Siga-nos nas redes sociais

10ª Temporada

10ª Temporada de The Walking Dead focará em paranoia e traumas

A showrunner de The Walking Dead, Angela Kang, revelou novos detalhes sobre a 10ª temporada.

Publicado há

em

Ainda estamos a alguns dias de distância do dia em que AMC lançará o primeiro trailer da 10ª temporada de The Walking Dead no painel da Comic-Con na sexta-feira, 19 de julho, em San Diego. Mas isso não nos impedirá de lhe dar informações sobre o que esperar.

Primeiramente revelamos que o Dante dos quadrinhos de The Walking Dead fará sua primeira aparição na série televisiva nessa 10ª temporada. Depois, trouxemos a notícia de que The Walking Dead está tentando trazer Lauren Cohan de volta ao elenco.

Agora temos mais algumas dicas se tratando de quando a nova temporada pode começar, o que esperar tematicamente e o que esperar dos mais novos vilões.

Confira abaixo tudo o que rolou em uma recente entrevista com Angela Kang ao Entertainment Weekly.

Vamos começar com o básico… quanto tempo se passou desde que os vimos no final da décima temporada?

Angela Kang: Já se passaram alguns meses… sinto que o tempo do show é baseado nas crianças. Vimos Rosita praticamente no fim da sua gestação na última temporada e posso dizer que está diferente agora. Passou pouco tempo. Eles estão vivendo de acordo com algumas regras dos Sussurradores, veremos que algumas coisas mudaram e pessoas fizeram coisas inesperadas para cooperar com os traumas que vimos na temporada passada.

Há algo em específico, tipo visual, sentimental, ou até mesmo temático que vocês estejam tentando alcançar nessa temporada?

Angela Kang: Sim, uma das grandes coisas da história em quadrinhos sobre a qual nós realmente nos empolgamos é que há essa ideia de paranoia, e essa ideia de “silenciar os Sussurradores”, que Robert Kirkman fez muito bem. Então, definitivamente há um sentimento de que o nosso grupo entra nesse conflito que continua construindo entre os Sussurradores, que é muito diferente de como a guerra dos Salvadores se desenrolou, uma espécie de sensação de Guerra Fria.

Os Sussurradores são diferentes. Alpha surpreendeu de forma grandiosa os sobreviventes das comunidades ao se disfarçar, se camuflando em meio a feira. À céu aberto, de alguma forma ela deu um jeito de prendê-los. Essa com certeza foi a ameaça mais diferente com a qual os heróis tiveram que lidar desde o começo do apocalipse.

E como o grupo responde a isso?

Angela Kang: Estamos lidando com muitas coisas, com o trauma das pessoas, tentando entender o que é real ou não. Coisas que têm a ver com ilusão, ou apenas quebra de memória, estresse pós traumático. Então, há muitas coisas que estamos fazendo que são muito exclusivas desta temporada. Nós também estamos nos divertindo muito com o fato de que a última vez que nosso pessoal esteve em uma guerra, eram armas automáticas e tiros, mas nós não estamos mais naquele período de tempo. Então, estamos trabalhando em algumas coisas que são diferentes de tudo que fizemos no programa, e estou super empolgada com isso.

Você mencionou os Sussurradores, que foram bem claros com o nosso grupo para não passarem por suas terras. O que você pode dizer sobre eles, especificamente?

Angela Kang: Nós estaremos contando mais sobre a história deles nessa nova temporada. Nós teremos uma história interessante e veremos mais a fundo alguns personagens desse grupo. Aprenderemos mais sobre Alpha e Beta. Eles também têm seus próprios problemas dentro de seu grupo. Será interessante ver como todos vão lidar com esse conflito da fronteira.

Obviamente, sabemos que nosso povo já cruzou a fronteira antes. A fronteira continua a ser um problema, e como as fronteiras do nosso mundo e da vida, o que é uma fronteira? É algo em que um grupo disse: “Ei, esta é a fronteira. Não atravesse.” Nosso pessoal está lidando com: “Nós vivemos com isso? Podemos viver com isso? O que isso significa?”. Quando eles cruzaram a fronteira no final da temporada passada, eles descobriram que os Sussurradores não estavam lá, ou pelo menos eles achavam que não estavam.

Mas existem algumas coisas muito estranhas e interessantes que acontecem em torno dessa história que tem a ver com isso, tipo, o que acontece quando você é pego. E claro, Samantha Morton como Alpha, e Ryan Hurst como Beta são ótimos. Nós os amamos como pessoas e, como artistas, acho que eles trazem muito para esses papéis. Então, estou realmente empolgada para que o público veja o que eles estão trazendo para esta temporada porque há muito mais para explorar com eles.

Quais as suas expectativas para a a 10ª temporada de The Walking Dead? O que espera ver no trailer? Deixe sua opinião nos comentários abaixo!

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA