Siga-nos nas redes sociais

7ª Temporada

Christian Serratos fala sobre o grande episódio de Rosita em The Walking Dead

Publicado há

em

Rosita e Sasha compartilharam mais que um amor pelo querido falecido Abraham. Elas também estão de saco cheio de esperar sentadas para se vingar de Negan. Então, a dupla dinâmica (e um pouco disfuncional) se juntou para tentar derrotar o malvado Negan no último episódio de The Walking Dead. Mas tudo mudou quando elas viram Eugene.

Depois de tentarem salvar um cara que não queria ser salvo, Rosita tentou infiltrar o Santuário para matar Negan. Só um problema: Sasha trancou a entrada para salvá-la, entrando sozinha.

A Entertainment Weekly conversou com a mulher que interpreta Rosita, Christian Serratos (que foi um destaque nessa temporada) para termos uma visão geral sobre o episódio mais importante de Rosita até agora – que incluiu uma grande quantia de informações sobre seu passado, um momento esquisito por causa de um colar, e uma missão suicida dando errado.

ENTERTAINMENT WEEKLY: Sei que o showrunner Scott Gimple se reúne com cada um de vocês e dá algumas informações sobre o que esperar de seu personagem, então estou curioso sobre o que te disseram. Qual o esboço que ele te deu para você ficar com raiva de tudo e todos o ano inteiro?

CHRISTIAN SERRATOS: Bem, é engraçado porque minha reunião com o Scott sempre acontece na metade da temporada. Scott é muito ocupado, e eu não sou do tipo de pessoa que fica lembrando os outros de qualquer coisa. Então sempre no meio da temporada eu fico “caramba, não sei o que faço, o que se passa, eu provavelmente deveria conversar com ele”. Eu não sabia de muita coisa de sua trajetória até o episódio final da midseason, e foi aí que conversamos. Uma das maiores coisas foi que minha aparência tinha que mudar depois que Negan cortasse meu rosto, fiquei muito empolgada com isso.

Fiquei bastante contente ao ouvir que ela não vai sair tão rápido desse problema que enfrenta. Para mim, como ser humano, não pareceu tão razoável que depois de enfrentar uma perda tão traumática ela voltasse ao normal, ou o que consideramos normal para Rosita. Todos eles deveriam estar bem perturbados depois de passar por tanto caos no primeiro episódio e testemunharem um grande trauma. Vimos todos os personagens passarem por muita coisa, mas o episódio 1 em especial foi um mundo completamente diferente, então gostei que vocês estão vendo cada um deles lidando com essa perda de uma maneira diferente.

Acho que muitos espectadores simpatizaram com Rosita porque ela ficou muito frustrada quando Rick falou que queria recuar enquanto ela queria agir. Mas o que é interessante agora é que Rick finalmente está a bordo para derrotar Negan, e ele tem esse plano de longo termo. Por que Rosita não consegue seguir o plano de Rick? Ela é muito impaciente?

Christian Serratos: Sim, ela está bastante motivada agora. Ela meio que tem só uma ideia em mente, e sabe que eles estão esperando para derrotá-lo, mas acho que a ideia de perder a oportunidade fica bem aparente nesse episódio, e isso é algo que ela não quer. Ela não quer perder uma oportunidade de matá-lo porque isso é maior que somente uma vingança a esse ponto.

Ela o quer morto para vingar a morte de Abraham e Glenn, mas mais que tudo, as pessoas estão esquecendo que muito de sua raiva e frustração vem do fato dela ter perdido duas pessoas, e ela está assustada com a ideia de perder mais pessoas novamente. Negan ainda representa uma ameaça por estar vivo, e ela quer eliminar a chance de perder seus amigos – o que é outro motivo do por que ela está disposta a se ferir. Ela quer se colocar antes de qualquer um, e eu acho que isso mostra o quanto ela os ama.

Como foi trabalhar por muito tempo com Sonequa Martin-Green (que interpreta Sasha) nesse episódio?

Christian Serratos: Trabalhar com Sonequa é minha coisa favorita. Eu a amo demais, e também amo todos da série, mas eu e ela compartilhamos algo que me deixa muito empolgada. Todos da série dão 130%, ninguém trabalha pela metade. Mas Sonequa e eu temos essa química e acho que isso consegue aparecer. Nós podemos confiar uma na outra, e nos divertimos nas cenas mais dramáticas, as cenas mais traumatizantes são as que a gente mais se diverte. É um tipo de terapia, e nós podemos contar uma com a outra, sabemos que daremos tudo que temos para que a outra consiga chegar ao lugar que precisa.

Queria falar sobre algumas cenas específicas desse episódio. Obviamente, foi uma situação meio esquisita quando Rosita viu Sasha usando o colar que ela fez para Abraham. Quem deveria usar aquele colar?

Christian Serratos: Bem, ninguém a esse ponto, é estranho! Nós brincamos sobre isso fora das gravações. Lemos o roteiro e quando gravamos, nós duas achamos que aquilo era bem nojento. É tão estranho, e me senti como a Sonequa na vida real, se ela tivesse nessa posição, ela teria tirado o colar e falado “Nojento, jogue isso fora”. Ela está usando algo que representa o amor de Rosita e Abraham, então eu não sei. É um lugar esquisito, mas ela também perdeu seu amor. O que ela e Abraham compartilhavam era bem real. Havia algo entre eles que Rosita e Abraham nunca tiveram, então ter qualquer coisa dele era importante para a personagem, mas como indivíduos, nós não guardaríamos o colar.

Você discute com Sasha sobre ela querer atirar em Negan de longe e Rosita insiste que elas precisam ficar mais perto para atirar. Nesse ponto, ela está quase vendo essa viagem como se fosse só de ida, não é? Escapar não é uma preocupação para Rosita.

Christian Serratos: Essa foi uma boa interpretação. É uma missão suicida, e eu acho que por isso que o Padre Gabriel tentou convencê-la do contrário, relembrando que ela ainda é valiosa, porque ela tinha desistido de sua vida quando decidiu matar Negan. Você pode argumentar que ela se sentiu morta durante toda essa temporada, então isso definitivamente não é um problema para ela. Escapar, viver… sua única missão (e já vimos como Rosita lida com uma missão) é matar Negan, custe o que custar.

Esse episódio marca nossa primeira grande história do passado de Rosita, onde você fala tudo sobre como seu personagem odiava não ser capaz de cuidar de si mesma, então procurou homens que poderiam protegê-la e ensinar algo para ela, e quando ela aprendia o que precisava, superava eles e caia fora. O que você pegou disso tudo e quão legal foi preencher algumas lacunas do passado de sua personagem?

Christian Serratos: Amei muito, fiquei bastante empolgada. Eu já sabia de sua história há um tempo, e era algo que pensei e perguntei sobre, então eu já tinha toda a informação. Era como se eu guardasse esse segredo ótimo que eu mal esperava para compartilhar. Me perguntaram bastante sobre isso, então o jeito que contei o segredo foi perfeito. Eu amei sua história passada, mostra sua força, mostra como ela é poderosa.

Sabemos que esse mundo é algo que ninguém consegue realmente entender, mas eles perderam tudo e tem que pensar em coisas mais básicas, e ela sabia que o que ela tinha a oferecer era sua aparência e que isso podia beneficiá-la se ela escolhesse utilizar isso, e foi o que ela fez para sobreviver. Eu achei isso bem legal, e o fato dela fazer tudo 10 vezes melhor que todos esses caras é uma mensagem legal a passar.

Vocês mudaram a missão para salvar Eugene, e mesmo assim ele diz que não quer ir com vocês e foge – algo bem previsível para Eugene, diga-se de passagem. Você queria entrar lá para acabar com Negan, mas Sasha te trancou para fora e foi sozinha. Quão frustrada Rosita ficou naquele momento?

Christian Serratos: Claro que há frustração e há um senso de raiva, mas acho que acima de tudo ela sentiu culpa. Seu acordo era que elas iriam matar Negan e não se importar com suas próprias vidas. As duas estavam numa missão suicida, então por trancar Rosita para fora, ela essencialmente estava salvando sua vida, e acho que isso foi muito tocante para Rosita, especialmente porque ela abriu o caminho para Sasha. Acho que isso a fez sentir muita culpa.

O que você acha que acontecerá se Rosita entrar lá e esbarrar com Eugene novamente?

Christian Serratos: [Risadas] Ela provavelmente falará pra ele sentar e sair do caminho dela.

Como foi saber que você tinha esse episódio grande a caminho?

Christian Serratos: Foi empolgante, de destruir os nervos, e eu amo que ainda destrói os nervos. Eu espero que isso aconteça o tempo todo que eu estiver nessa série, que eu nunca pare que ficar nervosa com as cenas, porque quando você fica nervoso com uma cena, é porque você se importa com ela. É bom e quero ter certeza que eu dê o melhor de mim, e se você faz os fãs felizes e agrada as pessoas, você cresce – todos esses pontos faz você querer ser a melhor.

E também há um medo. Isso será um grande diálogo [Risadas]. Lembro-me de ler aquela cena entre Sonequa e eu, é tão simples, tão trivial, mas é o diálogo mais longo que tive na série. Isso vem naturalmente para algumas pessoas, e para outras não. Eu me encontrei bem no meio, então isso foi definitivamente uma dificuldade para mim, mas eu sentei com essa informação por tanto tempo que queria ter certeza que finalmente essa era a hora da audiência saber quem ela realmente é. Eu ia deixar os espectadores entrarem e não queria desapontar ninguém, então mesmo vendo a cena, eu ainda pensei “O que eu poderia ter feito ou não ter feito?” mas esse é o jogo. Você aprende por si mesma, você cresce e espera ser melhor no próximo dia.

Sabemos onde estava a cabeça de Rosita entrando nessa missão. E agora que tudo aconteceu, onde ela está?

Christian Serratos: Eu acho que ela nunca será alguém que se conforma e diz “Bem, isso não funcionou”. Então com certeza ela será bem mais estratégica. Se vocês verão isso em cena ou será algo mais metodológico, aí vocês terão que descobrir, mas ela nunca aceitará um fracasso.

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo é exibida todo domingo no AMC Internacional, às 22h, e no FOX Action (canal do pacote premium FOX+) e FOX Brasil, às 22h30. Confira todas as notícias sobre a sétima temporada.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.


Fonte: Entertainment Weekly

Publicidade
Comentários

EM ALTA