Siga-nos nas redes sociais

4ª Temporada

The Walking Dead 4ª Temporada: Scott Gimple promete que “as respostas virão rapidamente”

Publicado há

em

Boas notícias, fãs de The Walking Dead. As respostas virão! A bebê Judith está viva ou morta? Nós, algum dia, descobriremos quem estava alimentando os zumbis com ratos na prisão? O que significa aquele misterioso sinal de rádio que Daryl recebeu no carro? Não apenas essas respostas virão, como também virão novos personagens dos quadrinhos, como Abraham, um dos favoritos dos fãs, que aparecerá quando o drama da AMC retornar para seus últimos oito episódios da quarta temporada, no dia 9 de fevereiro.

A Entertainment Weekly conversou com Scott M. Gimple, o showrunner de The Walking Dead, para descobrir o que vem por aí – tanto para os sobreviventes quanto para os telespectadores.

ENTERTAINMENT WEEKLY: Então, parece que esses oito episódios restantes para fechar a quarta temporada terão uma estrutura e um tom diferentes, certo?

Scott Gimple: Estruturalmente, sim, eles serão muito diferentes. Acredito que o tom, na verdade, é variado. Há alguns momentos doces e brilhantes e há – choque sobre choque! – alguns sorrisos. Há também uma parte do material mais obscuro que nós já escrevemos. Realmente, tem um pouco de tudo. Eu amo como nós conseguimos fazer, essencialmente, oito pequenos filmes. Estruturalmente, algo que nós tiramos disso foram os inícios, os meios e os fins de cada episódio. Assim, como nós estamos contando todas essas histórias diferentes, e não uma história só cortada em oito histórias menores, há muita variedade.

EW: Conte-me sobre a decisão de iniciar com todos sozinhos ou divididos em pequenos grupos.

Scott Gimple: Eu gostaria de dizer que somos gênios, mas estamos apenas nos inspirando nos quadrinhos. Essa é uma narrativa que eu amei de verdade nos quadrinhos. Fizemos grandes mudanças na nossa história, mas o ponto crucial dessa história vem dos quadrinhos. Eu estava ansioso para desenvolver essa storyline.

the-walking-dead-4-temporada-parte-2-003

EW: Quero perguntar sobre as consequências da morte de Hershel e como elas irão afetar todos, porque eles não tiveram, realmente, a chance de processar isso, já que a morte dele foi, imediatamente, seguida pelo ataque à prisão.

Scott Gimple: Houve três grandes mortes nesse episódio: A do Hershel, a do Governador e a da prisão. Hershel, de várias maneiras, representou o que era a prisão, ou seja, a civilização. A filosofia final de Rick na prisão foi receber as pessoas, o que foi muito humano. Eles tinham esperanças para o futuro. Eles cresciam enquanto comunidade. A morte do Hershel simbolizou o fim de tudo isso. Existe essa realidade prática: Nós não temos cercas ou muros. Mas existe, também, essa realidade filosófica: Nós não temos civilização para o futuro nem humanismo. Despir esses personagens de todo fragmento de segurança que eles tinham, inclusive um ao outro, foi o ponto disso. Isso irá resumir as coisas a um ponto ainda mais básico de sobrevivência. Fica realista com a situação deles no mundo. Esqueça o que aconteceu com o mundo. Ele se transformou para os personagens. Eles estarão em seus momentos de maior vulnerabilidade.

EW: Obviamente, os fãs têm muitas perguntas sobre o futuro. A primeira delas é “onde está a bebê Judith? Morta? Viva? O quê?”

Scott Gimple: Vou começar com a parte que não é incrível: Judith era um bebê num lugar em que walkers caminhavam livremente, então a matemática não é muito favorável. Além disso, há coisas que nós não mostraríamos na televisão… então, tem isso. Mas a parte incrível é que as respostas de muitas perguntas virão mais cedo que o previsto. Essas respostas virão rapidamente.

[HD] The Walking Dead- Season 4 Returns 343

EW: Há alguma storyline com Lilly ou Tara ou qualquer pessoa do acampamento do Governador que esteja terminada? Poderíamos ver alguma dessas pessoas de novo?

