Siga-nos nas redes sociais

Curiosidades

Filmes Brasileiros de Zumbis para vc ver antes de morrer…e voltar

Publicado há

em

O blog Newserrado disponibilizou alguns filmes brasileiros de zumbi que alguns eu nunca ouvi falar para download, com sinopse, trailer e tudo mais. Não ta fazendo nada nesse feriadão? Confiram 😉

1 – Zombio (1999)

Direção:Petter Baiestorf
Roteiro: Petter Baiestorf
Produção: Coffin Souza, Jorge Timm, Petter Baiestorf, Cláudio Baiestorf
Edição: Leonardo Imazaki
Música: Petter Baiestorf
Elenco: Coffin Souza, Denise V., Rose de Andrade, Cláudia de Sordi, Jorge Timm
Distribuição: Canibal-Mabuse Produções

Um casal  de ecologistas  chega a uma ilha “deserta”  e logo descobre que o lugar não é tão deserto quanto imaginavam. Nojentos zumbis os esperam, e esse casal terá que lutar por sua sobrevivência nesse local.

Quem conhece o nome Petter Baiestorf o respeita(…ou não). Ele é simplesmente  o diretor underground brasileiro mais doido e antigo do ramo, ele faz o impensável e com pouquíssimo  dinheiro. Sua criatividade é impar e ele não tem medo ou pudor de fazer o que bem vier a sua cabeça. O cara criou pérolas que nunca serão equiparadas por qualquer produção nacional “séria”. Alguns filmes de seus currículo são: “O Monstro Legume do Espaço”, “Vou Mijar na Porra do Seu Túmulo!”, “Vadias do Sexo Sangrento” e o mais recente “Ninguém deve morrer”.

Esse Zombio é um média metragem e  não é  seu melhor filme, porém vamos admitir: é de grande importância para o cinema B brasileiro, pois  é  o mais antigo filme de zumbis nacional existente. Então o assista como o ponta-pé inicial dessa lista. Um filme  com varias limitações financeiras e  filmado em VHS, então perdoe as falhas e aproveite as “Baiestorfisses”.

Essa obra foi lançada recentemente em DVD duplo , quem desejar comprar pode dar um toque pro Petter Baiestorf, ele tem Orkut.

Assista o trailer no you-tube ou faça o download do filme.

2 – Era dos Mortos (2007)

Direção: Rodrigo Brandão
Roteiro: Gabriel Almeida , Weiller Rodrigues , Rodrigo Brandão
Edição: Rodrigo Brandão
Efeitos e Maquiagens: Filipe Vidal
Elenco: Weiller Rodrigues , Gabriel Almeida , Isadora Faria , Saulo Castro , Gustavo Sá Fortes , Luana Queiroz , Rodrigo Brandão

Um jovem fica preso em um elevador e quando consegue sair descobre que sua cidade está  deserta. Porém, ao andar um pouco pelo ambiente, percebe que ele não está tão sozinho assim… Juntamente com outro sobrevivente encontrado, os dois lutarão pela sua sobrevivência.

Desde 1999 nada se soube sobre zumbis brasileiros e eis que surge esse. É outro média  metragem, com 40 minutos apenas, mas que revive o sub-gênero. Com uma ambientação escura e  poucos diálogos temos bastante tensão nesse filme.

Assim  como qualquer filme independente, sofre bastante pela falta de dinheiro, porém os criadores aproveitaram ao máximo o  seu orçamento e tentaram driblar as mais diversas limitações, como exposto no making-off do filme. Uma legítima obra  feita de suor e amor ao gênero de terror .

Algo também bastante interessante é um dos extra do DVD, que traz curtas sequências de  uma história em quadrinhos que complementa algumas pontas que o filme deixou soltas. O site oficial oferece essa diversão extra de graça para se fazer download. Quem quiser comprar o DVD, da última vez que vi estava por 15 reais (com frete). Mas o download legal do filme e da sua trilha sonora podem ser feitos pelo site oficial. O trailer está disponível no you-tube, através deste link.

3 – A Capital dos Mortos (2008)

Direção: Tiago Belotti
produção: Rodrigo Luiz Martins
produção: Fernanda Duarte, Éverton Rosa
roteiro: Mikael Bissoni
Elenco: Yan Klier, Pablo Peixoto, Gustavo Serrate, Laura Moreira, Jean Carlo, Luísa Viotti, Angélica Ribeiro Gino Evangelisti, Alice Stamato, Yana Borém, George Duarte,  Diana Carneiro, Juliana Gregoratto, Lucas Pimenta, Irani Martins, Luis Machado

A Capital dos Mortos começa no início da “terceira geração” (veja o filme para entender) e segue a história de um grupo que percebe que a cidade – Brasília – está sendo tomada por zumbis e tenta desesperadamente estruturar um plano para sobreviver.

Essa obra, de todas dessa lista,  é que possui a  melhor sacada: ter escolhido como dupla de personagens principais  fãs de filmes de terror e de  zumbis, o que em certos momentos cria diálogos bem interessantes e oferece um pouco de humor.

É  tecnicamente muito bem  realizado e dá  pra notar uma evolução grande nessa “linha do tempo zumbi” que começou em 1999 com Baiestorf com filmagem VHS, passando pela “Era dos Mortos” que tinha potencial, mas uma miséria de dinheiro, até  chegar nesse aqui, mais “rico” em diversos aspectos. Tem até participação especial do mestre Zé do Caixão!

O diretor revelou em entrevista que gostaria de fazer uma trilogia. Hora de torcer para isso realmente sair do papel.

O DVD duplo está em promoção. O trailer disponível no you-tube e download pelo megaupload. O filme também tem um site oficial, mas atenção que ele tem música (embora você possa desligá-la no final da página).

4 – Mangue Negro (2010)

Produtora: Fábulas Negras
Direção: Rodrigo Aragão
Elenco: Valderrama dos Santos, Kika de Oliveira, André Lobo, Reginaldo Secundo, Markus Conká, Maurício Ribeiro, Ricardo Araújo, Antônio Lâmego, Júlio Tigre
Produtor Executivo: Hermano Pidner
Assistente de direção: Mayra Alarcón
Produção de campo: Edilamar Fogo de Deus

Certo dia, em uma comunidade de pescadores e catadores de caranguejos, a natureza se rebela e começa a se espalhar uma praga mortal. Do manguezal emergem zumbis. E essa pobre gente terá que lutar para sobreviver.

Essa filme é incrível: de todos os citados é o que tem a produção mais impecável para um filme  B. Com maquiagens e efeitos igualmente incríveis, não é a toa que estão chamando de “Evil Dead” brasileiro.

Sam Raimi e Peter Jackson em inicio de carreira são as  fortes influências aqui. Seu roteiro, mesmo não sendo tão divertido ou não tendo as  sacadas do “Capital dos Mortos”, consegue manter a história séria e dentro dos eixos. Vale ressaltar também que esse filme está ganhando uma série de prêmios internacionais, mostrando que não é qualquer porcaria de fundo de quintal.

Foi lançado a pouco tempo em uma edição super especial dupla em DVD. Possui site oficial (para desligar a trilha sonora vá para o topo da página, abaixo do menu), blog, orkut e twitter. Você pode assistir o trailer no you-tube. Pelo megaupload encontra-se o filme para baixar.

Publicidade
Comentários

EM ALTA