Siga-nos nas redes sociais

Entrevista

Andrew Lincoln fala sobre The Walking Dead: “As Cenas de batalha são épicas”

Publicado há

em

Um dos momentos favoritos de Andrew Lincoln (Rick Grimes) em The Walking Dead ocorreu durante sua primeira temporada no programa.

Aí está o ator britânico, não muito longe dos locais onde os soldados Confederados entraram em confronto com as forças da União na Guerra Civil, filmando seu caminho através de uma paisagem urbana agora tomada por zumbis assassinos conhecidos como “walkers”.

“Foi uma das semanas mais incríveis da minha carreira, você sabe,” ele disse enquanto seus olhos se iluminavam.

“Fechamos quatro quarteirões do centro de Atlanta, e eu pude cavalgar num cavalo pela cidade,” ele disse durante uma entrevista recente, num hotel perto de onde as cenas foram filmadas no distrito histórico da cidade, Fairlie-Poplar. “Foi épico.”

Lincoln, com 40 anos, discutiu sobre o programa e seu personagem logo após participar de um painel na inauguração da Walker Stalker Convention que foi inspirada no programa da AMC.

“Há certos papéis que você pula pra cima e pra baixo quando consegue no programa,” ele disse, e interpretar o xerife de Georgia, Rick Grimes, foi certamente um desses momentos.

“Eu não acho que seria escolhido para interpretar Rick Grimes na Europa,” disse Lincoln, que já participou de comédias e papéis românticos em sua cidade nativa, Inglaterra, onde ele interpretou um pós-graduando em Direito na série “This Life” da BBC.

andy-walker-stalker-con

“Eu li o roteiro e nunca tinha lido nada similar a isso,” ele se lembrou durante o painel. “Posso usar botas, andar num cavalo e atirar em pessoas pela sobrevivência? Pode contar comigo!”

Também veio em uma hora onde várias emissoras estão investindo pesado em dramas.

“Isso faz parecer que uma era de ouro de narrativas está acontecendo na TV no momento,” disse Lincoln.

A economia da indústria de televisão permitiram várias emissoras a desenvolver dramas originais, disse Jeffrey P. Jones, um membro do corpo docente da Universidade da Georgia e diretor do Peabody Awards, que reconhece a excelência da mídia eletrônica.

“Eles estão produzindo um complexo de narrativas que possuem histórias maravilhosas que fazem com que as pessoas queiram assistir,” disse Jones. “Parece que é uma era de ouro porque existe não só quatro emissoras produzindo programas de qualidade, e sim muitas e muitas emissoras.”

Mês passado, “The Walking Dead” começou sua quarta temporada com a maior audiência de todas. Mais de 16 milhões de pessoas assistiram o episódio de estreia da temporada, que foi ao ar em 13 de outubro, reportou Nielsen.

O programa é filmado dentro e no entorno da cidade de Senoia, mais ou menos 35 milhas de Atlanta. A linha histórica do programa também se passa na Georgia, o que indica que Lincoln teve que aprender o sotaque sulista. Quando ele conseguiu o papel, ele viajou para Georgia antes de todos os membros do elenco para trabalhar com a treinadora de dialeto Jessica Drake.

“Ela é ótima, escreve a fonética da palavra, e parece um bando de rabisco,” disse ele, adicionando que também pedia ao povo de Georgia para dizer certas frases para que ele soubesse como elas soam.

Nessa temporada, Lincoln disse que seu personagem irá desenvolver um novo modo de matar zumbis que não envolve armas de fogo ou facas, mas ele não divulgou detalhes. Ele também disse que veio a admirar Chandler Riggs, o ator mirim que interpreta o filho do xerife, Carl, no programa.

“Agora é hora de aprender com ele,” disse Lincoln. “Ele é um ator sério, essa criança.”


Fonte: The Daily Journal
Tradução: @LaisYes / Staff Walking Dead Brasil

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA