Siga-nos nas redes sociais

Entrevista

The Walking Dead – The Oath: Perguntas e Respostas com Wyatt Russell (Paul)

Publicado há

em

O ator Wyatt Russell, que interpretou o Paul nos webisódios de The Walking Dead – The Oath, fala sobre suas habilidades no pós-apocalipse e porque lutar contra zumbis é mais difícil do que jogar hockey.

Q: Você era fã de The Walking Dead antes dessa oportunidade surgir?

Wyatt Russell: Eu nunca tinha visto a série, o que, provavelmente, acho que tornou tudo melhor do que ter noções pré-concebidas sobre como deveria atuar e o que deveria fazer. Meu irmão já assistia e era um grande fã. Depois de fazer [The WalkingDead – The Oath], voltei para casa e assisti com a minha esposa – e ela não gosta de TV, de verdade – mas nós ligamos a televisão e ficamos completamente viciados. E agora estamos na metade da terceira temporada. Tivemos que ir para New Orleans, então fizemos uma parada. Mas nós ficamos viciados.

Q: Você acha que tem alguma habilidade que poderia ser usada em um situação envolvendo o fim do mundo?

Wyatt Russell: Essa é a melhor pergunta de todos os tempos. Acho que sim. Consigo trabalhar com madeira, construir coisas. Já construí violões e faço obras e carpentaria. Poderia fornecer algum tipo de entretenimento ruim para as pessoas, para aliviar o stress diante do inferno que estão vivendo. Sou do tipo de pessoa que, se você me pede pra fazer algo, eu provavelmente farei.

Q: Você jogou hockey na NCCA nos EUA e jogou profissionalmente na Europa. Sua experiência com esportes ajudou você a se preparar, de alguma maneira, para o apocalipse zumbi?TWD-S4-Webisodes-Paul

Wyatt Russell: Absolutamente, parte do nosso treinamento foi correr das pessoas. Se eu vivesse no norte, os zumbis morreriam usando patins. Você seria capaz de girar melhor ao redor deles se o rio estivesse congelado.

Q: Lutar contra zumbis nos webisódios: é um bônus ou um risco do trabalho?

Wyatt Russell: Ambos. É super divertido – você pode matar zumbis, e não há muitas coisas que seriam melhores do que isso. É mais difícil do que parece. Quando você vai fazer uma cena e a assiste, é uma agonia de 10 a 20 segundos que durou metade do dia para ser feita, uma vez depois da outra, caindo e levantando o extintor de incêndio. Posteriormente, vê fica exausto. Sair de uma experiência com o hockey, eu pensei, “Consegui isso, não é difícil, já fiz coisas muito piores.” Então você esquece que tem que fazer isso 50 vezes, o que é muito mais difícil do que sair durante uma hora e fazer só uma vez.

Q: Você canalizou alguma de suas experiências com o hockey ao interpretar um personagem ferido nos webisódios?

Wyatt Russell: Sim, esse é o motivo de eu ter me aposentado do jogo. Tive alguns ferimentos que me fizeram sair de vez – mas diferentes de quaisquer ferimentos de filmes. E também tive muitas experiências com machucados e com ossos quebrados.

Q: Você já presto um juramento ou fez um pacto com um amigo alguma vez?

Wyatt Russell: Com certeza, quando era criança. Não era do tipo “se você morrer, morrerei com você” – nada assim. Era mais, essa é uma má ideia, as pessoas deixam de cumprir as promessas o tempo todo. Eu não serei aquele que fará o pacto, porque, certamente, serei aquele que não cumprirá com a promessa.

Q: Kurt Russell é seu pai; Goldie Hawn é sua mãe. Algum dos dois é fã de The Walking Dead?

Wyatt Russell: Meu pai assiste ao noticiário e recentemente passou a ver Breaking Bad — ele é um enorme fã. Minha mãe, ela não assiste TV.

Q: Como você acha que alguns personagens que você interpretou anteriormente teriam se saído nesse webisódio?

Wyatt Russell: Acho que ninguém consegue se sair bem em um mundo de The Walking Dead; se se saem bem, estão alucinando ou foram enganados. Eu imagino que o Xerife Anders, do filme que acabei de fazer, We Are What We Are, definitivamente morreria. Esse cara estaria liquidado. Eu diria que todos eles morreriam, na verdade.

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo, irá retornar com dezesseis episódios na quarta temporada, em 13 de Outubro de 2013 na AMC e 15 de Outubro de 2013 na FOX Brasil. Confira o trailer oficial da temporada e uma análise detalhada dele.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para mais informações sobre a quarta temporada.


Fonte: AMC
Tradução: Lalah / Staff Walking Dead Brasil

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA