A invasão dos zumbis na zona segura de Alexandria terminou. Abraham, Glenn, Spencer, Aaron e o resto dos moradores estão limpando a comunidade. Abraham afirma que o processo demorará para sempre. Glenn diz que eles devem erguer uma nova fogueira para queimar os zumbis. De repente, Glenn encontra uma Jessie zumbificada.

Jessie levanta-se e tenta alcançar Glenn com o braço. Abraham disse a Glenn para matá-la antes que Rick a perceba. Glenn não tem certeza e Abraham tira a arma e dispara contra ela. Abraham reclama por ter que fazer tudo. Glenn pergunta onde Rick está e Abraham pensa que ele está com Carl.

Rick está mesmo com Carl. Denise diz a Rick que deveria comer alguma coisa. Ele afirma que não está com fome. Rick começa a contar a Denise sobre como Ron e Jessie morreram. Ele começa reconhecendo que as ações de Jessie foram feitas na tentativa de salvar seu filho. Por outro lado, Rick tenta racionalizar a ação que ele tomou em resposta, afirmando que ele tinha que fazer o que ele fez para evitar que todos fossem mortos. Ele confessa a Denise os detalhes do que ocorreu, dizendo-lhe que ele tinha que cortar a mão de Jessie para salvar Carl e dar-lhes uma chance de escapar. Denise fica chocada e começa a chorar. Rick ainda lamenta que as ações que ele fez para salvar Carl podem ter sido em vão, já que Carl acabou sendo baleado momentos depois. Rick pede a Denise para não contar a ninguém sobre sua discussão e ela concorda.

No quintal, Andrea e Spencer estão se falando. Spencer chama Andrea para um encontro, mas, ela é desdenhosa sobre o assunto, indicando que ela não quer discutir o assunto agora (dado que ela está no meio de descartar corpos). Spencer pede desculpas e a ajuda com o processo. Glenn e Maggie finalmente se notaram. Glenn pede desculpas por deixá-la, mas, Maggie entende. Eles se abraçam e Glenn afirma que ele a ama.

Abraham tenta conversar com Rosita sobre os eventos que ocorreram naquele dia. Rosita não responde e Abraham pergunta o que está errado. De repente, Rosita confessa a Abraham que conhece seus assuntos com Holly. Abraham fica sem palavras.

Mais tarde, todos estão participando do funeral para Tobin, Morgan, Douglas, Jessie e Ron. Depois, Rick admite ao grupo que ele está pensando em todas as coisas erradas. Ele observa como pensou originalmente que seria melhor sozinho e desconfiar de grupos maiores. Rick afirma que foi apenas “segurança nos números” que o manteve no passado. Agora, no entanto, a mente de Rick mudou. Ele agora reconhece o verdadeiro potencial do grupo e acredita que eles podem conseguir muito coisa juntos como comunidade.

Em primeiro lugar, Rick recomenda construir um labirinto para zumbis. Eugene diz que eles poderiam fazer as paredes mais seguras, botando alguma sujeira entre elas. Michonne acrescenta que se a sujeira estiver cheia o suficiente, então uma passarela poderia ser construída em torno do perímetro para cuidar de zumbis. Abraham recomenda que todos carreguem armas de agora em diante e recebam treinamento sobre como usá-las. Rick confirma que estas são boas ideias e sugere que o grupo se reúna regularmente para discutir esses tipos de assuntos.

Aaron diz ao grupo que ele não vai mais fazer o recrutamento porque é muito perigoso. Heath sugere ter mais pessoas nas corridas de abastecimento para que eles possam alcançar mais áreas. Glenn diz que pode ser bom ter mais eventos da comunidade. Ele gostaria de conhecer todas as pessoas pelo nome. Rick pensa que estas são mais boas sugestões e pensa que elas poderiam tornar a zona segura mais ampla e começar a agricultura. Rick diz a todos que se concentrem na civilização restabelecida. Ele acha que os primeiros passos foram feitos hoje.

Abraham chega à sua casa, só para ver Rosita partir. Abraham diz que está arrependido e Rosita diz sarcasticamente que não tinha percebido que uma simples desculpa tornaria tudo melhor. Abraham diz a ela que não se arrepende de enganá-la; mas lamenta muito que a tenha machucasse no processo. Abraham continua explicando que quando conheceu Rosita, ela completou uma necessidade dele depois que sua esposa morreu. Eventualmente, no entanto, ele se viu pensando na possibilidade de que Rosita não fosse a última mulher na terra – agora, é claro, ele percebeu que ela não é. Rosita o amaldiçoa e sai.

Rick fica ao lado da cama de Carl na enfermaria, contando-lhe as possibilidades com a comunidade e como ele está tomando essa nova abordagem na esperança de proporcionar um melhor futuro a Carl. Rick então questiona-se por dizer isso a Carl quando ele ainda está inconsciente e provavelmente não consegue ouvi-lo de qualquer maneira. Andrea interrompe e Rick se desculpa com ela por conversar consigo mesmo. Andrea assegura Rick que ela entende e que não é necessária desculpa. Andrea dá comida a Rick e eles falam sobre a condição de Carl. Andrea pensa que Carl está se curando. Rick, no entanto, diz que ele não pode imaginar.

Rick fica feliz porque Carl reagiu mas, Andrea diz a ele que o garoto ainda não tinha despertado. Denise examina a criança e pede aos presentes para sairem da sala. Depois de alguns minutos, a médica sai e explica que a criança ainda estava em coma e que era normal fazer movimentos esporádicos.

Rosita aparece na porta da casa de Eugene e pergunta se ela poderia ficar com ele porque era o único amigo que tinha e o homem aceita. A noite cai e a Dra. Cloyd pede para Rick ir descansar, o policial decide ir e passa perto do local onde ele tinha enterrado Morgan e vê Michonne em seu túmulo. Ela diz ao policial que perdeu seu amante e confessa que esperava que eles começassem algo sério. Michonne conclui que ela e Rick nunca poderiam ser felizes e sai.

No dia seguinte, Rick começa a reforçar a segurança de Alexandria e resolve ir visitar Andrea, que estava dando aulas de tiro para os residentes locais. Quando vários caminhantes aparecem ela ordena que seus alunos atirem e cuida daqueles que permanecem. Rick se sente lisonjeado e incentivado pelo o que ela fez e todos retornam à comunidade.

Enquanto caminhavam de volta para a zona de segurança, Rick e Andrea falam de tudo o que eles tinha feito para chegar tão longe e a conclusão é de que olhar para trás no passado é muito doloroso. Rick confessa à mulher que todas as suas decisões foram baseadas em manter segura a sua família e só a eles, independentemente de qualquer outra pessoa.

Andrea diz a ele que isso era compreensível, mas Rick responde dizendo que era bastante indesculpável. Rick diz a seguir que vai fazer o que fosse necessário para proteger todos do grupo. Andrea pergunta o que o mantinha tão otimista e Rick exclama que o lugar onde eles viviam, era o lugar aonde eles poderia começar uma nova vida.

Andrea espera que Rick tenha razão sobre as coisas que começam a funcionar na zona segura de Alexandria. Rick diz a ela que se ele estiver errado, ele fará funcionar. Rick pergunta se Andrea vai voltar a amanhã de manhã e ela concorda. Rick vai ver Carl, que ainda está coma.

Abraham pede a Aaron e Eric para cobrir os portões para que eles estejam completamente seguros e trancados. Abraham tenta falar com Rosita, mas, ela o ignora e o amaldiçoa. Ela se muda para a casa de Eugene e diz que está fazendo comida para eles. Aaron está surpreso de que Abraham e Rosita não estejam mais em um relacionamento. Abraham explica que não é um problema, mas, Aaron pensa que Abraham está encarando Rosita como se fosse um problema. Abraham olha para ele e Aaron se desculpa, dizendo que ele levou muito longe.

Na casa de Denise, ela informa a Rick e Andrea que Carl tem uma freqüência cardíaca estável e que seus sinais vitais são normais. Ela diz que “as coisas estão bem”. Rick está confuso com isso e pergunta quando ele irá acordar. Denise diz a Rick que ela não é cirurgião cerebral, mas, que o cérebro de Carl parece normal. Ela está otimista de que ele vai acordar, mas, não sabe quando. Andrea tenta confortar Rick e diz que gostaria de jantar com ele.

Abraham entra em sua casa e descobre Holly. Ele diz a ela que está ocupado. Holly disse que não viu Abraham em dias, Abraham diz a ela que muito está acontecendo, mas, ela sabe disso. Holly pergunta por que ele não lhe disse que Rosita tinha se mudado, ela pergunta se ele está se sentindo sozinho, Abraham, com raiva, diz que ele está lidando muito bem com isso e só precisa de algum tempo. Holly está prestes a sair e diz que Abraham poderia demorar todos o tempo que ele precisava.

