Siga-nos nas redes sociais

Entrevista

Lauren Cohan fala sobre o momento quente de Maggie e Glenn no último episódio

Jessica Storrer

Publicado há

em

A atriz Lauren Cohan, que interpreta Maggie Greene em The Walking Dead, fala sobre sua cena quente com Glenn no episódio 13 e sobre sua filosofia sobre o amor no apocalipse.

Tem sido uma temporada desafiadora para Maggie. Isso também te afetou pessoalmente?

Tem me estressado um pouco, mas eu sinto que os escritores estão escrevendo para o meu eu emocional. Eu sou muito boa em ficar emocional daquele jeito. Isso é algo que eles provavelmente reconheceram e escrevem visando isso, então é uma temporada muito recompensadora para mim. Diversão não é algo que você pensa quando está entrando em um apocalipse, mas tem sido muito prazeroso. Se alguém vai fazer algo emocionalmente angustiante, é algo bem sério. Mas se nós temos tempo e precisamos pular de um carro e rachar no meio a cabeça de alguém, nós nos divertimos.

Maggie tem muitos papéis na série, ‘amante’ e ‘filha’ são os principais. Qual é seu preferido?

Por mais que eu ame o romance entre Maggie e Glenn, eu gosto mesmo de ver a relação pai e filha dando certo na tela. Talvez isso aconteça porque eu tenho dois pais, eu não sei – minha mãe casou de novo quando eu tinha 7 anos; meu pai biológico e eu somos muito próximos, e meu padrasto e eu também somos muito próximos; Meu dilema moral é o que vai me guiar, quando o dia vier.

Recentemente você tuitou sobre as diferenças entre os atores britânicos e americanos. No set de filmagem, quais são algumas diferenças entre esses dois grupo?

Eu não vejo essa distinção entre a America e a Inglaterra no set de filmagem. Andy [Lincoln] fala com sotaque americano o tempo todo, David Morrissey fala com sotaque americano o tempo todo, e somos todos um tanto metódicos quando estamos atuando. A única parte surreal para mim é ver a galera no fim de semana: Andy usa óculos e fala como um inglês.

Você tem uma cena intensa de sexo com Glenn no episódio 13. Você ficou nervosa quando foi filmar aquilo?

Não, porque eu confio de verdade na equipe. No fim do dia o que foi filmado ficará lá para sempre, e eu não quero que pareça falso ou embaraçoso. Sempre há tanta coisa que as pessoas podem mostrar na TV a cabo, mas nós queríamos fazer justiça à esse casal apaixonado. Eles estavam emburrados há dias e esse foi o momento de cura. Eu acho que é uma cena linda.

Foi esse o estopim para começarem as brincadeiras entre você e Steven Yeun?

Nós sempre brincamos sobre isso! Todos os nossos fãs estão convencidos que nós somos um casal. Quando fui viajar com meu pai, eu tirava fotos de onde eu estava e postava no twitter e as pessoas escreviam ‘Lauren, nós sabemos que quando você diz pai, você na verdade quer dizer Steven‘. Tornou-se uma piada rotineira para nós. Se nós postamos uma foto de nós juntos, as pessoas começam a falar.

Você tem que balancear amor e guerra.

Exatamente, e é por isso que nós estamos OK com essa cena apaixonada. Essa é a diferença entre a televisão americana e a britânica. Lá você pode mostrar alguém tendo o cérebro arrancado pela orelha, mas não pode mostrar um mamilo. Sinto que devemos fazer amor, e não zumbis. Nesse série nós estamos arrasando nesse sentido!


Fonte: AMC

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA