Siga-nos nas redes sociais

4ª Temporada

Gale Anne Hurd fala sobre a decisão que Rick tomou no episódio “Indifference”

Rafael Façanha

Publicado há

em

A “Ricktatorship” (Ditadura Rick) está viva. Em um dos momentos mais surpreendentes de The Walking Dead, até agora, Rick Grimes baniu a assassina confessa Carol do grupo da prisão, nesse episódio de domingo “Indifference” (Indiferença).

Com a ideia de segurança tomando claramente um lugar nas maiores preocupações de Rick – gostar ou não de Carol, confiar que não matasse outras pessoas, incluindo as crianças de Rick – e a infecção se espalhando na prisão, a produtora executiva de “The Walking Dead” Gale Anne Hurd conversou com o Yahoo TV sobre o episódio da noite de domingo e reiterou a advertência dada pelas estrelas da série, como Andrew Lincoln e Norman Reedus: Há muitas voltas pela frente e você não vai ver isso chegando. “Eu asseguro isso a vocês”, diz Hurd.

Este episódio, com a grande decisão de Rick sobre Carol, saiu monumental, com o jogo mudando, como algumas grandes mortes de personagens.

Sim. Nós tendemos a fazer isso com o quarto episódio da temporada… se tornou uma espécie de tradição fazer com que algo explosivo aconteça no quarto episódio. Na última temporada, foi a morte de Lori e T Dog. Esta temporada é igualmente monumental, mas apenas de uma forma completamente diferente.

Será que Rick sabia que, quando ele deixasse a prisão com Carol em busca de alimentos, ele não a traria de volta?

Eu acho que ele queria ver como ela lidou com isso. Ela estava arrependida, ela estava magoada [sobre a morte de Karen e David], ou ela é alguém que pode ser perigoso manter por perto? Eu acho que ele estava usando sua viagem de reconhecimento para senti-la. Ao mesmo tempo, ele tem, até esse ponto, o poder de abdicar ao conselho. Claro que, com o surto do vírus, várias pessoas desse Conselho estão doentes. E ela estava no Conselho. Pode ser que Rick tenha que voltar a tomar decisões por conta própria.

carol-rick-the-walking-dead-4-temporada

Você acha que em qual momento ele tomou essa decisão?

Acho que houve vários. No entanto, um deles, eu acho que foi quando ele estava tão ansioso para deixar [Sam e Ana], as duas novas pessoas que eles encontraram pra trás, e basicamente disse isso: “Eles não estão aqui. Vamos embora.” [Ele começa a se perguntar] se Carol tornou-se tão cruel ao ponto dela tomar uma decisão que iria acabar atingindo um dos membros de sua família ou dos amigos? Esse mundo brutal tem criado alguém incrivelmente insensível em Carol, a pessoa que foi, certamente, uma das mais melosas e alguém que até o apocalipse zumbi, era uma vítima? Ele tem que pesar tudo isso em sua mente. Ela é alguém que será seguro deixar com Judith? Ela é alguém em que Carl poderá confiar? É um equilíbrio delicado entre tomada de boas decisões e decisões difíceis.

O relógio parecia uma coisa fundamental, também. Carol deu a Rick o relógio não como uma lembrança, mas porque ela assumiu a razão pela qual ele estava tão chateado com a morte de Sam porque Sam estava com seu relógio…

Certo, o que certamente não é tudo. Em sua mente, neste momento, acho que estamos chegando na sensação de que decisões praticas tornaram-se quase mais importante do que a vida humana. A vida humana só é valiosa… ela acha que há um certo ponto em que você corta a isca.

E, ainda, em um nível de sobrevivência pura, você pode entender a justifica para o que ela fez, até certo ponto.

Claro. Se você pensar sobre isso, se você tivesse trabalho, se a doença tivesse parado no inicio porque ela matou Karen e David, você estaria olhando para trás de uma forma diferente, talvez. Ou talvez não, mas a verdade é que não funcionou. Em retrospecto, o que ela fez não foi apenas um movimento errado, mas indefensável.

Carol aceita facilmente e rapidamente a decisão de Rick de bani-la da prisão mesmo depois que ele disse que não poderia levar Lizzie e Mika com ela. Será que ela não concordou um pouco rápido demais? Talvez esse não seja o fim de Carol com o grupo?

Ela também respondeu muito rapidamente quando ele perguntou se ela era a responsável pelas mortes [em “Isolation”]. Ela tornou o pragmático em real. Eu não acho que ela iria gastar seu esforço defendendo suas ações ou discutindo. Ela compreendeu no momento que poderia ter muita repercussão e que iriam ser graves. Se você olhar para a temporada 2, eles estavam prontos para matar Randall porque não queriam que ele fugisse e avisasse ao acampamento que eles estavam na fazenda, porque os assassinos estavam armados e estupradores voltariam. Eles estavam a ponto de mata-lo. Estou certa de que Carol sabe que isso também poderia ter sido uma opção [pra ela]. Mas foi apenas a expulsão.