Abraham disse a ela para esperar e diz que Holly era perfeita e forte e ela não precisava de proteção. Abraham diz que estava morrendo de vontade de estar com Holly mas se sentia culpado por trair Rosita. Ele se sente bem agora, mas, não deveria se sentir desse jeito. Por fim, Abraham segura a mão de Holly e diz para ela entrar.

Rick está jantando com Andrea. Rick agradece, mas, Andrea diz que não é nada. Depois de comer, Rick vai às sepulturas de Jessie e Ron. Rick pede desculpas a ambos e diz que nunca deveria ter os arrastado para fora. Por fim, ele diz que cada criança não é como Carl e sai.

Novamente, Rick vai para sua casa e pega o telefone, para ouvir a voz de Lori. Lori não quer falar com ele e diz que tudo o que aconteceu com Carl é culpa dele e é culpa dele que ela e Judith morreram. Por fim, ela diz que deveria ter sido Rick quem deveria ter levado um tiro na cabeça. Rick fica surpreso e desliga o telefone.

Michonne, Abraham e outros estão limpando a horda de zumbis. Depois de todos serem mortos, Rick pede a Glenn que fique atento às coisas, porque elas podem ficar perigosas muito rápido. Glenn diz que ele está nisso.

Rick elogia Michonne pelo bom trabalho e ela agradece. Rick pergunta sobre seus sentimentos e ela pergunta quanto tempo leva para ele perceber que já conhece a resposta. Michonne finalmente responde que está passando. Rick concorda. Michonne pensa que é legal que alguém se preocupe com ela.

Abraham recolhe algumas pessoas para cavar. Ele diz para eles não se concentrarem demais. Ele instrui-lhes onde cavar e onde colocar as pilhas. Todo mundo começa o processo. Nicholas pergunta a Heath o que estão fazendo e por que estão recebendo ordens de Abraham e dos outros. Ele pergunta quem os deixou responsáveis. Heath lembra que Douglas fez isso. Heath diz que as coisas não estavam bem antes de chegarem e pergunta o que há de errado com Nicholas.

Heath diz que Rick estava apenas protegendo seu povo e lembra a Nicholas dos catadores. Nicholas ainda pensa que poderia ter tratado disso. Heath discorda e lembra-lhe de Andrea, que tem habilidades perfeitas para a detecção de falhas. Heath pensa que eles estavam apenas esperando a morte dentro das paredes. Heath está feliz por Douglas colocar Rick no comando. Abraham pergunta se está tudo bem e Nicholas diz que sim.

Olivia chama Rick para dentro de sua casa e informa-o sobre as novidades. Maggie e Sophia estão verificando a situação alimentar. Olivia diz que o fornecimento de alimentos está baixo e o inverno floresce. Olivia acha que eles devem enviar uma equipe para apanhar alimentos e equipamentos, Rick agradece a Olivia e diz-lhe que eles podem enviar uma equipe amanhã. Maggie fala com Rick e diz para não enviar Glenn, como ele já se foi muitas vezes. Ele concorda e Rick diz que Heath conhece os lugares melhor do que ele e que não o enviará. Maggie fica aliviada.

Rick pergunta a Denise se há alguma notícia sobre Carl e ela diz que ele ainda está dormindo. Enquanto Rick está conversando com Andrea, Denise sai de sua casa e diz a Rick que venha, pois Carl acordou.

Denise não pode dizer nada com certeza, mas, Carl começa a falar. Ele pergunta “Papai?”, E Rick está aliviado ao ouvir sua voz. Denise diz para não tocar sua ferida e Carl pergunta o que aconteceu com ele. Todos parecem felizes, até que Carl pergunta: “Onde está a mãe?”

Carl acorda e pergunta onde está sua mãe, Lori. Rick, Andrea e Denise olham para ele, preocupados com o fato de que Carl não se lembra do fato de sua mãe ter sido morta. Carl pergunta a Denise quem ela é. Denise identifica-se e também informa a Carl que ele foi baleado. Carl parece triste, bem como atordoado. Rick abraça Carl e assegura-lhe que está tudo bem. Ele diz a Carl que as coisas são pouco “confusas”, e que ele vai explicar tudo para ele mais tarde. Em última análise, Rick está aliviado de que Carl esteja vivo.

Mais tarde, Denise pergunta a Rick como ele mesmo está fazendo. Rick responde rapidamente, pedindo a condição atual de Carl. Denise diz que Carl está comendo com Andrea. Depois de uma pausa, Denise diz a Rick que as habilidades cognitivas de Carl parecem intactas. Denise testou extensivamente Carl e diz que não há motivo para o alarme. Denise pensa que suas lacunas de memória podem voltar por conta própria.

Rick pergunta o que ele deve fazer agora. Denise pede para Rick esclarecer essa pergunta, mas Rick responde que ele vai contar-lhe sobre a morte de Lori. Rick diz que ele está feliz em ver Carl vivo, mas terá que ser honesto com ele.

Andrea caminha até sua casa e encontra Spencer na porta. Spencer diz a ela que os telefones não funcionam e que tem que caminhar para falar com ela. Ele não quer nada além de falar, mas Andrea não tem nada para dizer a ele. Spencer pergunta por que e pensa que é o comentário que ele disse no meio do caos de Alexandria. Além disso, ele postula que Andrea acredita que ele se preocupou mais com suas vidas do que as outras pessoas de Alexandria. Andrea diz a Spencer que o relacionamento deles acabou. Spencer ainda pensa que eles tiveram algo especial, mas então Andrea diz que não tinham. Spencer pergunta o que a faz dizer isso e diz que pode mostrar em uma questão de tempo que eles têm algo compatível. Andrea diz para ele sair da sua varanda e ele sai.

Carl pergunta a Rick sobre o tempo que ele vai ficar na cama e Rick diz que Denise está o vigiando por um tempo. Carl começa a se lembrar de coisas. Quando Carl pergunta sobre Lori, Rick responde que ela morreu. Carl não parece muito surpreso e pergunta como ela morreu. Rick diz que ela e Judith foram baleadas. Carl pergunta sobre a identidade de Judith e Rick o informa que ela era sua irmãzinha.

Rick pergunta a Carl se ele está triste, mas Carl diz que não pois não se lembra de Judith. Ele diz que também sente falta de Amy, Carol, Tyreese, Morgan, Jessie e Ron. Rick fica surpreso ao saber que Carl se lembra de Jessie e Ron. Carl diz que está cansado e Rick o deixa dormir.

Abraham vem ver Rick e lhe diz que ouviu sobre as boas novas do despertar de Carl.

Abraham diz a Rick para dormir um pouco, mas Rick não pode porque Olivia disse que eles estavam com pouca comida. Eles precisam reunir um grupo e ir buscar. Rick pede para ele reunir um grupo e que Glenn não pode ser enviado, e ele quer ir com o grupo. Abraham questiona isso e Rick diz a ele que Maggie lhe disse para não leva-lo e que ela está certa.

Rick quer ir, porque ele quer procurar a área ao redor deles para residências e comida. Ele quer ir em um grupo maior, mais seguro e que pode assistir as costas uns dos outros. Eles não precisarão de mais do que um dia, porque eles só procurarão os poucos blocos ao redor deles. Ele quer que a viagem seja feita agora. Além disso, Carl está dormindo, então ele pode estar ausente pelo tempo em que ele dorme. Abraham indica que ele entende.

Rick pede a Denise que fique de olho em Carl e lhe diga que está buscando comida. Denise o lembra que Carl é seu filho e pergunta por que ele deixaria Carl em seu momento de necessidade. Rick não tem resposta. Ele sai pedindo que cuide dele.

Glenn pergunta a Rick por que ele não pode ir na viagem. Rick diz a Glenn as preocupações da Maggie e Glenn entende. Glenn diz que “fará uma patrulha ou algo assim”. Abraham vem informá-lo de que o portão está pronto para eles. Rick agradece a Glenn.

Andrea, Michonne, Holly, Aaron, Eric, Abraham e Rick estão prontos para ir. Spencer deseja-lhes boa sorte e Rick percebe a tensão entre Andrea e Spencer. Ele pergunta o que está acontecendo entre eles, ao qual Andrea responde com “absolutamente nada”.

Rick diz que a maioria dos zumbis provavelmente está congelada como no inverno passado. Rick diz a todos para verificar as lojas e fiquem em uma distância que possam gritar aos outros. Eric ergue um saco de batatas fritas e Aaron não encontra nada. Andrea vai ver o que Rick está fazendo e o encontra chorando em um escritório. Andrea pergunta o que está errado.

