ATENÇÃO: Esta página contém SPOILERS.

→ Página de informações sobre o personagem Allen da História em Quadrinhos. Para informações sobre o personagem Allen da Série de TV, confira Allen (TV).

Allen é personagem da série de quadrinhos criada por Robert Kirkman, The Walking Dead. Sua primeira aparição ocorreu na edição número 2, lançada em 2003 pela Image Comics. Pai e marido, Allen sempre esteve em volta de sua família. Ao perder inesperadamente sua mulher, passou a se tornar um homem depressivo e agressivo, sempre causando discussões com membros do grupo, sendo mais notavelmente agressor/agredido verbalmente com a personagem Andrea.

Após a epidemia tomar conta do mundo, Allen e sua família procurou refúgio em Atlanta, e acabou consequentemente no acampamento de Dale. Após as coisas saírem do controle no lugar, Allen e o grupo foram para a estrada, parando em um condomínio – onde Donna acabou sendo brutalmente morta. Após isso, passou a se tornar um homem frio e sem esperança, esperando apenas o dia de sua morte. Na prisão, teve sua perna amputada, após uma mordida de zumbi, e consequentemente acabou morto.

PERFIL DO PERSONAGEM:

Nome: Allen
Status: Morto
Sexo: Masculino
Idade: 32 anos
Ocupação: Vendedor de sapatos (pré-apocalipse)
Família: Donna (esposa, falecida) | Ben (filho, falecido) | Billy (filho, falecido)
Primeira Aparição: Edição 2
Última Aparição: Edição 22 (porém, morto na edição 23)
Interpretado na Série de TV por: Daniel Thomas May

RESUMO DA JORNADA DE ALLEN:

A VIDA PRÉ-APOCALÍPTICA

Antes do apocalipse começar, Allen era emprego em uma loja de calçados, em Gainesville. Quando a praga zumbi começou, Allen e Donna ouviram que Alanta possuia uma zona de segurança. Ao chegarem na cidade, descobriram a mesma tomada pelos mortos. Andando ao redor da cidade, acabaram por encontrar Glenn, Dale, Amy e Andrea, que acabaram aceitando-os em um pequeno grupo, situado em uma área retirada do centro.

DIAS PASSADOS

Após se instalar no acampamento com sua família, Allen aprendeu a atirar com armas de fogo, e acabou sendo extremamente útil no ataque de uma horda ao acampamento. Após a morte de Amy, ele esteve presente no funeral da garota.

CAMINHOS TRILHADOS

Após incidentes com o acampamento, o grupo seguiu para a estrada, e acabou parando em um condomínio aparentemente seguro, Wiltshire Estates.

Extremamente feliz ao lado de Donna, fez planos sobre o crescimento dos filhos no local, e como seria bom poder ter um local seguro para viver com a família e amigos. No segundo dia depois da chegada, pediu para ter relações sexuais com a mulher, mas a intervenção dos filhos não colaborou.

Entretanto, a felicidade aparente terminou quando Donna foi mordida brutalmente no rosto por um errante. A morte da mulher deixou-o devastado, assim como os filhos gêmeos. Na chegada até a fazenda Greene, continuou extremamente inconsolável, e acabou brigando furiosamente com Andrea. A partir disto, virou uma pessoa mais retirada e depressiva o possível.

SEGURANÇA ATRÁS DAS GRADES

Com o psicológico abalado, Allen começou a agir por impulso, e parou de ajudar o grupo quando necessário. Após encontrarem uma prisão abandonado, não prestou serviços na ajuda para limpar o local, e apenas ficou ouvindo os tiros, chorando, e ajudou Andrea entregando maior munição. No resto do tempo, ficou retirado em uma cela do presídio, chorando sob as desesperanças do novo mundo.

DESEJOS CARNAIS

Após um tempo já no local, Allen voltou a si, e começou a ajudar o grupo em pequenas tarefas. Entretanto, enquanto buscava a localização do gerador com Axel, Tyreese, Dale e Rick, acabou sendo mordido na perna por um zumbi. Sem hesitar, o líder do grupo amputou a perna do homem, para que a infecção não se alastrasse pelo corpo. Quando notou que não conseguiria mais lutar, pediu desculpas a Andrea por suas ações, e implorou para que Dale e a moça ficassem com a guarda dos gêmeos Billy e Ben. No fim, Rick deu o tiro de misericórdia, encerrando a trágica trajetória do homem.

CURIOSIDADES:

• A ideia original de Robert Kirkman, criador dos quadrinhos, era de Hershel ter sua perna amputada após a mordida do zumbi. Entretanto, achou melhor passar a “honra” para Allen, devido aos problemas atuais que o pai Greene já estava passando.
• Igualmente como Abraham Ford, a morte de Allen não havia sido planejada até a edição 20 ser concluída.
• Allen foi um dos personagens que demoraram mais tempo para “morrer” depois da mordida de um zumbi, tal como Dale, Jim, Denise Cloyd e Lee Everett.
• O desenvolvimento e morte de Allen na série de TV foi extremamente polêmico para a reação dos fãs, sendo apresentado como um homem imoral, e consequentemente, soldado do grupo de Woodbury, onde foi morto pelo Governador com um tiro na testa (episódio Welcome to the Tombs, 03×16)