Siga-nos nas redes sociais

2ª Temporada

Review da Série – 2×03 – “Save the Last One”

Publicado há

em

The Walking Dead  está provando que a tensão só irá aumentar no decorrer dos episódios e “Save the Last One” terceiro episódio da segunda temporada só veio provar que vamos ficar cada vez mais sem fôlego diante da tela! Esta semana fomos presenteados com interpretações soberbas e uma boa dose de gore. Confiram a review do episódio que foi transmitido ontem na AMC e irá ao ar amanhã às 22hrs, na FOX!

Shane foi o grande protagonista  dessa semana em The Walking Dead, e não é pra menos, o episódio começa e encerra-se com o policial raspando os próprios cabelos numa clara alusão à exteriorização da mudança interna pela qual ele passou nos últimos tempos. Apoiado pela interpretação de primeira de Jon Bernthal, Shane se mostra como uma grata surpresa ao universo da série, com o destino diferente do que acontece na HQ, o personagem cresceu e se tornou muito mais profundo e ambíguo, ele não é um vilão, mas está longe de ser um mocinho: Ele é apenas humano e está fazendo o que pode por si e pelos seus pra sobreviver. (E depois de raspar os cabelos ficou ainda mais parecido com o personagem na HQ né?)

Aliás a cena pós-crédito é incrível, Shane e Otis fugindo dos zumbis dentro da escola enquanto Rick narra em off para a esposa a história de como o amigo roubou o carro do diretor da escola e ainda conseguiu tirar sarro da situação. Além do foco narrativo em Shane e Otis e sua fuga da escola, é abordado também ao longo do episódio uma discussão entre Rick e Lori. Após Hershel dizer que o tempo do menino está se esgotando, e que os pais precisam decidir se o menino será operado ou não, mesmo sem os instrumentos necessários. De um lado fica Lori que começa a questionar o quanto vale todo o esforço para salvar Carl, sendo que para ela, o que está acontecendo com o filho pode ser um sinal de que aquele mundo já não tem mais nada a oferecer à ele. De outro lado está Rick, que acredita que não podem desistir e que devem se manter lutando pela vida até o fim, afinal Carl poderia se lembrar e falar de qualquer coisa ao acordar, mas o menino lembrou-se do cervo, uma alegoria para a vida, e para ele este foi o sinal de que mesmo no pior pesadelo pode haver alguma esperança.

Já o restante do grupo se dividiu, enquanto Glenn e T-Dog chegavam na Fazenda do Hershel e eram recepcionados por Maggie, por sua vez, Daryl não conseguia dormir com o choro de Carol e o barulho de Andrea mexendo em sua arma, então ele decide sair pra dar uma espairecida e brincar de procurar Sophie (essa só vai voltar na próxima temporada, trajando um manto e um cajado e dizendo-se chamar Sophie, A Branca né?), Andrea o segue e eles compartilham algumas histórias de suas vidas… (Foco no zumbi com as pernas todas comidas. Gente burra é isso daí! Dica: se um dia houver um apocalipse zumbi e você quiser se matar, atire na cabeça pra não terminar como esse homem!)

Clique para ver imagem em tamanho real

Por fim Lori e Rick decidem que o menino será operado mesmo sem o material necessário, mas na última hora Shane chega com todos os equipamentos, mancando de uma perna após se desdobrar juntamente com Otis para escapar da escola, mas traz a triste notícia de que o outro não conseguiu se salvar. O menino resiste a operação e uma agradecida Lori diz para Shane ficar.

Voltamos à cena do início do episódio que nos mostra Shane cortando os cabelos (e aqui faço mais uma analogia: não pude deixar de pensar em Sansão que corta os cabelos e perde sua força por causa de uma mulher) e lembrando o que de fato aconteceu na saída da escola. Somos brindados com uma ótima cena de gore de tirar o fôlego, enquanto vemos Shane se mostrando como um homem capaz de tudo pelos seus. Ou seria capaz de tudo pela mulher que ama?

Clique para ver imagem em tamanho real

Este episódio também merece um PS. pra quem é leitor da HQ: Neste episódio vimos a morte de um personagem que nas HQ’s somente iria morrer muito mais pra frente, e mais, ele é morto por um personagem que já morreu na mídia original. Dito isso poderemos tirar a conclusão (vai me dizer que vocês já não pensaram nisso antes?) de que a série e as HQ’s tem caminhos diferenciados. A série é BASEADA na HQ e ela não vai deixar de matar um personagem porque os fãs da mídia original poderão ficar de picuinha. Entendam que pra vocês curtirem a série na sua totalidade deverão esquecer das HQ’s, ou pelo menos saber que ela não será 100% fiel ao material original, mas temos a felicidade de que ela pelo menos seguirá o cerne central (rimei!). E fiquem felizes, Dexter é baseado em um livro, pra quem não sabe, e somente a primeira temporada foi fiel, depois a série nem ao menos seguiu as histórias dos livros! Até semana que vem!

Por Átila Rithiery (aka @tiul)

Publicidade
Comentários

EM ALTA