Siga-nos nas redes sociais

6ª Temporada

Andrew Lincoln comenta sobre a reviravolta “incrível, linda e tocante” em The Walking Dead

Publicado há

 

em

Atenção! Este conteúdo contém SPOILERS do décimo episódio, S06E10 – The Next World, da sexta temporada de The Walking Dead. Caso ainda não tenha assistido, não continue. Você foi avisado!

Andrew Lincoln, o ator principal de The Walking Dead, literalmente gritou quando descobriu que a série finalmente iniciaria o romance entre Rick e Michonne. Embora Lincoln diga que a atriz Danai Gurira “tinha uma suspeita” de que os produtores estavam indo em uma direção íntima com os personagens, o ator afirma que ele “não fazia a menor ideia”.

Abaixo, Lincoln se abre sobre quando ele descobriu que o amor floresceria entre os “dois guerreiros”, revela o que ele e Gurira fizeram para se preparar para a grande cena amorosa e comenta sobre os obstáculos que ameaçam interferir no caminho do “romance bonito e florescente” deles.

TVLINE | Quando e como você descobriu que isso aconteceria?

Andrew Lincoln: Danai esteve agindo de modo estranho no trailer de maquiagem alguns dias antes [de começarmos a gravar o episódio]. A midseason premiere me deixou muito ocupado, então eu ainda não tinha tido a chance de ler o roteiro [do décimo episódio]. Ela estava agindo de maneira estranha, acanhada e meio tímida [perto de mim]. E eu disse, tipo, “O que há de errado com você? Por que não está falando comigo?” Ela disse, “Você já leu?” Eu disse, “Do que você está falando?”, e ela disse, “Você já leu [o roteiro do décimo episódio]?” E, naquele momento, eu só tinha lido até o Terceiro Ato. Então, eu disse, “Sim, está ótimo. O episódio é tonalmente muito diferente. É engraçado e leve.” Ela disse, “Não, você já chegou até a cena final?”, E eu disse, “Não”. Então, é claro, eu voltei, li e apenas gritei. Corri até o trailer [até ela] e disse, “O quê? Por que você não me contou?!”, e ela disse, “Eu não consegui contar! Estava surtando!”

TVLINE | Depois que o choque passou, como você se sentiu sobre fazer dos personagens um casal, do ponto de vista criativo?

Andrew Lincoln: Foi incrível. Com certeza, as pessoas estão esperando há muito tempo que isso aconteça. Quando nós gravamos, queríamos passar o sentimento como se esses dois grandes amigos simplesmente olhassem um para o outro e percebessem, “É claro.” Foi apenas natural… Michonne tem sido uma figura materna e a melhor amiga de Carl há bastante tempo. E ela salvou a vida de Rick e a vida de Carl em incontáveis ocasiões. É muito emocionante esses dois guerreiros ficarem juntos.

TVLINE | Como você e Danai se prepararam para a cena? Vocês trabalharam juntos, mas nunca em um nível tão íntimo assim.

Andrew Lincoln: Você meio que segura na mão, anda até a borda do precipício e pula – e continua de mãos dadas. É aquilo, você apenas confia em alguém. Eu estive trabalhando ao lado da Danai Gurira, que é brilhante, iluminada e soberbamente talentosa, por três anos e meio, agora. Eu a admiro e a respeito como colega de trabalho. Isso também faz parte da descrição do trabalho. Fica lá nas letrinhas pequenas, Michael. [Risos] É por isso que nós somos pagos. Afortunadamente, eu fui acompanhado por uma atriz principal linda e incrível… Mas é incomum e é estranho.

Minha única hesitação é que eu espero que as pessoas percebam que houve um salto temporal entre seis semanas e dois meses [desde o episódio da semana passada]. Quando li, fiquei um pouco chocado devido à morte de Jessie. Mas ela foi vastamente importante para abrir um lado de Rick que estava fechado desde a morte de Lori. Foi uma evolução em relação a isso. Jessie teve um papel valioso para Rick, fazendo-o explorar esse lado dele.

TVLINE | Você mencionou que está na descrição do trabalho, mas romance e felicidade raramente entram em jogo em The Walking Dead. Foi animador poder interpretar essa cena em uma série tão violenta e sombria?

Andrew Lincoln: Sim, foi. E tudo o que aconteceu com Rick e com Daryl nesse episódio foi hilário. Nós nos divertimos tanto. Havia uma energia completamente diferente no set. A equipe também estava bastante entretida com isso. Mas foi natural. E eu acho que a intenção do Scott [Gimple, o showrunner da série] foi dar um vislumbre de uma civilização em potencial. Sobre o que poderia ser. Pelo que estamos lutando, se não podemos nos apaixonar? Se não podemos ter humor e rir de novo? O episódio, esperançosamente, foi sobre isso. Esses são personagens inteiros que podem rir e viver de novo… Além disso, vocês, pessoal – a audiência merece uma pausa.

TVLINE | Sim, nós merecemos!

Andrew Lincoln: Se comprometer completamente como fã dessa série é, às vezes, uma questão de resistência. E eu louvo todos vocês. [Risos] É um comprometimento impressionante, porque vocês sofrem junto com os personagens. Se você ama um personagem e ele/ela morre, é um sofrimento.

TVLINE | A cena da manhã seguinte, com Rick e Michonne deitados na cama, foi muito engenhosa. Houve muita discussão sobre o posicionamento das mãos e das pernas de vocês?

Andrew Lincoln: Honestamente, nós poderíamos ter escrito uma tese sobre o posicionamento. [Risos] Houve muita conversa sobre a quantidade de contato corporal que deveria haver e sobre o quão íntimo deveria ser. Eu fiquei realmente feliz que nós nos saímos bem. Queríamos que parecesse a primeira vez deles, que eles parecessem apaixonados e iguais em todos os sentidos. E nós queríamos que fosse natural, bonito e maduro.

TVLINE | O que você pode adiantar sobre a evolução da relação deles de agora em diante? Eles vão entrar em pânico e recuar? Ou irão adiante a todo vapor?

Andrew Lincoln: A história se desenvolve muito rapidamente de agora em diante. [Risos] Infelizmente, como a maioria dos momentos na série, as coisas interferem nesse romance bonito e florescente. Mas onde há vida, há esperança. É uma pausa adorável, mas precisamos fazer uma série normal nos próximos seis episódios. Encontramos muitas pessoas e o mundo se amplia de uma maneira bonita e brilhante, mas também muito assustadora. Então, segure esse pensamento. Eu não acho que o romance vá a lugar nenhum. Acredito que eles se amam. Mas vocês podem ter de esperar um pouquinho antes do próximo momento de intimidade.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.


Fonte: TV Line

Publicidade
Comentários

EM ALTA