Siga-nos nas redes sociais

2ª Temporada

O Sucesso Chamado “Daryl Dixon”

Publicado há

em

Duas coisas são certas quando The Walking Dead retornar domingo com a tão esperada segunda metade da segunda temporada: O cansado grupo de sobreviventes do apocalipse zumbi (assim como os fãs) ainda estará se recuperando dos eventos que ocorreram durante o episódio final no último outono, no qual a horda de walkers escondida no celeiro de Hershel – incluindo a filha da Carol, Sophia — foi aniquilada. E os fãs estarão empolgados para ficar novamente na companhia de Daryl Dixon, o consumado intransigente sobrevivente do show, como retratado por Norman Reedus — que tem sido perseguido por hordas de fãs nos dias de hoje.

“Tudo se resume ao Norman,” disse o produtor executivo Robert Kirkman, criador das HQ de The Walking Dead (nas quais Dixon não existe) sobre a popularidade de Dixon e a interpretação de Reedus. “Eu me sinto absolutamente abençoado que ele tenha honrado o nosso show com a sua presença e com a forma como ele veio e assumiu o controle desse papel e definiu Daryl Dixon.”

Mas quem é Dixon? Um roceiro mal-humorado, que é só trabalho quando o assunto é manter-se vivo. Ele sabe caçar esquilos e matar zumbis silenciosamente com a sua besta. No ultimo Outono, Dixon teve habilidade com a faca e a coragem para estripar um zumbi e procurar por partes do corpo no intestino dele.

Ele também começou a mostrar um lado mais sensível à medida que se aproximava de seus companheiros refugiados e procurava incansavelmente pela desaparecida Sophia, uma das duas crianças do grupo.
“As várias camadas da personalidade de Dixon”, diz Reedus, “é parte do seu apelo.”

“Originalmente, era para ele ser apenas um cara nervoso com um ponto de vista racista que odiava todo mundo e vocês o viram crescer e se tornar uma pessoa melhor. Talvez isso tenha alguma coisa a ver com isso.” diz Reedus, 43. “Daryl é esse cara que precisa de um abraço, mas se você tentar abraçá-lo ele tentará te apunhalar. Ele não quer conversar sobre seus sentimentos, mas você pode ver que existem vários sentimentos engarrafados.”

“Muito da interpretação do personagem feita pelo Norman na primeira temporada, inspirou todos os escritores a fazer o que nós fizemos com ele na segunda temporada,” diz Kirkman. “Nós amamos escrevê-lo e acabamos fazendo algumas coisas bem legais com ele.”

O ator sempre cortejou um apelo cult. The Boondock Saints (Santos Justiceiros), um filme de ação escura de 1999, no qual ele estrela com Sean Patrick Flanery e Willem Dafoe (e a seqüência de 2009, The Boondock Saints II: All Saints Day), gerou os seus próprios fansites incluindo theboondockbetties.com. “(Fãs) atravessam a rua correndo e te derrubam no chão,” diz Reedus, “mas The Walking Dead definitivamente abriu várias portas para mim”.

E 2011 foi um ano movimentado. Reedus interpretou Judas no controverso vídeo da Lady Gaga Judas oposto à Maria Madalena de Gaga. No filme de Robert Redford, The Conspirator (Conspiração Americana), Reedus foi Lewis Payne, uma das quarto pessoas enforcadas por conspirarem para matar Abraham Lincoln. Reedus tem três filmes em pós-produção, incluindo um filme independente, Sunlight Jr., com Naomi Watts e Matt Dillon.

Mas sem dúvidas The Walking Dead está elevando o seu perfil. A primeira parte, de sete episódios, da segunda temporada calculou 8.9 milhões totais de espectadores no último outono, incluindo 6.1 milhões entre as idades de 18 a 49, mais do que qualquer outro drama da TV a cabo entre jovens adultos. A noite de estréia no ultimo outono, acumulou 11 milhões de espectadores. Mais seis episódios irão ao ar começando domingo. Dixon e Reedus cativaram fãs tais como Elizabeth Hil de Holliston, Massachusetts, uma das fundadoras do fansite Dixon’s Vixens (dixonsvixens.com). “Se eu ficasse presa em um apocalipse zumbi, Daryl é definitivamente alguém que eu gostaria de ter ao meu lado.”

E fãs vêm em todos os tamanhos. “Eu busquei meu filho (Mingus, 12, filho da supermodelo Dinamarquesa Helena Christensen) na escola alguns dias atrás,” Reedus diz. “Ele tinha um grande sorriso no rosto e eu perguntei ‘Por que você está rindo assim?’ Ele disse que alguns dos meninos mais velhos da escola o perguntaram, “Seu pai é o Daryl Dixon?’”


Fonte: USA Today
Tradução: @LinaDeff / Staff WalkingDeadBr

Publicidade
Comentários

EM ALTA