Siga-nos nas redes sociais

Destaque

Saída de Andrew Lincoln de The Walking Dead pode ser uma grande jogada de marketing?

Publicado há

 

em

ATENÇÃO: Contém alguns possíveis SPOILERS da 9ª temporada de The Walking Dead. Leia por sua conta e risco. Você foi avisado!

Não é necessário ser um grande marqueteiro para entender que o sucesso de uma série tem grande porcentagem de sua audiência atrelada ao desenvolvimento de seu protagonista. Se o protagonista vai bem a série prospera, se o protagonista decai a audiência se injuria e passa a virar as costas para o produto. Ainda, é fácil entender que especular sobre a morte do protagonista lançando comunicados meramente informais para a imprensa, além de causar a revolta do público gera curiosidade de como o fim do personagem se desenvolverá e como serão os passos seguintes sem a presença do eixo central da história.

Dito isso, resta à pergunta: e se a saída de Andrew Lincoln de The Walking Dead fosse meramente uma jogada de marketing do AMC? Uma forma de despertar curiosidade nos fervorosos fãs da série e naqueles que estão alheios (qualquer pessoa que não tenha acompanhado a série sabe da grandiosidade de The Walking Dead e com toda a certeza teria pontas de interesse em ver o fim de seu protagonista e como seria trabalhada a temática após sua saída).

O redator desse texto há menos de um mês atrás divulgou um artigo sobre as consequências da saída de Andrew da série, lá apresentou os possíveis prejuízos trazidos pela ausência do protagonista. Esse novo artigo vem apenas como forma de levantar questionamentos e atiçar o senso crítico de nossos leitores.

A partir dos fatos relacionados acima, vamos a uma série de acontecimentos que podem levantar dúvidas sobre a real saída (ou da saída definitiva) de Andrew da série:

1. NEM ANDREW LINCOLN E NEM O AMC SE POSICIONARAM SOBRE O FATO OFICIALMENTE

Bem, nem atores e nem os canais possuem costume de se posicionar sobre a morte de um personagem em uma série. Entretanto, é muito comum que quando há vazamento de notícias sobre o fato – ainda mais por se tratar de protagonista – o canal e o ator tentem desmentir as especulações a cerca da morte, até que essa venha se confirmar na exibição do episódio.

O fato é que especificamente sobre Rick, nem Andrew e nem o AMC (por meio de qualquer um de seus veículos ou profissionais) vieram a público tentar amortizar as notícias sobre a saída do personagem central da série. Isso é totalmente estranho, já que a saída do protagonista precisa ser um evento totalmente secreto para se ter o impacto que se deseja e o total desleixo de ambas as partes em amenizar as especulações é evidente.

Tudo bem, desde a oitava temporada Andrew vem deixando indiretamente declarações de estar cansado e de achar que Rick perdeu motivação sem a existência de Carl. Mas se isso for analisado, pode se tratar apenas de comentários programados para dar força às especulações da morte de seu personagem. Fora que seus comentários não assumem expressamente que Rick vá de fato deixar The Walking Dead de alguma forma.

2. NORMAN REEDUS POSTOU FOTOS COM ANDREW LICOLN EM TOM DE DESPEDIDA, MAS SEM OFERECER QUALQUER CERTEZA

Talvez nem o The Spoiling Dead Fans seja tão grandioso no hábito de divulgar spoiler quanto o Instagram de Norman Reedus. O intérprete de Daryl sempre divulgou despedidas de atores em seu feed de fotos da rede social. Todos eles acompanhados de imensos textos de adeus e de agradecimento.

Ora, Andrew e Norman estão juntos desde 2010 e já revelaram que a vida imita a arte e como seus personagens, se consideram irmãos. Andrew já diversas vezes disse que a presença de Norman o faz amenizar um pouco a saudade da família que mora em Londres e que dormir na casa de Reedus se tornou algo constante em meio às gravações.

Norman, desde que começaram a surgir os boatos sobre a possível morte de Rick tem sido enigmático postando fotos abraçando Andrew, mas sem qualquer legenda escrita, usando apenas emojis.

Tudo bem, isso pode ser a restrição que o AMC colocou aos atores para manter a morte em segredo – por mais que toda a mídia internacional esteja comentando sobre o fato. Mas mesmo que seja, é estranho que ele tenha se dado ao trabalho de postar as fotos só para encher as legendas de emoji. Parece muito mais uma forma de “colocar lenha na fogueira” e dar força aos boatos.

Fora que ele tem relação direta com a notícia já que seu nome está sendo cotado como o de novo protagonista da franquia, derivando em um contrato de vinte milhões de dólares por temporada. Não houve qualquer tentativa de Norman de desmentir as notícias para amortizar os boatos, é como se ele quisesse cooperar para que a história continuasse a se desenrolar.

3. ANGELA KANG, A NOVA SHOWRUNNER, PODE REPETIR ANTIGOS FEITOS

Angela Kang foi anunciada recentemente como a nova showrunner de The Walking Dead, uma vez que Scott Gimple deixou o cargo para assumir uma posição mais elevada dentro da franquia.

Para quem não está relacionando o nome de Kang aos fatos, ela é a pessoa responsável pelo enredo do criticado episódio “Thank You” da sexta temporada em que Glenn aparentemente havia morrido, mas magicamente conseguiu se esconder embaixo de uma lixeira e ressurgir alguns episódios depois causando a revolta do público que já vinha superando o luto pelo personagem.

É óbvio que talvez ela queira se livrar da alcunha de matadora fictícia de personagens centrais, mas é aquele velho provérbio “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura.”. Se não deu certo em uma primeira vez, porque não poderia dar numa segunda tentativa?

No The Spoiling Dead Fans houve divulgações do que seria a filmagem da cena da morte de Rick no quinto episódio da nona temporada. Conforme as imagens e relatos das pessoas presentes, Rick é cercado por uma enorme horda de walkers. Após isso a filmagem foi finalizada, sem serem ouvidos gritos e nem mesmo ser visto Andrew caracterizado como alguém que havia sido mordido. O ator no dia posterior foi visto no aeroporto partindo em direção à Londres, sem ter havido qualquer filmagem interna de despedida dos personagens do protagonista da série.

Se essa é a morte planejada para o protagonista da série, receio que tenha sido a pior decisão tomada. Matar o protagonista de nove anos em meio a uma horda, sem haver qualquer dramatização da despedida dele dos personagens que foram liderados por suas decisões desde o inicio? Parece fraco e fútil.

A ida de Andrew para Londres, aonde reside sua família, pareceu muito mais uma saída de férias do que a de fato a de alguém que está indo embora para sempre. Tudo parece indicar muito mais que teremos uma nova lixeira e veremos Rick desaparecer por um bom tempo – talvez até anos – para ressurgir posteriormente.

Fora que conforme divulgado, o ator foi contratado para seis episódios na nona temporada. Se a “morte” se deu no quinto episódio, teríamos um erro de cálculo. Isso pode indicar que Rick irá sumir no quinto episódio e reaparecer no episódio final da temporada – os oito capítulos finais serão gravados a partir de agosto do corrente ano, o que daria alguns meses de férias para o ator descansar em Londres, já que o décimo sexto episódio seria trabalhado em meados de novembro.

4. A SÉRIE PRECISAVA RESPIRAR POR UM TEMPO PARA DESENVOLVER NOVOS ENREDOS

São quase nove anos centrada em um mesmo enredo. Diferentemente da HQ com lançamentos mensais e que por vezes passava meses sem fazer menção a Rick – diversas edições consecutivas se centraram em Negan ou na liderança de Maggie em Hilltop resultando em mais de um ano sem a presença do protagonista nos quadrinhos -, a série não pode passar muitos episódios consecutivos sem demonstrar a presença de seu protagonista tendo ele ainda presente na trama.

Ocorre que girar em torno de um mesmo personagem por muito tempo acaba trazendo um desgaste gigantesco à trama. Talvez a audiência estivesse cansada de ver sempre a mesma história se repetindo e a melhor forma de alterar isso seria dar oportunidade de um novo enfoque no enredo. Como citado acima, é totalmente possível que Andrew esteja apenas aguardando um retorno em alguma temporada mais pra frente ou dar um tempo no nono ano para que outros personagens apresentem rendimento.

5. ANDREW PRECISA DESCANSAR A IMAGEM

Um ponto quase intrínseco ao supracitado é de que um ator possui prazo de validade para o público e até mesmo os protagonistas o possuem. Séries como “Supernatural” ou “Game of Thrones” (que levantam uma base de fãs semelhante à The Walking Dead) constantemente revezam seus protagonistas (morrem, ressuscitam, desaparecem e reaparecem) para que esse prazo seja estendido e a audiência consiga carregar os atores por mais tempo do que o possível.

Em The Walking Dead temos um ator dando rosto à série a mais de oito anos consecutivos, sem interrupção e com participação ativa em todas as temporadas. A audiência pode não se aperceber, mas o desgaste do interprete acaba sendo refletido em todos os demais personagens e prejudicando o rumo total do enredo. Um descanso à imagem do ator é necessário vez ou outra e talvez tenha chegado o momento de Andrew se afastar por um tempo para conseguir ter o “gás” preciso para carregar mais algumas temporadas da série.

A desculpa de que está longe da família é meio fraca. The Walking Dead de fato é o primeiro grande trabalho de Lincoln na arte de atuar, antes ele havia feito poucos papeis de porte médio. O lucro que a série dá para ele é grandioso o suficiente. É completamente estranho que um ator que lutou tanto para receber o destaque que conseguiu largue o cenário de arte dos Estados Unidos (que é sonho de qualquer ator) para retornar ao Reino Unido sem nenhuma proposta de trabalho em vista apenas por saudade da família. Não seria mais fácil e coerente a mudança e fixação em solo americano?

E você? Acredita mesmo que Andrew tenha deixado a série que lhe deu nome mundialmente ou acha que é apenas uma forma de atrair a audiência? Deixe seu comentário abaixo para que possamos saber sua opinião e suas expectativas sobre o que foi discutido nesse artigo.

Onde assistir a 9ª temporada? Hoje em dia é muito fácil encontrar o conteúdo que nos interessa na Internet. Muitos sites web nos oferecem assistir séries online ou baixá-las para o seu PC. Geralmente, os arquivos baixados são salvos no seu computador no formato MKV ou VOB. Se você quiser assistir a série em um dispositivo portátil, então você precisa converter os arquivos para o formato MP4 ou AVI para visualização na TV (para mais detalhes, leia aqui). Para isso você pode instalar qualquer conversor de vídeo, por exemplo Freemake Video Converter – software confiável e gratuito para Windows.

The Walking Dead retorna em Outubro. O trailer da 9ª temporada deve ser lançado durante o painel da série na San Diego Comic-Con, no dia 20 de julho.

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.

Publicidade
Comentários

EM ALTA