Scott Gimple: Quando o personagem não morre na tela, eu presumo que, possivelmente, veremos esse personagem novamente. Com Judith, é diferente – o destino dela, provavelmente, não pode ser mostrado na TV. Direi que algumas pessoas que têm “olhos de águia” na internet que exploraram as coisas das propagandas e do pré-lançamento localizaram a Tara. As pessoas da internet são inteligentes, então eu direi que nós, provavelmente, veremos a Tara.

EW: Vamos falar sobre os novos personagens dos quadrinhos que estamos prestes a ver: Abraham, Eugene e Rosita. Quão diferentes ou quão semelhantes eles estarão daquilo que conhecemos dos quadrinhos?

Scott Gimple: Eles serão introduzidos de um modo um pouco diferente. Do ponto de vista de personagem, puta merda! Do ponto de vista visual, eles serão muito mais proximamente talhados dos quadrinhos. Nós somos capazes de desenvolvê-los e há, definitivamente, aspectos inesperados desses personagens. Eles serão marcantemente familiares para os leitores dos quadrinhos. Até mesmo a primeira vez que os veremos é tirada diretamente dos quadrinhos.

EW: E quanto a esse outro personagem novo, chamado Gareth, sobre o qual ouvi alguns rumores?

Scott Gimple: Posso dizer muito pouco. Um pouco parecido com os quadrinhos, um pouco não totalmente parecido com os quadrinhos. Os fãs dos quadrinhos não o conheceriam. Ele foi uma invenção inspirada pela série televisiva.

EW: Certamente, sempre que nós conversamos, eu preciso perguntar sobre o Morgan, interpretado por Lennie James. Há alguma chance de vermos ele antes do final da quarta temporada?

Scott Gimple: Ele não estará, definitivamente, na quarta temporada. Alguém me entendeu errado. Ele estará no seriado novamente, no futuro? Sim. Estou absolutamente certo disso.

EW: Vamos explorar algumas pontas soltas. Nós descobriremos alguma coisa sobre aquele sinal de rádio que Daryl ouviu no carro, falando sobre o santuário?

Scott Gimple: Absolutamente, mais cedo que o previsto.

EW: E quanto à dissecação dos ratos e à alimentação dos zumbis através do portão? Nós teremos mais nitidez sobre quem foi o responsável por isso?

Scott Gimple: Eu adoro poder dizer todos esses “sim”. Contudo, essa resposta não virá tão rapidamente assim.

daryl-4-temporada-003

EW: Alguma consequência da decisão do Rick de exilar Carol? Daryl mal teve a chance de reagir e Tyreese sequer sabe sobre isso.

Scott Gimple: Absolutamente, essa é uma das maiores coisas que já aconteceram nas vidas desses personagens e será uma das maiores partes das histórias desses personagens. Isso será respondido e desenvolvido. Acredito que a maioria, se não todas, das questões da primeira metade da quarta temporada serão respondidas. Outras questões serão colocadas também. Contaremos a história toda. A segunda metade da temporada completa as histórias de sua primeira metade. Isso soa muito bobo. Mas tudo isso soma alguma coisa no final.

EW: Veremos mais alguma locação icônica dos quadrinhos? Receberemos alguma dica sobre isso antes do final da temporada?

Scott Gimple: Essa metade da temporada, do ponto de vista de locação, é muito própria. Ela recebe inspiração dos quadrinhos, mas tem um “domínio próprio”. Eu sei que já disse isso antes, mas é, realmente, um remix. Tudo meio que se mistura. Há coisas que nós inventamos completamente que eu imaginei que fosse dos quadrinhos. É legal que haja essa parte própria, mas é também totalmente derivada dos quadrinhos. Espero que as pessoas que leram os quadrinhos fiquem surpresas com essa segunda metade da temporada.

Quais suas expectativas para os próximos episódios da quarta temporada? Compartilhe conosco nos comentários abaixo.

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo, irá retornar com os oito últimos episódios da quarta temporada no dia 09 de Fevereiro de 2014 na AMC e 11 de Fevereiro de 2014 na FOX Brasil.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.


Fonte: Entertainment Weekly
Tradução: Lalah / Staff Walking Dead Brasil

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA