Siga-nos nas redes sociais

Entrevista

Norman Reedus fala sobre relacionamentos, The Walking Dead e revela: “Não gosto de confrontos”

Publicado há

em

Em The Walking Dead, Norman Reedus interpreta Daryl Dixon, um caipira durão com um coração de ouro – e que tem a tendência de utilizar uma besta para atirar na cara de zumbis. Na vida real, ele é um pai de 45 anos de idade que pede batatas fritas via Seamless, comendo-as em seu apartamento de Chinatown, enquanto descansa vestindo um onesie que ele diz que se assemelha a um traje de gato.

“As pessoas pensam que sou um cara que está sempre com raiva, mal-humorado, pronto para começar uma briga, mas eu sou tipo um gatinho”, diz ao The Post. “Eu sou uma espécie de covarde. Eu realmente não gosto de confrontos, não importa de que tipo seja. Eu nem gosto de assistir outras pessoas brigando.”

Nascido em Hollywood, Flórida, Reedus fez sua estréia no cinema no filme de Guillermo del Toro “Mimic”, em 1997, antes de seu lançamento arrebatador em 2000 com “Santos Justiceiros”. Trabalhou constantemente desde então, incluindo participações em “Charmed” e “Law & Order: Unidade de Vítimas Especiais”. Mas, o sucesso de “The Walking Dead” em 2010 levou seu estrelato para um novo nível. Os fãs da série são ferozes, para dizer o mínimo – e, como se sabe, opinativos.

“Recebo cartas de fãs, e eles dizem coisas do tipo ‘Você deveria cortar o cabelo. Você realmente deveria lavar o cabelo'”, diz ele. “Eu penso algo como “Você sabe que é um apocalipse zumbi, né? Não é uma série sobre advogados.”

Os fãs também insistem que seu personagem se relacione amorosamente, especialmente com Carol (Melissa McBride), um personagem cujo marido abusava dela, até que um zumbi o comeu. Mas, Reedus não tem tanta certeza de que isso seja uma boa idéia.

“Os dois são pessoas problemáticas”, explica ele. “Mas eu não sei, [Daryl] não ficou com ninguém até agora. É o fim do mundo, e eu acho que você acha o amor onde pode encontrá-lo.”

dc9bf4df-d350-0ba3-42bb-6c9ab3ea0d6f_TWDS4_Gallery_Daryl-Mi.jpg

Isso não é tão diferente da própria realidade de Reedus. “Estou bastante só em todas as áreas da minha vida neste momento”, diz ele. “Eu sou uma espécie de senhora estranha que tem gatos.”

Não foi sempre assim. De 1998 a 2003, ele namorou a modelo Helena Christensen, a quem ele conheceu através de uma amiga em comum, a fotógrafa Yelena Yemchuk. “Eu acho que Helena viu uma foto minha e disse: ‘Quem é?’ E Yelena disse, ‘Ah, esse é o f*da do Norman’, e levou Helena para me conhecer na festa de aniversário de um amigo”, diz ele.

Ele e Christensen não estão mais juntos, mas eles educam seu filho de 14 anos de idade, Mingus. “Quando Mingus era menor, foi um pouco mais difícil, morando em dois lugares”, diz Reedus. Agora, “ele tem o melhor dos dois mundos. A única parte difícil é: ‘Onde estão as calças de moletom dele? Estão na sua casa ou na minha?”

E Reedus ainda chama Christensen de amiga. “Ela é uma garota muito legal”, diz ele. “Ela é muito inteligente e rimos das mesmas besteiras.”

Em dezembro, ele foi visto de mãos dadas com a modelo de 20 anos de idade, Cecilia Singley. Mas, parece que as coisas esfriaram desde então.

dc9bf4df-d350-0ba3-42bb-6c9ab3ea0d6f_TWDS4_Gallery_Daryl-Mi.jpg

Hoje em dia, quando ele não está passando o tempo abatendo mortos-vivos ou tirando fotos (ele publicou um livro de seu trabalho no ano passado), ele está descansando com seu gato preto, Eye in the Dark. O felino foi nomeado por Mingus em um momento em que Reedus não tinha dinheiro para manter suas luzes acesas.

“Mingus tinha apenas 5 anos, e ele veio até mim e disse: ‘Eu preciso de um gato preto.” Então, eu fui em vários lugares tentando encontrar um gato preto, e, finalmente, um abrigo no East Village disse que tinha um, mas que eu provavelmente não iria querer”, Reedus lembra. “Eu fui até lá e o gato ficava apenas… sibilando. Ele tinha esse miado meio gritado, estranho e feroz.”

Reedus gosta de fazer seu filho feliz. Ele disse que Mingus ficou com a primeira cópia do primeiro vídeo game de “The Walking Dead”. “Esqueci que eu xingava no jogo”, diz ele. “Eu estava sentado atrás [de Mingus] enquanto ele jogava, e de repente ele me ouviu dizer um palavrão, e se virou com a boca aberta, tipo: ‘Ahh!'”

O ator leva o seu lado divertido e peculiar para o set de filmagens também. Ele encontra momentos de leveza com o protagonista da série Andrew Lincoln, que interpreta Rick Grimes. “De vez em quando, há uma cena muito intensa, e é só eu e Andy, e se estamos meio que perto um do outro, eu sussurro: ‘Te amo’, e ele sussurra, ‘Vai de f*der'”, diz ele.

Reedus também tenta tirar o máximo proveito de ter que suportar 45 minutos de aplicação da maquiagem todos os dias. “Eu sempre digo ao maquiador que quero que as pessoas achem que é possível sentir meu cheiro pela televisão”, diz ele. “E, às vezes, roubo uns saquinhos de terra para que eu possa aplicar mais quando ninguém está olhando.”

Na verdade, ele é famoso por sua mão leve. “Eu roubo uma besta [do set] todos os anos”, diz ele, rindo. “O que provavelmente é um crime, então eu não sei se deveria estar dizendo isso.”

Fiquem ligados aqui no Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @TWDBrasil no twitter e Walking Dead Br no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de The Walking Dead.


Fonte: NY Post
Tradução: Mydiã Freitas / Staff Walking Dead Brasil

Publicidade
Comentários

EM ALTA