Carol-Indifference-The-Walking-Dead-4-Temporada

Rick tomou essa decisão sem a participação dos outros. Será que ele irá se arrepender?

Ele não teria sido capaz de manter essa informação [sobre o que Carol fez] para si mesmo se ela voltasse. Tenho certeza de que, dado o confronto que teve com Tyreese, ele teria assumido a Tyreese que tinha matado Karen.

Mas ele está preocupado que Tyreese ficará tão chateado quando descobrir o que Carol fez que não terá a chance de confronta-la porque Rick jogou-a pra fora do grupo?

No momento, ele estava fazendo a coisa exata. Foi certamente muito mais conveniente do que a criação de mais uma coisa para traumatizar a todos, dizendo: “Ok. Eu a trouxe de volta. Ela é culpada. Ela admitiu isso. Agora o que vamos fazer?” Eu acho que existe um ponto em um bom líder que diz: “Eu vou lidar com isso, e eu vou lidar com isso agora.”

Nós temos tido uma grande quantidade de dicas de que Michonne irá se abrir, especialmente para Daryl. Será que vamos ter mais de sua história ao fundo, em breve?

É possível. Nós certamente vimos ela começar a se abrir. Ela não é apenas uma personagem de cara fechada. E ela é uma caçadora tranquila. Ela disse a Daryl que está pronta para desistir de procurar o Governador, que ela vai estar aderindo à prisão. Ela tem peixes maiores para fritar nesse momento. Quando tudo está indo bem e tem uma existência essencialmente pacifica, você pode presumir que se trate de vingança, ou até mesmo um hobby, mas não quando suas vidas estão em tal perigo.

Falando do Governador, os quatro primeiros episódios da temporada têm sido tão agitados que temos quase esquecido dele. Mas ele ainda está lá fora, provavelmente pronto para atacar em algum momento?

Temos várias histórias e temos vários personagens. Isso é o que tem sido maravilhoso. Tivemos oportunidade, sem ter que introduzir o Governador, de conhecer os personagens profundamente e ver como eles reagem com outras ameaças.

Foi sempre esse plano? Com Tyreese, por exemplo, que é um personagem tão amado nos quadrinhos e que as pessoas estavam tão animadas quando ele foi confirmado para o seriado. Foi sempre esse o plano, que seria conhecê-lo gradualmente, e então nesta temporada ele tomou a frente?

Esse sempre foi o plano, que Tyreese teria um papel muito maior, mas tivemos muitos personagens na última temporada. Eu sei que é difícil, porque nem todo mundo faz isso para a próxima temporada, mas se todos fizessem não poderíamos acrescentar ao elenco.

Você terminou de filmar a 4° temporada agora?

Não, absolutamente, não.

A diretora de “Breaking Bad”, Michelle MacLaren, estará dirigindo um episódio dessa temporada. É o episódio final?

Sim, é. Somos grandes fãs.

George Romero disse recentemente a uma revista britânica que tinha sido convidado para dirigir alguns episódios, mas recusou a oferta. Qual foi a razão que ele deu?

Nós tínhamos conversado com ele desde muito cedo. Ele basicamente disse que criou o seu próprio universo zumbi. Ele disse que quis dizer sobre zumbis, e nós estávamos dizendo o que queríamos dizer. Entendemos perfeitamente.

Como você descreveria, em geral, o resto da 4° temporada?

Eu diria que está prestes a acontecer… Você certamente não vai vê-lo chegando. Asseguro isso (risos). E não é apenas uma coisa. É cumulativa.


Fonte: Yahoo TV
Tradução: @LuanaSieb / Staff Walking Dead Brasil

Continue lendo
Publicidade
Comentários

4ª Temporada

4ª Temporada de The Walking Dead chega ao Netflix Brasil

Rafael Façanha

Publicado há

em

Notícia maravilhosa para os fãs de The Walking Dead e assinantes do Netflix. Com o sucesso de audiência das três primeiras temporadas, que foram lançadas no ano passado no serviço de streaming, o Netflix Brasil acaba de adicionar a quarta temporada do drama zumbi em seu catálogo.

Sinopse oficial da 4ª temporada de The Walking Dead:

Na sequência dos acontecimentos devastadores do final da 3ª temporada, Rick e o grupo ainda tentam se recuperar da perda de sua casa, família e amigos. Com a destruição da prisão, o grupo de sobreviventes se divide e são enviados para caminhos diferentes, sem saber o destino de cada um. O que parecia ser uma vida difícil, cheia de cercas e muros, vai piorar ainda mais. O perigo aumenta a cada passo, surgem novos inimigos pelo caminho e escolhas de partir o coração. Eles terão sua fé exaustivamente testada – uma fé que quebrará alguns deles, mas resgatará outros.

