Siga-nos nas redes sociais

4ª Temporada

Direto do set da Quarta Temporada – Michael P. Clark, CAS (produtor de mixagem de som)

Publicado há

em

O produtor de mixagem de som de The Walking Dead, Michael P. Clark, falou sobre o que você pode ouvir durante o apocalipse zumbi e compartilha conosco um desafio inesperado para o set nesta temporada.

Q: Com que o apocalipse se parece?

Clark: Com a morte! (Risos) Não existem aviões, trens, sem tráfego. É um som interessante. E é isso o que eu tenho que criar, eliminando os sons do dia. Temos também uma pós-produção pra se livrar de todos os ruídos que não conseguimos eliminar durante o processo de filmagem da série. É legal quando você ouve algumas aves, grilos ou sapos no fundo. Quando eles se destacam durante os diálogos, é muito agradável. Aparentemente, o apocalipse zumbi não afeta aos animais, apesar de que eu sempre achei que seria demais se houvessem pássaros que mergulhassem pra atacar as pessoas por já terem se transformado em zumbis.

Q: Existem obstáculos auditivos que você simplesmente não consegue contornar?

Clark: Na verdade, não. A equipe de pós-produção faz um trabalho incrível. Um dos maiores problemas que nós temos é que os geradores têm de se mover rápido pra sair da área. E trabalhar com níveis de som é sempre um desafio. Eu me lembro do meu primeiro dia nessa série, que foi o que o Rick via o fantasma da Lori pela primeira vez. E foi a partir de um pequeno sussurro para completarmos um gritante caos. Nós o “equipamos” com dois microfones diferentes: um para os seus sussurros e um para os seus gritos. Assim, quando lidamos com essa dinâmica, não podemos ajustar em tempo real.

Q: Quais foram alguns dos desafios dessa temporada?

Clark: Esta temporada parece ser muito louca em relação a aviões em comparação ao ano passado. Os dois primeiros episódios, nós concluímos este ano, e todas as vezes que estivemos fora (do set) era avião atrás de avião. Nós estamos a uma distância considerável do aeroporto, onde geralmente a rota de voo não alcança – o que eu acredito ser um dos motivos pro lugar ter sido escolhido – mas ultimamente eles tem desviado bastante o tráfego. Se o avião passa em cima, então nós precisamos só conseguir uma posição diferente para obter um som limpo.

Q: As roupas dos personagens influenciam para se captar um bom som?

Clark: Não é necessariamente a roupa que torna difícil. É o armamento. Michonne sempre usa sua katana no peito e Daryl sempre usa sua besta pendurada por todo o centro de seu peito também. O centro do peito é o lugar ideal para colocar o microfone, por isso temos de aproximar o microfone em pontos diferentes, às vezes. Nós geralmente os escondemos por trás da roupa. Se for um simples botão de camisa, ele está escondido, por exemplo. Mas quando eles estão expostos, você tende a capturar o ruído do vento.

Q: Os atores falam claramente. Mas como você captura os sons dos zumbis no set?

Clark: A maioria deste trabalho é feito pela pós-produção, mas quando os walkers estão na tela em meio a filmagens compactadas, eles preferem fazer os ruídos reais. Então, temos a tendência de colocar esses sons para os zumbis, e depois na pós-produção, adicionar os efeitos mais encorpados.

A quarta temporada de The Walking Dead estreia em Outubro na AMC e o trailer oficial será divulgado durante a Comic Con de San Diego, na próxima sexta-feira (19/07).


Fonte: AMC
Tradução: @alexiacmendes / Staff Walking Dead Brasil

Continue lendo
Publicidade
Comentários

EM ALTA