Enquanto isso lá fora, Spencer e Nicholas estão empacotando coisa e levando para o caminhão e dizendo a Olivia para entrar. Nicholas diz a eles que Heath está “confiando demais” em Rick, que eles deveriam fazer um movimento para tomar o controle. Nicholas diz que se eles deixá-los no comando o suficiente, será a morte de todos eles.

O plano de Nicholas, de acabar com Rick, é ouvido por Glenn. Numa loja, Rick confessa a Andrea que teme que algo estava errado com Carl e então diz a ela que seu filho agora era uma pessoa fria e sem emoção. Andrea repreende Rick por pensar dessa maneira e diz que Carl era apenas um garoto fingindo ser forte para ele ter orgulho.

Enquanto isso, em Alexandria, quando Nicholas ameaça Glenn, ele saca sua arma para se defender, mas Nicholas e arrebata o rapaz que corre para se trancar em sua casa. Maggie pergunta o que aconteceu e ele pede para ela pegar uma arma e se esconder no banheiro com Sophia.

Enquanto isso, Rick e os outros decidem que era hora de voltar e enquanto caminhavam de volta para casa tiveram que terminar com alguns caminhantes.

Nicholas vai para a casa de Glenn e todos os moradores da área segura saem para ver o que estava acontecendo. Nicholas pede para eles se rebelarem contra Rick e recuperar a comunidade, em seguida, Glenn sai e manda ele parar de ameaçar a sua família e seus amigos. Nicholas aponta a arma para a cabeça de Glenn enquanto discursava, em seguida, Rick aparece perguntando o que estava acontecendo. Nicholas fica completamente chocado ao ouvir a voz de Rick e o policial diz que ele não sabia com quem ele estava lidando.

Rick fala com Nicholas depois de fazer um discurso poderoso afirmando que iria continuar sendo o líder e ordena que todos voltem para suas casas. Nicholas se surpreende com esta decisão de Rick e depois sai. Na enfermaria Carl acorda e Rick o informa que a médica lhe dará permissão de voltar para casa.

No caminho, o policial pede que seu filho volte a ser o mesmo de antigamente e parar de ser tão duro consigo mesmo, ele explica que sentir-se triste não era um sinal de fraqueza. Ambos são interrompidos por Nicholas, que se desculpa com Rick pelo o que tinha feito e diz que ele só estava com medo e tentando proteger sua família. Rick entende e os dois fazem as pazes.

Holly tenta convencer o sargento Abraham que ele seria um líder melhor do que Rick e os dois acabam fazendo sexo. Maggie se manifesta tristemente com Glenn por ter que viver em constante medo e diz através de lágrimas que não podia mais suportar aquilo, os comentários de Maggie começam a preocupar Glenn. Em casa, Rick e Carl vão para a sala para falar com Andrea.

Rick confessa a mulher que ele realmente queria matar Nicholas por ser tão patético e que se sentia mal com isso. Rick diz também que ele sentiu como se tivesse morrido há muito tempo, Andrea o conforta e diz que era hora de voltar à vida. Os dois acabam se beijando apaixonadamente.

INFORMAÇÕES:

Título: We Find Ourselves
Título em Português: Nos Encontramos
Escrito por: Robert Kirkman
Ilustração e Capa: Charlie Adlard
Cores por: Cliff Rathburn
Publicado por: Image Comics | Skybound Entertainment
Lançamento (EUA): 7 de Dezembro de 2011
Lançamento (BRASIL): sem previsão
Edições: Edição 85 | Edição 86 | Edição 87 | Edição 88 | Edição 89 | Edição 90
Volume anterior: The Walking Dead Volume 14 – No Way Out
Próximo volume: The Walking Dead Volume 16 – A Larger World

PERSONAGENS DO VOLUME:

• Rick Grimes
• Carl Grimes
• Andrea
• Glenn
• Sophia
• Maggie Greene
• Michonne
• Abraham Ford
• Rosita Espinosa
• Eugene Porter
• Gabriel Stokes
• Aaron
• Eric
• Heath
• Olivia
• Nicholas
• Denise Cloyd
• Spencer Monroe
• Barbara
• Holly
• Jessie Anderson (zumbificada)

MORTES:

• Jessie Anderson

CAPA:

EDIÇÕES:

THE WALKING DEAD 85

THE WALKING DEAD 86

THE WALKING DEAD 87

THE WALKING DEAD 88

THE WALKING DEAD 89

THE WALKING DEAD 90