

Em quanto tempo o destino de Judith será revelado?

Robert Kirkman: Isso será resolvido com certeza, mas não sabemos o que está por vir. Revelar quando isso acontecerá seria um tipo de spoiler. Haverá respostas, mas não sei se elas virão logo.

Que tipo de responsabilidade Rick e Carl tem em relação ao destino de Judith, considerando a mudança em sua relação?

Robert Kirkman: Na presente situação, Rick e Carl estão sozinhos e tem todas as razões para acreditar que ela está morta de fato. Então, isso é algo que está pesando sobre eles e os colocará em uma situação muito triste que aumenta a proporção dos eventos que os cercam e os impede de agir com clareza.

O show irá explorar um novo formato na segunda parte da temporada. Cada grupo terá seu próprio episódio? É certo achar que os episódios envolverão flashbacks? Pois não são coisas que estamos acostumados a ver em The Walking Dead.

Robert Kirkman: Correto. Não há uma formula. O formato de cada episódio será bastante diferente, então você nunca saberá que tipo de episódio será o próximo. É algo experimental, de certa forma, mas será um jeito legal de nos aprofundarmos em quem são esses personagens e o que está acontecendo com eles. Haverá episódios que focarão exclusivamente em um grupo e em algumas pessoas; haverá episódios que mostrarão vários grupos em graus diferentes; haverá episódios que mostrarão todos. Será um mix de diferentes formas de contar uma história.

The Walking Dead - Season 4B - New Promotional Photos (1)_FULL

Essas duplas (Daryl e Beth, por exemplo)… O que podemos esperar delas? Como isso ajudará o grupo como um todo se eles se juntarem novamente?

Robert Kirkman: Veremos laços se fortalecerem entre os personagens, laços que não eram fortes antes. Se esses personagens se reencontrarem, e se formarem um grupo novamente – o que eu não sei se vai acontecer – nós veremos uma dinâmica diferente entre eles por causa desse período de suas vidas e do quanto de mudanças esses períodos acarretarão.

Que tipo de peso emocional a morte de Hershel terá sobre todos?

Robert Kirkman: Uma das coisas que fazem da morte de Hershel uma morte tão importante é o fato de que ele realmente tocou cada um dos personagens de alguma forma. Sua morte é uma perda extremamente significante para cada uma das pessoas. Sua morte irá carregar consequências ao longo do resto da temporada e além, e nós lidaremos com o impacto disso por várias temporadas, teoricamente.

Daryl – e possivelmente, Tyreese – ainda estão chateados com Rick por ele ter dispensado Carol do grupo devido à sua participação na morte da namorada de Tyreese. Quando – e se – eles se reunirem, qual será o tamanho do conflito? Ou talvez, agora, Daryl e Tyreese tem problemas maiores?

Robert Kirkman: Eles com certeza têm problemas maiores agora, mas eu amo o fato de que essa situação pode explodir a qualquer momento. Algo foi, tecnicamente, escondido de Tyreese, intencionalmente ou não, devido à série de acontecimentos. Ele foi mantido no escuro em relação à situação, e como/quando ele vai descobrir é algo que ainda está no ar. Mas nós sabemos que vai haver consequências e, esperançosamente, os espectadores assistirão a cada episódio esperando essa gota cair. Quando isso finalmente acontecer, as pessoas se surpreenderão com o resultado.

E o Daryl?

Robert Kirkman: Com certeza, pra ele, será um problema. É algo que vai pesar nele o tempo todo que ele estiver por aí, na selvageria. Ele terá que saber exatamente o quanto isso o afeta em longo prazo e se ele poderá superar as coisas que encarou quando ele estiver de volta.

Abraham-Ford-4-Temporada-The-Walking-Dead

Como Daryl reagirá perante a perda da “nobreza” que ele tinha no grupo?

Robert Kirkman: Daryl, mais do que qualquer outro personagem, permitiu que sua existência no grupo, e em todos os acontecimentos dentro do mesmo, definisse quem ele era como pessoa, e também permitiu que isso tudo o fizesse crescer como pessoa. E agora, tudo o que teve uma influência positiva sobre ele – ele agora é alguém que respeita e demonstra afeto, pela primeira vez – desapareceu. Isso definitivamente vai balançar seu núcleo e a questão se transformará em se ele vai continuar sendo a pessoa na qual ele se transformou ou voltará a ser o que era. Essa é a luta que ele vai encarar, e infelizmente a Beth estará no meio do fogo cruzado.

Nós veremos o que aconteceu com Carol desde que ela foi expulsa do grupo?

Robert Kirkman: Carol foi exilada da prisão e tem estado por aí, se Deus quiser, sobrevivendo. E agora, todos os personagens que estavam na prisão, também estão por aí. Provavelmente pela mesma área. Então, é perfeitamente possível que Carol apareça antes de vocês se darem conta disso.

Como veremos todos voltando a ter uma vida “normal” sem a segurança que eles tinham na prisão, ou na fazenda de Hershel?

Robert Kirkman: Essa é a questão. Essas pessoas foram expostas a muita coisa. Eles tiveram todo o seu porto seguro despedaçado, e agora eles voltaram à estaca zero. Eles estão vivendo em um ambiente apocalíptico, que tem se tornado cada vez pior. Eles terão que reconstruir suas vidas, e talvez alguns desses personagens não necessariamente tenham essa vontade, a vontade de sobreviver até o ponto do porto seguro novamente. Será uma grande batalha para alguns deles, mas também será algo diferente para cada personagem. Mas cada um deles terá que aguentar o peso do mundo sobre eles, e nós os veremos sobreviver.

Há muitas novas caras nesses 8 episódios finais – Abraham, Rosita, Eugene, e o misterioso Gareth. O que você pode dizer sobre isso antes de eles aparecerem?

Robert Kirkman: Há muita coisa pra acontecer nesses próximos 8 episódios da quarta temporada, e uma das coisas que realmente virá para mudar as coisas de uma forma muito séria é a introdução de Abraham, Eugene e Rosita, que entrarão na série com uma missão e mudarão nossa forma de contar histórias devido a isso. Eles serão um excelente catalisador; todos os novos personagens que apresentarmos na série trarão algo para mostrarmos junto deles, e isso é algo ótimo sobre as evoluções dos personagens que temos. Esses três personagens, mais do que quaisquer outros, mudarão a forma da narrativa. Haverá grandes mudanças só por causa deles.

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo, irá retornar com os oito últimos episódios da quarta temporada no dia 09 de Fevereiro de 2014 na AMC e 11 de Fevereiro de 2014 na FOX Brasil.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.


Fonte: Hollywood Reporter
Tradução: Lucília Costa / Staff Walking Dead Brasil

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA