Siga-nos nas redes sociais

Curiosidades

Michael Rooker (Merle) no Mapa de Call of Duty

Rafael Façanha

Publicado há

em

A série Call of Duty é uma das mais conceituadas e prestigiadas dos últimos tempos, e com vários títulos lançados, a série começou a atingir o seu ponto máximo com o lançamento de Call of Duty 4: Modern Warfare em 2007, o que levou o termo de competição online para outro patamar ainda maior.

Seguiram-se outros títulos que se mantiveram como dos mais jogados no que toca ao online como Call of Duty: World at War e o muito aclamado Call of Duty: Modern Warfare 2, sendo que em 2010, a Activision lançou o mais recente título da série, Call of Duty: Black Ops. Call of Duty: Black Ops foi bem recebido pela crítica, sendo que um dos pontos que foi mais criticado e que se encontra praticamente corrigido, era o multiplayer online. Com toda esta fórmula já oleada, Call of Duty: Black Ops é o jogo mais jogado na plataforma da Xbox 360 e um dos mais jogados na PS3. Com um DLC de nome “First Strike” lançado para o jogo, a Activision lançou um novo DLC de nome “Escalation”, que para além de trazer novos quatro novos mapas, traz um novo mapa para o modo Zombies de nome Call of the Dead.

Os novos mapas multiplayer que este Pack inclui são :” Zoo”, “Hotel”, “Convoy” e “Stockpile”. “Zoo” é um mapa que incita ao combate mais próximo e directo, sendo que o uso de armas de pouco alcance como as caçadeiras, dão uma eficiência maior. Situado num jardim zoológico abandonado, este mapa é bastante grande. Os snipers vão ter alguns sítios bons para se posicionarem, e o monocarril que se encontra à volta do cenário, irá criar momentos fundamentais para ambas as equipas, tanto em vantagem como em desvantagem. “Hotel” é um cenário situado num hotel de luxo, onde vamos ter também zonas de relaxamento como piscina, sauna e zonas de banho no centro. O mapa encontra-se bem balançado, mostrando uma estética um pouco mais clássica, com duas zonas altas em cada extremidade do mapa, e uma zona central bastante personalizada. O mapa poderá agradar tanto aos jogadores de combate mais próximo como os de meia distância, mas que infelizmente oferece poucos pontos para snipers.

“Convoy” é um mapa decente, mas que consegue destacar-se como o pior dos 4 mapas incluídos neste DLC. “Convoy” não é um mapa horrível, mas é um mapa que custa olhar, com uma apresentação algo cinzenta, e o cenário coberto de neve. Este cenário localiza-se numa rua enorme, com vários edifícios interligados no centro. O cenário em si, é bastante grande, o que irá agradar e muito aos snipers, e os jogadores que consigam tomar controlo dos edifícios centrais, conseguirão ter uma vantagem enorme no que toca ao sucesso da sua equipa. O último mapa “Stockpile” é o melhor mapa deste pack, e que se encontra bem equilibrado, e que irá agradar a todo o tipo de jogadores. Situado numa zona residencial com uma ponte destruída no meio do cenário, os jogadores conseguirão movimentar-se muito bem nele simplesmente por ser um mapa com traços semelhantes aos anteriormente lançados. A ponto destruída no meio irá proporcionar bons momentos de tiroteio em massa, enquanto que as zonas laterais podem oferecer grandes oportunidades para atacar furtivamente o inimigo. O mapa é bem colorido, e foge aos temas mais escuros que os outros apresentam.

Por fim, o mapa “Call of the Dead” para o modo Zombies irá dar-vos uma vertente mais divertida e intensa da que se encontra nos outros mapas incluídos deste modo. Este modo inclui um elenco de luxo no que toca ao mundo cinematográfico de horror ou zombies, com George A. Romero (criador de filmes de horror e zombies como “Night of the Living Dead”, “Dawn of the Dead” ou “Day of the Dead”), Robert Englund (Freddy Krueger), Sarah Michelle Gellar (Buffy, a caçadora de vampiros), Danny Trejo (Machete) e Michael Rooker (Merle Dixon de The Walking Dead). Neste modo vamos ficar com uma destas últimas quatro personagens para um simples jogo de Zombies, sendo que este mapa possui a pequena particularidade de ter nem mais nem menos que George Romero também em forma zombie, constantemente atrás de nós e com um holofote para electrificar todos os jogadores que apanhar à frente.

Graças a este último aspecto do mapa “Call of the Dead”, este modo Zombies ganha uma intensidade bem maior.

Call of Duty: Black Ops – Escalation Map Pack é com certeza um pack muito bem produzido no qual a Activision conseguiu oferecer não só 4 mapas para o modo multiplayer, mas também um mapa personalizado de zombies que para além de dar uma dificuldade maior, oferece um bons momentos de diversão.


Fonte: My Games

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Curiosidades

Anunciado canal oficial do Universo The Walking Dead na Twitch

A AMC Networks anunciou nesta quinta-feira (17) o lançamento de um novo canal de streaming na Twitch, dedicado ao Universo de The Walking Dead.

Dhebora Fonseca

Publicado há

em

personagens de the walking dead, fear the walking dead e world beyond reunidos em imagem promocional do lançamento do canal oficial na Twitch

A AMC Networks anunciou nesta quinta-feira (17) o lançamento de um novo canal de streaming na Twitch, dedicado ao Universo de The Walking Dead. O que isso significa para os fãs? Conteúdos exclusivos e originais, interação com a programação temática da franquia e muito mais de The Walking Dead para desfrutar.

Esta parceria nova e ousada entre AMC e Twitch é a primeira desse tipo. De acordo com o comunicado de imprensa emitido pela AMC, o canal TWDUniverse entregará “uma experiência única e interativa para os fãs celebrarem e se envolverem com o Universo The Walking Dead, transmitindo ao vivo a programação criada exclusivamente para o canal na Twitch. Programas ao vivo originais permitem que os fãs se tornem parte da experiência de conteúdo, e junto com a interatividade única da Twitch, o serviço se torna ideal para criar conversas e um lar para a comunidade de The Walking Dead.”

A diversão em streaming começará no domingo (20), e o lançamento inicial inclui cerca de doze horas de conteúdo original toda semana, incluindo a festa de lançamento e o The Walking Dead Catch-Up; um mergulho profundo semanal em episódios no Re-Watching Dead às quintas-feiras – iniciando no dia 24 de setembro -, e uma comemoração de The Walking Dead: World Beyond em 27 de setembro, para dar início à jornada do spinoff.

Os anfitriões e fãs de The Walking Dead Clarke Wolfe, Ronetta Renay e Dylan Gabriel Guerra conduzirão os fãs durante o entretenimento, que promete ser inovador.

Em 4 de outubro – data de lançamento do “último” episódio da 10ª temporada e o primeiro de The Walking Dead: World Beyond -, o TWDUniverse ganhará mais vida com o programa TWD Sundays. Os fãs poderão assistir ao pré-show intitulado Recapping Dead, que vai ao ar às 19h30 (horário dos EUA), seguido pela Live Watch Party dos novos episódios às 21h (horário dos EUA), finalizando com um After Show ao vivo após o Talking Dead, por volta das 23h (horário dos EUA). Os fãs poderão assistir e interagir com a comunidade de fãs ao vivo na Twitch, com informações e conteúdo exclusivos dos bastidores.

A AMC está criando uma comunidade de fãs vibrante e interativa, mais uma vez mostrando sua dedicação à franquia The Walking Dead conforme ela continua a crescer e se expandir. David Beck, vice-presidente executivo da AMC e chefe de estratégia de programação, vê o TWDUniverse como uma chance de conectar o fandom e o universo sempre crescente.

LEIA TAMBÉM:
Confira 31 fotos do “último” episódio da 10ª temporada de The Walking Dead

“À medida que a narrativa e os personagens que abrangem The Walking Dead Universe continuam a crescer, o mesmo acontece com as formas inovadoras de alcançar e interagir com os fãs – antigos e novos – nas mídias sociais e em novas plataformas populares como a Twitch”, comenta Beck. “As noites de domingo na Twitch priorizam o público e os fãs, e estamos entusiasmados com esta oportunidade de construir algo novo para fãs apaixonados do Universo The Walking Dead, dando a eles uma nova comunidade para celebrar o universo, canalizar seu entusiasmo e expressar seu amor.”

Uma parceria foi feita entre AMC e o canal da Twitch Hyper RPG para ajudar com as transmissões ao vivo e detalhes técnicos do TWDUniverse. Michael Aragon, vice-presidente sênior de conteúdo da Twitch, observa que essa parceria ajudará a fornecer conteúdo aos fãs da forma como o público deseja vivenciá-lo, com maior interação além de assistir ao programa.

“No Twitch, somos capazes de criar experiências profundamente imersivas que estendem o mundo de The Walking Dead e aprimoram a forma como os fãs interagem com o programa e entre si”, conta Aragon.

Continue lendo

Curiosidades

Ator queria que seu personagem se redimisse em The Walking Dead

Ator afirma que o apocalipse zumbi só aflorou o vilão interior do personagem, mas que questionou o showrunner na época sobre uma redenção.

Robson Lima

Publicado há

em

jared morrendo sendo devorado pelos zumbis enquanto morgan observa

Joshua Mikel, ator que interpretou o Salvador sociopata Jared durante a sétima e oitava temporada de The Walking Dead, disse que Scott M. Gimple definiu o seu personagem como um “babaca completo” quando questionado se o mesmo teria algum sentimento de redenção.

O odiado Salvador não mostrou nenhum remorso quando matou a sangue frio Benjamin, irmão de Henry, e usou a situação para antagonizar Morgan. Que como sabemos, conseguiu a sua vingança em um ataque contra um grupo de Salvadores juntamente a Rick.

Durante um evento online com outros atores da série, Joshua contou que enviou um e-mail para Gimple falando sobre a possibilidade do Jared sair do grupo dos Salvadores e se juntar a Maggie em Hilltop.

“Eu escrevi um e-mail dizendo algo assim: ‘Hey man, existe alguma chance de redenção para o Jared? Pode haver algo que eu deveria saber? Em algum ponto ele vai se juntar a Hilltop e achar o seu caminho, eu devo esperar algo desse tipo?’” contou Mikel.

“E então ele me respondeu tipo: Não cara, ele é tipo um ‘babaca completo’.”

O apocalipse zumbi trouxe tendências sociopatas para o Jared “que já tinha uma predisposição” antes de se juntar ao Negan e seus Salvadores.

Mikel ainda acrescenta que a motivação do seu personagem “era sobreviver a qualquer custo, mesmo que isso custe todos a volta”.

Muitos dos Salvadores derrotados se juntaram a aliança das comunidades, como Alden (Callan McAuliffe) e Laura (Lindsley Register). No final da atual temporada que será exibido no dia 04 de Outubro, Alden e Aaron (Ross Marquand) irão se deparar com um novo personagem mascarado na batalha final contra os sussurradores.

Não está sabendo ainda? The Walking Dead encontrará o seu fim na próxima temporada. Fique ligado no nosso site para mais novidades.

Continue lendo

Curiosidades

Elenco e produção de The Walking Dead receberam carta anunciando o fim da série

Para formalizar o informe aos envolvidos em The Walking Dead, Kang e Gimple escreveram uma carta de agradecimento expressando seu entusiasmo.

Dhebora Fonseca

Publicado há

em

muitos atores de the walking dead reunidos durante os bastidores das gravações da série

The Walking Dead chegará ao fim em sua 11ª temporada. A notícia do encerramento da aclamada série de zumbis chegou na manhã da última quarta-feira (09), informando aos fãs que a temporada final terá 24 episódios, mas a estória vai ser continuada a partir de spinoffs.

Ao longo da semana e durante o processo de tornar a novidade pública, a equipe responsável por The Walking Dead foi encarregada de informar o elenco e produção de que a série vai acabar. Alguns membros da produção souberam da notícia há semanas, quando informações sobre novos spinoffs começaram a ser discutidas nos bastidores, outros souberam somente na noite de terça-feira (08).

Para formalizar o informe aos envolvidos na série, a showrunner Angela Kang e o diretor de conteúdo Scott Gimple escreveram uma carta de agradecimento expressando seu entusiasmo ao que a saga entra em seu capítulo final. A carta dizia também que Daryl e Carol terão seu próprio spinoff, e que uma série adicional de antologia intitulada Tales of The Walking Dead está em desenvolvimento e será lançada nos próximos anos.

O portal de notícias ComicBook publicou a carta escrita e enviada por Kang e Gimple para um total de mais de trezentas pessoas entre elenco e produção. Confira abaixo o conteúdo da mensagem na íntegra:

“Família The Walking Dead,

Como vocês já devem saber pela imprensa, chegamos a um grande momento.

Depois de nossa próxima e estendida temporada, que vai durar dois anos, The Walking Dead chegará ao fim.

Para todos nós – especialmente aqueles que fazem parte da série há quase uma década – este é um anúncio sísmico. Só para esclarecer:

• A 11ª temporada terá 24 episódios e será a última. Os episódios provavelmente serão gravados até o início de 2022. (Dizemos “provavelmente” sendo otimistas, mas reconhecendo que as incertezas de que uma produção durante a pandemia afeta a programação.)
• O spinoff de Carol e Daryl foi aprovado pela AMC para 2023.
• Tales of The Walking Dead, uma série de antologia, está em desenvolvimento, bem como outras possíveis series/expressões de TWD.

Não conseguimos acreditar que o fim está entre nós, independente do quão distante ele está. A produção, o elenco e os roteiristas/produtores são a série. Vocês são o futuro imediato dos próximos 30 estrondosos episódios da série, que vão concluir nossa estória épica, e vocês estarão entre aqueles que selam seu legado na história do entretenimento.

Nós alcançamos milhões ao redor do mundo, e continuaremos a alcançar mais milhões. Há muito trabalho à frente de nós, muitas oportunidades de estarmos unidos, de despertar o melhor uns nos outros, de levar nossa série à novos patamares de excelência.

Temos sorte por ter uma audiência fiel a nós durante dez anos de intensas mudanças no mundo. Esperamos ter sido um ponto de estabilidade na vida das pessoas – algo com que pudessem contar toda semana (ou como parte de uma diversão no fim do verão) e que os fizesse sentir – felizes, de coração partido, intrigados, assustados, empolgados, inspirados. Talvez um pouco enojados. Talvez considerando coisas sobre suas próprias vidas. Talvez considerando quem eles são. As pessoas vão precisar desses sentimentos e dessa estabilidade outra vez. E nós podemos dar isso a eles com essa épica temporada final, o último capítulo de uma saga de longa data, que conta a história de pessoas descobrindo como viver em um mundo destruído.

Há trabalho duro, bons tempos e momentos incríveis à frente. A única forma de escalar essa montanha de episódios é como sempre fizemos: juntos. Vamos começar a longa jornada para o fim, lado a lado, em solidariedade, para fazer coisas incríveis com todas as pessoas que nos trouxeram aqui, para todas as pessoas que nos trouxeram aqui.

Como sempre, nós somos The Walking Dead.

– Scott M. Gimple & Angela Kang”

“A Certain Doom”, programado inicialmente para ser o último episódio da 10ª temporada, será exibido no dia 04 de Outubro, seguido pela estreia de The Walking Dead: World Beyond. As gravações para os seis episódios extras da temporada começam em outubro e vão ao ar no início de 2021 – época em que as gravações da 11ª temporada terão início. O filme sobre Rick Grimes (Andrew Lincoln) ainda está em desenvolvimento na Universal e Skybound.

Continue lendo

EM ALTA