Caso você tenha interesse, a Netflix Brasil possui planos a partir de R$ 17,90 ao mês e você pode fazer assinatura diretamente do site, começando com o primeiro mês grátis!

the-walking-dead-4-temporada-netflix-brasil-anuncio

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo, irá retornar com a sexta temporada em Outubro de 2015 na AMC e na FOX Brasil. O trailer da temporada, bem como a data oficial de lançamento, será divulgada durante a Comic Con de San Diego em Julho.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.

Continue lendo

4ª Temporada

Quarta temporada de The Walking Dead chega ao Brasil em DVD e Blu-ray

Rafael Façanha

Publicado há

em

A quarta temporada de The Walking Dead, uma das séries mais bem sucedidas da tv, chega dia 11 de fevereiro nas principais lojas. Baseado no HQ de Robert Kirkman, a temporada aborda Rick e seu grupo tentando sobreviver em um mundo onde os humanos muitas vezes são mais perigosos que os zumbis. A prisão onde se refugiam está cada vez mais instável e Rick tentará de todas as formas permanecer vivo e proteger aqueles que ama, mas a volta de um antigo e perigoso inimigo resultará em perdas inesperadas. Esta temporada bateu recorde de audiência e foi vista por mais de 16 milhões de telespectadores.

O boxe traz os 16 episódios da temporada e mais de 170 minutos de extras na edição tradicional e cerca de 230 minutos de extras na edição em blu-ray. O Grupo PlayArte é uma empresa brasileira independente que atua há mais de 30 anos no mercado de cinema e home vídeo.

Abaixo listamos todo o material extra que vocês encontrarão nos boxes, além de seus respectivos valores e capas.

Sinopse:

Na sequência dos acontecimentos devastadores do final da 3ª temporada, Rick e o grupo ainda tentam se recuperar da perda de sua casa, família e amigos. Com a destruição da prisão, o grupo de sobreviventes se divide e são enviados para caminhos diferentes, sem saber o destino de cada um. O que parecia ser uma vida difícil, cheia de cercas e muros, vai piorar ainda mais. O perigo aumenta a cada passo, surgem novos inimigos pelo caminho e escolhas de partir o coração. Eles terão sua fé exaustivamente testada – uma fé que quebrará alguns deles, mas resgatará outros.

Material extra:

Extras DVD:

Making Of
Por Dentro de Walking Dead
Desenhando inspiração
Efeitos Especiais

Extras BLU-RAY:

Por Dentro de Walking Dead
Making Of
Cenas Deletadas
Desenhando inspiração
Efeitos Especiais

Preços:

DVD: R$ 119,90
Blu-ray: R$ 139,90

GALERIA DE IMAGENS:

the-walking-dead-4-temporada-bluray

the-walking-dead-4-temporada-bluray-capa

the-walking-dead-4-temporada-dvd

the-walking-dead-4-temporada-dvd-capa

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo, irá retornar com a segunda parte da quinta temporada no dia 08 de Fevereiro de 2015 na AMC e no dia 09 de Fevereiro de 2015 na FOX Brasil. Confira todas as informações sobre o midseason premiere (S05E09) e fique por dentro das notícias.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.

Continue lendo

4ª Temporada

A quarta temporada de The Walking Dead em apenas 1 minuto

Lidiane Fidelis

Publicado há

em

Na última temporada em The Walking Dead, os personagens passaram por vários momentos, fossem eles de tranquilidade, mas, também, de apreensão e tristeza.

Os sobreviventes viveram muitas coisas ruins, tanto psicológicas quanto físicas, e nem todos os personagens conseguiram sobreviver à quarta temporada da série.

Porém, a estreia da quinta temporada do show zumbi se aproxima e nada melhor do que rever toda aquela longa lista de tristeza e dor resumida em um pequeno vídeo com duração de um pouco mais de minuto, e rapidamente relembrar e se atualizar para a chegada da nova temporada.

Neste vídeo do Entertainment Weekly está os principais momentos, desde o início da temporada até a season finale, que você precisará para ficar preparado para o próximo dia 12 de outubro, quando estreia a nova temporada da série.

The Walking Dead, a história de drama mais assistida da TV a cabo, irá retornar com a quinta temporada no dia 12 de Outubro de 2014 na AMC e no dia 14 de Outubro de 2014 FOX Brasil. Confira o trailer oficial da temporada e fique por dentro de todas as notícias.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.

Continue lendo

EM ALTA