ATENÇÃO: Esta página contém SPOILERS.

→ Página de informações sobre o personagem Michonne da História em Quadrinhos. Para informações sobre o personagem Michonne da Série de TV, confira Michonne (TV).

Michonne é personagem da série de quadrinhos criada por Robert Kirkman, The Walking Dead. Sua primeira aparição ocorreu na edição número 19, lançada em 2004 pela Image Comics. Sendo uma das mais fortes sobreviventes de toda a série, é conhecida pelo seu talento com o uso de uma katana, além de seu modo calculista de agir.

Michonne mantinha uma vida normal, sendo uma advogada de sucesso. Quando o apocalipse começou, fugiu com seu namorado Mike, e seu amigo Terry, porém os dois acabaram não conseguindo, passando a serem pets. Quando chegou ao time da prisão, logo mostrou sua grande habilidade no combate aos mortos-vivos, além de manter um bom relacionamento com todos. Entre todas as ameaças, a mais traumática para a personagem ocorreu com o maníaco psicótico O Governador. Após a queda da prisão, sempre esteve ainda mais determinada a manter o grupo em segurança, provando enfim, ser um membro ainda mais valioso.

PERFIL DO PERSONAGEM:

Nome: Michonne
Status: Viva
Sexo: Feminino
Idade: Aproximadamente 30 anos e meio
Ocupação: Advogada (Pré-Apocalipse)
Família: –  (filhas, falecidas) | – (irmãs, falecidas) | – (irmão, falecido) | Dominic (marido, falecido) | Mike (namorado, falecido) | Tyreese (namorado, falecido) | Morgan Jones (namorado, falecido) | Ezekiel (ex-namorado)
Primeira Aparição: Edição 19
Última Aparição: –
Interpretado na Série de TV por: Danai Gurira

RESUMO DA JORNADA DE MICHONNE:

A VIDA PRÉ-APOCALÍPTICA | OS PRIMEIROS DIAS DA INFECÇÃO

Quando criança, Michonne cresceu em uma família de quatro irmãos, sendo duas irmãs e um irmão. Ela praticou esgrima quando criança, e voltou a praticar como um hobby quando foi estudar direito na universidade. Depois de se formar e conseguir seu diploma, tornou-se uma advogada de sucesso, e casou-se com um homem chamado Dominic, com quem teve duas filhas.

Os dois viveram uma vida de classe-média no subúrbio, e tiveram problemas com um adolescente vizinho que provavelmente matou o gato da família com sua Katana. Por sua vez, Michonne passava maior parte do tempo levantando peso e assistindo futebol. Com problemas constantes no casamento, se divorciou do marido e começou a namorar outro homem chamado Mike.

Em um certo dia, Michonne voltava do trabalho quando se deparou com estranhas pessoas andando pelas ruas, atacando a todos: mortos-vivos. Quando chegou em sua casa, foi seguida por um walker, que foi morto por Mike, e seu corajoso/babaca amigo, Terry.

Infelizmente, Mike foi mordido e acabou infectado. Sem reação, a mulher enfaixou o namorado. Na mesma noite, Michonne conseguiu escapar para a casa vizinha em busca de suprimentos e encontrou a katana. Entretanto,ficou presa na casa a noite inteira devido a horda de zumbis no lado de fora.

Ao voltar para casa no dia seguinte, encontrou o namorado e o amigo já transformados nas criaturas e, sem coragem para matá-los, cotou seus braços com a espada e os prendeu em um armário.

Sem que notasse, o barulho do ataque acabou chamando atenção dos zumbis, que encheram a rua novamente. Sem outra saída, cortou o maxilar do seu namorado e seu amigo, e os prendeu com correntes no pescoço, conseguindo escapar, disfarçada com o cheiro dos zumbis. Assim, passou os dias seguintes em busca de outros sobreviventes.

A CHEGADA NA PRISÃO

Algum tempo depois, enquanto andava pelas estradas repletas de mortos-vivos, avistou Otis tentando chegar à prisão. Já do lado de fora do local, salvou o homem de uma horda, ganhando sua entrada na “moradia” do líder Grimes, com o preço de devolver sua katana, e dormir em sua cela fechada à noite.

Durante os primeiros dias, permaneceu extremamente calada para com o grupo, quase não mantendo contato com ninguém, porém, mostrou um interesse grandioso em Tyreese.

Ela se ligou a ele devido ao interesse natural dos dois em levantar peso e futebol, tanto que ela o reconheceu como um antigo jogador da liga nacional da década de 90. Em certo ponto, seduziu Tyreese fazendo sexo oral nele. Ao saber do ocorrido, Carol, a atual namorada do homem na época, terminou com o mesmo.

Rick entrou no meio da situação quando Carol tentou cometer suicídio cortando os próprios pulsos. Enquanto confrontava Tyreese, os dois amigos acabaram em uma luta física até que fez o líder Grimes desmaiar. Michonne demonstrou culpa pelo ocorrido, mas continuou a se manter próxima dele.

Ainda assombrada pelo trauma do início da epidemia, conversava ocasionalmente com seu namorado morto, o que foi percebido por Andrea, que tentou ajudar no início, mas negou logo em seguida. Depois, Michonne preferiu abrir o jogo, explicado que isso era uma forma dela lidar com os horrores do mundo tomado pelos zumbis.

O GOVERNADOR E A GUERRA CONTRA WOODBURY

Muito tempo depois, Michonne, junto com Glenn e Rick, foram investigar um misterioso helicóptero caído. Após seguir um longo caminho, o grupo chegou a cidade de Woodbury, uma estranha comunidade pós-apocalíptica, liderada por um homem autodenominado de “O Governador”.

Sem piedade, sofreu vários abusos sexuais por parte do maníaco líder da comunidade, e foi obrigada a lutar em uma arena com zumbis e um oponente humano – onde, enfurecida, matou todos.

Quando o grupo encontrou aliados e uma brecha para fugir, Michonne voltou atrás e se vingou do Governador torturando-o física e psicologicamente, amputando seu braço, arrancando-lhe um olho e aparentemente cortando e pregando-lhe as partes íntimas.

Quando retornou à prisão, passou a acompanhar o grupo, e não comentou nada do acontecimento.

Quando tudo parecia normal, o Governador atacou a prisão, fazendo com que Michonne e Tyreese tentassem uma tática de guerrilha, que acabou com a captura de Tyreese, e subsequentemente o uso do homem como objeto de barganha para entrar no local.

Como o grupo não aceitou o tal fato, Tyreese foi decapitado com a katana, pelas mãos do Governador, dando sequência a uma guerra épica. No resto da batalha, a personagem mostrou-se totalmente sumida, mas dias depois retornou à prisão e recuperou sua espada, dando fim a cabeça zumbificada do namorado.

AQUI PERMANECEMOS | A JORNADA ATÉ WASHINGTON

Depois dos eventos da Prisão, e mostrando-se totalmente devastada psicologicamente, Michonne rastreou pegadas que a levaram até Rick e Carl.

Com o líder, floresceu uma bela amizade, compartilhando sua vida pessoal e mantendo segredo até mesmo sobre as alucinações com a esposa, das quais Rick vinha mantendo até o tal ponto.

Com a busca por um novo começo, Michonne protegeu Carl como uma mãe faria, e o mesmo por Rick, devido ao grande respeito que ela tinha por ele. Quando descobriu que alguns membros do grupo ainda estavam vivos, mostrou-se extremamente aliviada e contente, sem hesitar em aceitar a chance de ir até Washington, quando três estranhos sobreviventes apresentaram a proposta de ir até a Capital, em busca da cura.

Após a chegada de Morgan no grupo, Rick perguntou se ela estava atraída pelo homem, e mesmo hesitando, afirma que sim. Mesmo querendo conhecer Morgan melhor, recua muito para uma intimidade maior, pois ainda sente a perda de Tyreese.

CERCADOS PELOS VIVOS | A ZONA SEGURA DE ALEXANDRIA

Junto com os outros sobreviventes, Michonne aceitou ir até a comunidade de Alexandria, após terem descoberto que a cura proposta por Eugene era na verdade, uma mentira para ficar vivo.

Logo no início, teve dificuldades em se ajustar ao que era considerado “normal” no mundo antes da decadência. Douglas, o líder da comunidade, não mostrou-se confortável com Michonne pedindo para que ela entregasse sua Katana. Graças à outra moradora da comunidade, Olivia, conseguiu permanecer com sua fiel companheira.

Com o passar dos dias, admitiu que as pessoas da Zona Segura pareciam boas. Logo depois, pensou que estava na hora de voltar atrás, aposentando sua katana, após lembrar de tudo que já fez com ela – desde a amputação do namorado, a tortura com o Governador, até a morte por misericórdia a Tyreese.

Passei por muito já com você! NOTA: A cena da personagem pendurando a katana na parede foi fielmente reproduzida na quinta temporada da série, durante o episódio 13, “Forget”.

Durante uma festa de boas-vindas na casa de Douglas Monroe, Michonne participou mas quase não falou com ninguém, onde, pela maior parte do tempo apenas escutou, até que comentaram com quem ela gostaria de ficar, sugerindo-lhe opções.

Já cansada da festa, ela decidiu ir embora, mas uma moradora, Barbara queria fazer um prato do qual ela gostasse, e, confusa e extremamente abalada ao ouvir uma piada sem graça da mulher sobre estar preocupada que Michonne não gostasse da comida,  gritou “preocupada? É ISSO COM QUE VOCÊ SE PREOCUPA?!”.

Raivosa e quase chorando, saiu da festa deixando todos de boca calada. Quando voltou pra casa, encontrou-se com Morgan, que também, como ela, não se sentiu bem com as pessoas na casa de Douglas.

Abalada, comentou que tinha feito um escândalo na festa. No tal momento, aproveitou para dizer que não agüentava mais aquele tipo de conversa fútil que encontrava na comunidade. Aparentemente chateada, deitou sua cabeça no ombro de Morgan, que não mostrou reação contrária ao ato.

SEM SAÍDA | REDESCOBERTAS | A VIDA DE FORA DOS MUROS

Aproveitando o clima do momento, Morgan mencionou que merecia ser feliz depois do que aconteceu com Duane, seu filho, fazendo com que, em um novo surto de raiva, Michonne respondesse dizendo que ele não foi o único que perdeu entes-queridos. Perturbada, saiu em busca de um copo d’água.

Quando uma ameaça zumbi invade os muros da comunidade, Michonne não hesitou em tirar sua Katana da parede, falando “Espero que não esteja muito confortável aí”.

Quando tragicamente Morgan foi mordido, ela amputou o braço do amado, e o ajudou a chegar na casa de Rick. Ela disse que ele era um idiota, e esperou ao seu lado, aflita.

Neste ponto, decidiu se abrir para Morgan, dizendo que não expressava seus sentimentos, com medo de que a faça parecer fraca. Pedindo perdão, ela percebeu que o amado morrera pela perda de sangue.

Ainda mais abalada e perturbada, aproveitou para matá-lo por misericórdia com a Katana.

Quando Carl foi tragicamente atingido por um tiro no olho, Michonne foi quem ajudou Rick a comandar o plano que envolvia entranhas de zumbis para passaram ao meio dos mortos-vivos.

UM MUNDO MAIOR | OS SALVADORES

Um mundo maior

Quando um misterioso homem chamado Paul Monroe “Jesus” apareceu propondo um trato entre Alexandria e outra comunidade, “Hilltop”, Michonne foi uma das pessoas que atacou o desconhecido e ajudou a prendê-lo.

Após Rick decidir que o melhor a se fazer era ir até a comunidade vizinha, Michonne foi uma das pessoas encarregadas de segui-lo na missão. Ao chegarem lá, conversaram com o líder, Gregory, que apresentou as propostas e também o sistema do Alto do Morro.

Quando um dos residentes, Ethan, chegou de uma missão fracassada, informou sobre uma mensagem vinda do grupo de um homem chamado “Negan”, e instantaneamente esfaqueou o líder da comunidade. Chocado e sem hesitar, Rick o matou na frente de todos, buscando a defesa do grupo.

Quando Michonne descobriu que Rick voluntariou a Comunidade para lidar com os Salvadores, o grupo de Negan, parece bem chateada, falando que não era certo fazer acordos com um grupo de assassinos.

No caminho de volta a Alexandria, o grupo foi emboscado por uma parcela dos Salvadores, matando todos, menos um, que foge. Uma semana depois, ela voltou a Hilltop com o líder e os outros, mas no caminho encontram cerca de cem dos Salvadores, e seu líder, Negan, que afirmou que um deles deveria pagar pela morte de seus homens, tendo a “honra” de ser espancado até a morte pelo seu taco chamado “Lucille”.

Sendo Michonne uma das chances de ser a vítima, quem acabou pagando o preço foi o carismático Glenn, que morreu com vários golpes no crânio, na frente de todos enquanto ela e os outros observavam em choque sem poder fazer nada.

ALGO A TEMER | MARCHA PARA A GUERRA | GUERRA TOTAL

Quando Rick apresentou a proposta de se unir a outra comunidade, O Reino, para dar continuidade a batalha, Michonne hesitou e disse que não era o que ela queria, mas estava apta a fazer qualquer coisa pelo seu grupo, sua família.

Quando foram para O Reino, Michonne foi apresentada a Ezekiel, o líder do local, em quem não confiou inicialmente, apontando a katana para ele. Mesmo pedindo para ela parar, continua.

Após a resolução do mal entendido, a personagem começou a apresentar um certo interesse no líder da tal comunidade, que até mesmo revelou ter sonhos com a samurai durante a noite. Após encontros para se conhecerem, criaram um laço com constantes piadas um para o outro. Entretanto, nada diminuía a tensão da eminente guerra que se aproximava.

Quando os dois voltaram para Alexandra, Michonne e Ezekiel acabaram por dormir juntos. Após uma reunião sobre planos de guerra na igreja do Padre Gabiel na comunidade, eles foram surpreendidos por um ataque de explosões de granadas, fazendo todos entrarem em pânico, temendo por suas vidas.

Depois do acontecido, a mulher decidiu ir para Hilltop, em busca de segurança. Durante a noite, enquanto estavam juntos, Ezekiel prometeu que seria uma pessoa forte, por ela. Os dois sorriram um para o outro, e dormiram.

Quando o ataque contra os Salvadores começou, Michonne teve um grande papel na batalha, matando inúmeros dos soldados do grupo inimigo. No final, sobreviveu ao ataque, e, após ouvir um belo discurso sobre humanidade por parte de Rick, se mostrou orgulhosa dos atos do amigo.

UM NOVO COMEÇO | SUSSURROS E GRITOS

Dois anos depois dos atuais acontecimentos, Michonne adotou um visual novo, e, ao encontrar-se com Rick novamente, revelou que deixou Ezekiel, deixando o líder confuso.

Ao indagar a mulher o porquê de ela ter deixado o Reino, a mesma respondeu que abandonou as duas filhas durante o surto do apocalipse zumbi – somente Lori sabia -, e que tal ato nunca deixaria ela ser capaz de começar a viver de novo. Sem reação, Rick diz que acha melhor ela voltar para casa, em uma forma de esquecer o que fez e até mesmo, tentar recomeçar.

VÍTIMAS

Essa lista mostra as vítimas que Michonne matou:

• Eugene Cooney
• James Lee
• Eric
• Raymond Hilliard
• Tyreese (Zumbificado)
• Chris
• Theresa
• Albert
• David
• Greg
• Charlie
• Scott (Por misericórdia)
• Morgan Jones (Por misericórdia)
• Denise Cloyd (Por misericórdia)
• Vários membros d’Os Salvadores
• Quantidade grandiosa de zumbis

CURIOSIDADES:

• Na sessão de perguntas e respostas de fãs da edição #49, Robert Kirkman, criador da história em quadrinhos, revelou que Michonne é a personagem mais forte da série inteira.
• Michonne é a personagem com o maior número de envolvimentos amorosos de toda a série.
• Por mais que tenha-se revelado uma boa atiradora com armas de fogo, Michonne raramente usa alguma.
• Coincidentemente, Michonne apareceu pela primeira vez nos quadrinhos na edição 19, e na série de TV, apareceu no episódio 19 (13º da segunda temporada, Beside the dying fire)